Mês: abril 2014



Novo Honda Fit 2015 chega totalmente renovado em sua terceira geração

Com novo design, veículo está ainda mais confortável e moderno

Com o espírito inovador que faz parte de seu DNA, a Honda apresenta o novo Honda Fit 2015, o melhor funcional compacto de sua categoria.

O modelo será fabricado na planta de Sumaré (SP) e, a partir do próximo ano, também na nova unidade de Itirapina (SP), que deverá dobrar a capacidade produtiva da Honda no Brasil. O lançamento ocorre logo após a comemoração da marca histórica alcançada em março pelo Fit no Brasil, com mais de 500 mil unidades produzidas desde o lançamento no país, em 2003.

Globalmente, o monovolume é um dos veículos mais vendidos da história da Honda, próximo à expressiva marca de 5,2 milhões de unidades comercializadas em todo o mundo desde a sua apresentação oficial, em junho de 2001, no Japão. Atualmente, o carro é vendido em mais de 120 países e fabricado em 11 unidades localizadas no Japão (2), China (2), Taiwan, Tailândia, Malásia, Indonésia, Reino Unido, México e Brasil.

O novo Fit apresenta uma evolução em seus principais atributos como espaço interno aprimorado, versatilidade dos bancos traseiros, economia no consumo de combustível e design totalmente renovado e arrojado com uma inspiração esportiva – além das vantagens de uma motorização mais eficiente.

Em sua terceira geração, o Novo Fit deve revolucionar o seu segmento no Brasil. Completamente redesenhado, o modelo tem atributos que agradam ao público mais exigente, como combinação de estilo e desempenho, aliados a uma alta tecnologia que ratifica o conceito “máximo para o homem, mínimo para a máquina”, em que há a maximização do espaço disponível para os ocupantes e a minimização do espaço necessário para os componentes mecânicos.

O modelo será comercializado em quatro versões, todas com motor 1.5L i-VTec FlexOne. As duas de entrada (DX e LX) contam com a transmissão manual de cinco velocidades e a nova CVT (Continuously Variable Transmission) geração Earth Dreams, enquanto as top de linha (EX e EXL) dispõem exclusivamente da transmissão CVT. A previsão é de que o veículo comece a ser comercializado no início do próximo mês (maio/2014), com expectativa de vendas para o mercado interno de cinco mil unidades mensais.

Conceito

O dinamismo do design, a praticidade e versatilidade dos bancos, a excelente dirigibilidade e o baixo custo de manutenção fazem do Honda Fit 2015 um dos mais importantes lançamentos da indústria automobilística. É o veículo ideal para quem valoriza estilo, conforto, agilidade, segurança e espaço interno amplo e flexível, e também quer sentir máximo prazer ao dirigir um automóvel.

O Brasil é o único país onde a Honda produz e comercializa o sistema Flex, com a exclusiva tecnologia  FlexOne. A iniciativa alinha-se ao empenho da Honda em inovar a mobilidade sustentável e concilia alta eficiência, menor consumo de combustível e baixa emissão de poluentes para todas as gerações de produtos. Inicialmente implantado nos modelos Civic 2014 com motorização 2.0, o conceito Flex One foi estendido no ano passado à linha CR-V e agora chega também ao novo Honda Fit 2015. Gradativamente, será agregado aos demais automóveis Honda comercializados no mercado nacional.

Design 

O novo Fit 2015 inaugura uma nova identidade visual que será aplicada para os futuros lançamentos da Honda, com o conceito “Solid Wing Face” bem evidenciado na parte frontal dos veículos. O conceito se compõe basicamente do conjunto óptico e a grade frontal. O design do novo Honda Fit 2015 se tornou ainda mais sofisticado, moderno e dinâmico.

Se, por um lado, o layout original da Honda de tanque centralizado permite ao Fit a maior eficiência de espaço da categoria, privilegiando o conforto dos passageiros, por outro as suas linhas esportivas unem perfeitamente beleza e eficiência.

Nas laterais, a carroceria tem linha de “cintura alta” e um vinco levemente angulado para baixo, da porta dianteira até o início das lanternas traseiras, que trouxe mais elegância e diferenciação ao modelo. Destaque ainda para o refletivo que passa a acompanhar a linha da coluna traseira. O conjunto forma linhas harmônicas de grande modernidade e confere maior personalidade e estilo.

Os retrovisores também exibem um design exclusivo e estão equipados com repetidores para as setas (EXL). O para-choque traseiro também possui novo desenho e defletores de ar dispostos harmonicamente com o aerofólio, que conta com um novo local de posicionamento do break light. O visual se completa com a adoção de novas rodas de liga leve de 15” ( LX) e de 16” (EX e EXL).

Destacam-se o habitáculo versátil, com materiais de alta qualidade, e a carroceria mais dinâmica, que enfatiza rodas e pneus, além da robustez dos pára-lamas, sob o conceito Crossfade Monoform. A parte frontal do veículo ficou mais agressiva, e com isso aumentou a sensação de robustez e segurança, enquanto a parte traseira reformulada reforça ainda mais a esportividade do novo Honda Fit 2015.

Mais espaço

Para ser o número 1 em eficiência de espaço da categoria, o novo Fit 2015 ampliou a área de cabine quando comparado à segunda geração. Suas dimensões comprovam esse objetivo: a largura foi mantida (1.695mm), mas a sensação de espaço no interior ficou ainda mais evidente. Além disso, a distância entre eixos passa a ser de 2.530mm, 30mm a mais que o modelo anterior. A nova geração também apresenta uma evolução no comprimento, passando de 3.900mm para 3.997mm.

A disposição de seu tanque de combustível central foi mantida. Com capacidade para 45,7 litros, o tanque central recebeu melhorias, como o reposicionamento das estruturas de assoalho que mantêm o tanque seguro. Como consequência, obteve-se uma eficiência de espaço interno ainda maior, acomodando os passageiros com muito conforto e mantendo o amplo espaço para bagagem.

Conforto e versatilidade

O Novo Fit oferece excelente ergonomia, tanto para o motorista quanto para os passageiros. Os bancos foram projetados para garantir conforto e sofisticação. Compostos de uretano de baixa repulsão, mais densos e macios, dão uma sensação de aconchego e firmeza. Os encostos dos bancos dianteiros podem ser ajustados de forma rápida através de uma alavanca quando é necessário incliná-los, ficando sempre em posição confortável. Para o revestimento dos bancos foram adotadas padrões em tecido (DX, LX e EX) e couro (EXL), que conferem sofisticação e bom gosto.

Além disso, com a redução do comprimento do braço de suspensão traseiro, a distância entre passageiros aumentou 80mm em relação à geração anterior, assim como o espaço traseiro para as pernas dos ocupantes, que agora é 122mm maior. Por fim, o perfil reduzido do tanque de combustível permite uma distância de regulagem de assento 10mm superior.

No Novo Honda Fit 2015, os assentos ultraversáteis que faziam parte do sistema ULT (Utility Long Tall) ganham uma nova forma de configuração, além das três já existentes na geração anterior. O modelo passa a contar com o sistema ULTRa-Seat, nas versões LX, EX e EXL , e contam com o novo modo Refresh, onde o encosto dianteiro alinha-se ao assento traseiro, em um encaixe que aumenta a capacidade de acondicionamento do veículo.

Além disso, o interior do monovolume conta com espaços versáteis de armazenamento, com porta-luvas, porta-copos, porta-objetos, porta-revistas e porta-bebidas. O porta-objetos localizado ao lado esquerdo do motorista traz uma maior conveniência ao contar com um flip retrátil, que comporta tanto um celular de forma ajustada até um copo grande.

O Honda Fit 2015 ainda vem equipado com ar-condicionado, vidros verdes com filtro UV, travas e espelhos elétricos (LX, EX, EXL), entre outros itens.

Painel de instrumentos 

O painel de instrumentos também foi redesenhado e apresenta uma interface avançada, possibilitando uma clara leitura de todas as informações que o motorista necessita, sem que ele precise desviar sua atenção da direção.

Na versão EXL, um design diferenciado e com predominância da cor azul o torna ainda mais sofisticado e com um toque futurista. O conjunto é composto por tacômetro, indicador da posição da manopla (CVT), velocímetro, relógio, hodômetros total e parcial, consumo médio e instantâneo (em km/l) e medidor de combustível. A versão EXL ainda conta com indicador ecológico e indicador de consumo de combustível instantâneo. Nas demais versões, a iluminação azul é substituída pelo âmbar.

Sistema de Áudio

Para as versões EX e EXL, o sistema de áudio 2DIN, é composto por Rádio AM/FM com um visor de LCD de 5” e Bluetooth, câmera de ré com três ângulos de visão (panorâmica, normal e superior), leitores de arquivos no formato MP3/WMA, entradas auxiliares P2 (tipo fone de ouvido) e porta USB.  O sistema HFT (Hands-Free Telephone) posicionado junto ao volante, possibilita o atendimento de uma ligação através da conexão sem fio juntamente com a função de viva-voz.

A versão LX dispõe de Rádio AM/FM 2DIN com Bluetooth e entrada USB, enquanto a DX disponibiliza todo o cabeamento para a instalação de sonorização.

Direção mais leve e menor ruído interno

O novo Honda Fit é equipado com o EPS (Electric Power Steering), um sistema de direção eletricamente assistida, que torna a sua condução mais leve em manobras em baixas velocidades e firme em altas. O esforço ao esterçar é reduzido por meio do auxílio de um pequeno motor elétrico comandado por um módulo eletrônico, que atua sobre o pinhão na caixa de direção. As versões DX e LX oferecem o ajuste de altura da coluna da direção e nas versões EX e EXL, a coluna de direção também pode ser ajustada telescopicamente. A qualidade e o baixo nível de ruído no interior do Novo Fit foi mantido, proporcionando e mantendo o bem-estar dos ocupantes.

A suspensão frontal rígida conta com um rebound stopper, enquanto a suspensão traseira apresenta uma redução na sensibilidade da carroceria. Além disso, as portas são duplamente seladas, ajudando a reduzir consideravelmente a quantidade de ruído que penetraria na cabine.

Motor e Transmissão 

Sob o capô do monovolume também há novidades. Toda a linha conta agora com o motor 1.5L i-VTEC FlexOne, equipado com o controle eletrônico variável de sincronização e abertura de válvulas. A tecnologia, criada pioneiramente pela Honda, varia o tempo e a profundidade de abertura das válvulas para máxima eficiência em diferentes regimes de rotação. Assim, oferece excelente desempenho com o máximo de economia de combustível.

O motor gera 116 cv de potência a 6.000 rpm e torque de 15,3 kgf.m a 4.800 rpm quando o combustível escolhido for o etanol. Foi otimizado com o aumento da taxa de compressão, comando de válvulas redesenhado e atrito e peso reduzidos, o que aumenta o torque em baixas rotações e proporciona uma melhor dirigibilidade, aceleração e redução de consumo de combustível. A melhora de eficiência é perceptível quando analisado o consumo de combustível (Conpet) em relação à geração anterior: 17% nas versões CVT e 8% nas com transmissão manual.

O sistema de injeção de combustível multiponto programada PGM-FI (Programmed Fuel Injection) foi mantido, em conjunto com o módulo de controle do motor ECM (Engine Control Module) que, conectado a sensores que monitoram diversas condições do veículo, atua separadamente em cada injetor, de acordo com a necessidade de combustível do motor. Além de promover maior economia de combustível e máxima potência quando necessário, o sistema também traz mais durabilidade ao conjunto.

Um grande destaque está na adoção da avançada tecnologia que dispensa o subtanque de partida a frio, agora também disponível no Fit 2015, seguindo o conceito Honda FlexOne, que entra em ação depois do acionamento do controle que destrava as portas. Para isso, um conjunto de injetores com aquecedores integrados age diretamente no combustível quando há uma alta concentração de etanol, levando-o à temperatura ideal para deixar a mistura ar/combustível pronta para o uso imediato do motor. O resultado é uma partida rápida e segura, mesmo em situação de baixa temperatura.

A transmissão CVT (Continuously Variable Transmission) está disponível no modelo, agora na nova geração Earth Dreams. A principal novidade é que o sistema apresenta conversor de torque e uma elasticidade de giro maior, o que melhora a tração em baixas velocidades, proporcionando uma resposta mais rápida, aceleração linear e economia de combustível. Com isso, a força do motor principalmente em subidas mais íngremes é ampliada e a concepção moderna de aceleração gradual e contínua torna a direção mais suave e ágil.

Com o G-design Shift, é possível oferecer aceleração direta em uma rápida resposta para a necessidade do condutor, além de uma sensação de aceleração linear com um aumento constante de rotação em resposta à aceleração. As versões com CVT também evoluíram em relação à redução de peso (16% em relação ao 5AT anterior) e à economia de combustível (elasticidade de rotação 12% maior que o 5AT anterior).

Tecnologia e Segurança

No novo Honda Fit 2015 o sistema de suspensão foi redimensionado para ocupar um espaço menor, mas com mais eficácia. O novo sistema diminui a variação de cambagem ao longo do curso dos amortecedores, o que dá mais estabilidade, principalmente em relação à aceleração lateral durante as curvas. Foram aplicados também novos amortecedores traseiros, com o objetivo de aumentar ainda mais o conforto para os usuários do veículo.

O compromisso da marca com a segurança também está evidente no novo conjunto de freios, a disco na dianteira e tambor na traseira, dotados de ABS, que evita o travamento das rodas para uma frenagem mais segura e eficaz.

O modelo também conta com sistema de duplo airbags frontais, aviso de uso de cintos de segurança, airbags laterais frontais (EXL) e cintos de segurança de três pontos para todos os ocupantes, além de pontos de ancoragem para assentos infantis compatíveis com os tipos ISOFIX e LATCH para todas as versões.

O Honda Fit 2015 também traz recursos antifurto, sistema de abertura e fechamento das portas com alarme (LX, EX e EXL) e imobilizador na chave (em formato canivete nas versões EX e EXL), além de trava de segurança nas portas traseiras. A linha conta com três anos de garantia, sem limite de quilometragem e está disponível nas cores:

Azul Netuno Metálico (novo) 
Vermelho Rally Sólido
Preto Cristal Perolizado,
Cinza Barium Metálico (novo)
Cinza Iridium Metálico,
Prata Global Metálico
Branco Taffeta Sólido.

Preços públicos sugeridos:

EXL CVT R$ 65.900
EX   CVT R$ 62.900
LX   CVT R$ 58.800
LX   MT   R$ 54.200
DX   CVT R$ 54.500
DX   MT   R$ 49.900

Os preços são referentes às versões com cores sólidas. As metálicas e perolizadas terão um acréscimo de R$ 990 no preço público sugerido. Os clientes podem obter informações sobre o Novo Fit nas concessionárias mais próximas, pelo site www.honda.com.br ou pelo telefone 0800 701 3432.

Fonte: Linkpress Assessoria e Comunicação

Comente aqui


Motivados por prêmio, Maico Teixeira e Cachorrão tentam retomar dobradinha no SuperBike Series Brasil

Dupla da Equipe Honda Mobil encara segunda etapa da competição nacional nesta semana (2 a 4 de maio), em Interlagos

São Paulo (SP) – Maico Teixeira e José Luiz Cachorrão, da Equipe Honda Mobil de Motovelocidade, aceleram neste fim de semana (2 a 4 de maio) no Autódromo Internacional de Interlagos, em São Paulo, onde será disputada a segunda etapa da temporada 2014 do SuperBike Series Brasil. A dupla entra na pista motivada pela conquista do prêmio Moto de Ouro da revista Motociclismo, na última terça-feira (29). Maico foi eleito o melhor piloto da categoria e Cachorrão, com o troféu de bronze.
“Estou bem confiante, ainda mais após ganhar um prêmio. Fizemos uma modificação no controle de tração da moto, que não atuou como deveria na prova de abertura. Acredito que chegamos a um acerto ideal para esta prova”, afirmou Maico, que na terça completou 33 anos.
Na prova de abertura, realizada em 12 de abril, Maico cruzou a linha de chegada na segunda colocação e Cachorrão foi o terceiro. No intervalo entre uma corrida e outra, a equipe realizou alguns acertos no equipamento para que os pilotos continuem a andar entre os primeiros.
“Será mais uma corrida extremamente disputada. Acertamos alguns detalhes no equipamento, mas acredito que o que fará diferença na pista será a motivação”, explica Cachorrão, que utiliza a CBR 1000RR Fireblade.
A programação do SuperBike Series Brasil será aberta na sexta-feira (2), com os treinos livres. No sábado (3), os pilotos disputam os classificatórios e a SuperPole, que define a ordem de largada para a corrida do domingo (4).
A Equipe Honda Mobil de Motovelocidade tem o patrocínio de Pirelli, Spidi Itália e Shoei.
Copa Honda CBR 500R – Novidade na temporada, a Copa Honda CBR 500R reuniu 25 motos na primeira etapa. O vencedor, Igor Calura, desenvolveu série de mudanças na motocicleta para se manter entre os primeiros visando mais uma vitória. Leonardo Tamburro, que ficou em segundo, vai mudar de estratégia nesta etapa para brigar pelo lugar mais alto do pódio. Ademilson Peixer é o terceiro na tabela, seguido de Lucas Dezeró e Osvaldo Duende.
Honda Junior Cup – A nova geração do motociclismo nacional entra em cena na categoria escola, que reúne crianças e adolescentes de 10 a 16 anos com a moto CG 150 Titan. Na primeira etapa, Davi Gomide foi o vencedor. Na classificação geral, Lucas Cabaco ocupa a segunda posição, seguido de Lucas Randi. As garotas Giovana Erbolato e Maria Fernanda ocupam o quarto e quinto lugares, respectivamente.
Fonte: VIPCOMM
Assessoria de Imprensa Honda Racing
Jornalistas responsáveis: Ricardo Ribeiro/Carolina Yada
Site oficial: www.honda.com.br/equipehonda
Sala de imprensa: www.vipcomm.com.br/honda
Twitter: @equipehonda

Comente aqui


Brasileiro de Marcas: J.Star Racing espera repetir pódio em Brasília


A segunda etapa do campeonato acontece neste final de semana com transmissão da Rede Bandeirantes e portal Terra

São Paulo, SP, 30 de setembro de 2014 – As duas corridas válidas pela segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Marcas (Copa Petrobras de Marcas) marcadas para o próximo domingo na Capital Federal, terá o piloto Thiago Marques, no comando do Chevrolet Cruze #1 e Daniel Kaefer #17 pela equipe J.Star Racing. Os treinos terão início no sábado às 8h40 e as corridas serão no domingo às 9h30 e às 12h45.
Thiago Marques retorna à Brasília para a competição multimarcas, após a etapa de abertura da temporada 2014 produtiva em Tarumã. “A expectativa para a corrida é boa e realista. Tivemos a confirmação de que os trabalhos durante a virada do ano foram positivos, porém sabemos que ainda temos alguns décimos de segundo para buscar”, disse o curitibano. “Já venci em 2012 no circuito candango e sempre guardo boas recordações”, ressaltou.
Sobre as impressões sobre a pista palco da disputa, o piloto diz que terá também sua particularidade seletiva. “É um quadrado, com praticamente todas as curvas em terceira marcha, sempre para o mesmo lado. Por ser uma pista razoavelmente fácil, qualquer detalhe pode ser crucial, já que os carros andam muito próximos”, avaliou Thiago.
O piloto está bastante focado para a etapa que promete ter uma temporada bem competitiva e abrir a temporada entre os ponteiros já é um estímulo a mais. “Estou animado. Conseguimos arrancar bons pontos na primeira etapa que nos deixou a apenas três pontos do líder. Como eu disse, ainda não temos um carro 100%, mas acho que podemos sonhar com mais um pódio nessa etapa”, acrescentou.
Com a terceira colocação na última corrida da rodada dupla em Tarumã, Thiago Marques carregará um lastro de 60 quilos e destacou qual será a estratégia com relação a carona extra. “O peso interfere negativamente sem a menor dúvida, mas é a regra do jogo e vamos com tudo para fazer um bom trabalho e tentar compensar essa perda!”, concluiu Thiago que marca 32 pontos na tabela de classificação.
Já Daniel Kaefer, fará sua estreia na pista do Distrito Federal. “É um circuito diferente por ser meio oval, não tem comparação com o Autódromo de Tarumã. Será uma prova mais competitiva e manter uma boa constância na corrida é essencial. Estou bastante otimista e espero fazer o melhor que conseguir, um ano de aprendizado mas espero fazer bons pontos”, declarou o piloto cascavelense.
Acompanhe a rodada dupla
A Band é a emissora oficial do campeonato e transmitirá ao vivo a segunda bateria de todas as oito etapas do calendário e, terá também um compacto da primeira corrida. Pela internet, as duas corridas de cada final de semana serão mostradas ao vivo pelo portal Terra.
A equipe J.Star Racing conta com patrocínio da IPQ Instituto de Psiquiatria, Schahin, PPR, DMP Sistemas, MADIS, Yuny, Unitalo – Centro Universitário Ítalo Brasileiro, AC Delco, Constructiva Engenharia, Malas Cruzeiro, Atua Construtora, Colonial Rodas, Benfica, Alpina, Vivamil, Technology ClimSystem, Lanali Análises de Alimentos, Palmali, Frango Delícia e Motul Óleos Lubrificantes.
Copa Petrobras de Marcas – Pilotos
1- # 5 Denis Navarro, 36 pontos
2- # 90 Ricardo Maurício,33
3- # 77 Felipe Gama e # 1 Thiago Marques, 32
5- # 3 Vítor Meira, 31
6- #43 Vicente Orige, 30
7- #30 Vitor Gens, 18
8- #28 Galid Osman, 16
9- #26 W. Justino, 15
10- #83 G. Casagrande, 12
11- #99 César Bonilha, 10
12- #00 Gustavo Martins, 8
13- #96 Carlos Souza, 8
14- #82 Alceu Feldman, 7
15- #34 F. Casagrande, 3
16- #17 Daniel Kaefer, 2
17- #13 Eduardo Rocha, 1
18- #27 W. Pinheiro, 0
Programação:
Sábado – 03 de maio
08h40 – 08h50 – Shake Down
09h50 – 10h35- 1º Treino livre – Grupo “A”
10h45 – 11h30- 1º Treino livre – Grupo “B”
12h30 – 13h15- 2º Treino livre – Grupo “A”
13h25 – 14h10- 2º Treino livre – Grupo “B”
16h10 – 16h20- Classificação
Domingo – 04 de maio
Corrida 1
09h30 – Largada (30 minutos de prova + 1 volta)
09h40 – Pódio
11h35 às 12h15 – Visitação aos boxes
Corrida 2
12h45 – Largada (30 minutos de prova + 1 volta)
13h20 – Pódio
Mais informações:
Blog: jstarracing.wordpress.com
Facebook: JStarRacing
Twitter: @JStarRacing
Calendário do Campeonato Brasileiro de Marcas:
Etapa 1 – 04 de abril – Tarumã/RS
Etapa 2 – 04 de maio – Brasília/DF
Etapa 3 – 25 de maio – São Paulo/SP (corrida de 200 quilômetros)
Etapa 4 – 08 de junho – Goiânia/GO
Etapa 5 – 27 de julho – Curitiba/PR
Etapa 6 – 07 de setembro – Nova Santa Rita/RS
Etapa 7 – 19 de outubro – Curitiba/PR
Etapa 8 – 23 de novembro – Goiânia/GO
Mais informações:
Blog: jstarracing.wordpress.com
Facebook: JStarRacing
Twitter: @JStarRacing

Fonte: Assessoria de Imprensa Equipe J.Star Racing
SIG Comunicação – Silvana Grezzana Santos
www.sigcomunicacao.com.br

Fotos: Luciano Santos/SigCom

Comente aqui


Dicas de Presentes Laquila para o Dia das Mães motociclistas

Conjunto Strike e Capacete Speed Mud são algumas das novidades da TEXX para as mamães motociclistas

Chegou o mês de maio e a atenção de todos volta-se às mamães, que comemoram o seu dia no domingo, 11. E para ajudar a escolher o presente ideal para a mamãe que anda sobre duas rodas, a TEXX (marca de vestuário da Laquila) apresenta seus mais novos produtos para o público feminino.

Na linha Street, a dica é presentear com o conjunto Strike: de calça e jaqueta. A linha utiliza poliéster 600D (para maior resistência e proteção) e tecido Stop Water duplamente revestido, sendo 100% a prova d´água. A jaqueta Strike possui gola alta de Neopreme com fechamento em velcro, forro removível, e ainda conta com proteções em E.V.A. com certificação européia CE, nos cotovelos, nos braços e na coluna.

Para as mamães aventureiras, a TEXX possui como novidades o Capacete Speed Mud em sua linha off road, disponível em várias cores femininas. O produto é leve (aprox. 1.200 gramas), pois é produzido com material Bicomposite, formado por Fiberglass (Fibra de Vidro) e Kevlar (utilizado pela NASA para dar resistência e leveza aos foguetes).

Pensado para ser um diferencial tanto nas pistas como nas trilhas, o Capacete Speed Mud é um ícone em segurança. Prova disso é sua trava por Double Ring, sistema que é o mais seguro e confiável, além de facilitar o engate e desengate, mesmo sujo de barro ou quando você estiver usando luvas. Possui design arrojado e forro removível: feito a partir de microfibras inteligentes com tratamento anti-bactéria e anti-alergia. As entradas e saídas de ar pronunciadas contribuem ainda mais para este item seja ideal para prática de esporte em qualquer tipo de terreno.

Fonte: Patrícia Stedile

ENGENHARIA DE COMUNICAÇÃO

Comente aqui


Fiat forma primeira turma de pós-graduação em parceria com as universidades Bocconi e FIA/USP


Em uma parceria inédita com a SDA Bocconi School of Management, na Itália, e a Fundação Instituto de Administração (FIA), ligada ao Departamento de Administração de Empresas da USP, a Fiat Automóveis formou a primeira turma da pós-graduação “Fiat Chrysler Executive Master”. A cerimônia aconteceu no dia 29 de abril, na sede da fábrica de Betim (MG), com a entrega dos certificados a 31 gestores que ocupam posições-chave na empresa.

O presidente da Fiat Chrysler para a América Latina, Cledorvino Belini, destacou a importância do investimento para a qualificação dos colaboradores. “Eu acredito que a educação é o fundamento do desenvolvimento sustentável”, disse. “A experiência proporcionada pelo intercâmbio com instituições tão conceituadas como a Bocconi e a Fundação Instituto de Administração é crucial para o desenvolvimento da Fiat Chrysler”, acrescentou.

No curso, com carga horária de 440 horas/aula, os alunos selecionados integram as mais diversas áreas da empresa, permitindo a troca de experiências para o desenvolvimento de habilidades em um ambiente global. Ao preparar os executivos para enfrentar os desafios de um mercado cada vez mais competitivo, a parceria com as escolas de negócios mais conceituadas foi chave. Na avaliação de Maurício Zanon, da área de Planejamento e Estratégia de Produto, a diversidade das disciplinas, incluindo palestras e estudos de casos, permitiu um novo olhar sobre os conceitos de gestão. “O que aprendi aplico no dia a dia do meu trabalho. Me sinto mais preparado e com visão estratégica para aprimorar e inovar”, contou Zanon.

Na última etapa do curso, todos os alunos apresentaram trabalhos de caráter técnico/aplicativo, avaliadas pelos diretores da Fiat Chrysler, que participaram ativamente de todo o processo. Para Mário Diniz, da área de Qualidade da Fiat, o retorno à sala de aula possibilitou um amplo diálogo com os desafios atuais do trabalho. “A pós-graduação mudou a minha forma de analisar os cenários. Deixei de pensar apenas como engenheiro e passei a fazer uma leitura de gestão com posicionamento estratégico e competitivo para impulsionar novos negócios”, destacou.

“Depositamos nesses 31 profissionais nossa confiança para que eles possam iniciar um grande movimento em prol da inovação dentro de nossas unidades industriais de Betim e Pernambuco. E não há melhor caminho para a inovação do que a disseminação do conhecimento”, afirmou o diretor de Recursos Humanos da Fiat Chrysler para a América Latina, Mario Borio.

A pós-graduação “Fiat Chrysler Executive Master” foi realizada no âmbito do Centro de Competências, estrutura responsável pela gestão das parcerias com as instituições acadêmicas. Desde a criação do espaço em 2003, já foram realizados 48 cursos no formato similar “in company”. “Como resultado de inúmeras atividades realizadas em parceria com as melhores instituições acadêmicas, a Fiat já contribuiu com a formação de mais de dois mil especialistas”, informa Silvana Rizzioli, diretora do Centro de Competências da Fiat.

Fonte: Imprensa Fiat

Comente aqui


Fórmula Ford presta homenagem especial à memória de Ayrton Senna

A Fórmula Ford presta neste final de semana uma homenagem especial a Ayrton Senna, tricampeão do mundo que amanhã (1º de maio) será lembrado pelos fãs do automobilismo de todo o mundo, na data que marca os 20 anos de sua morte no Grande Prêmio de San Marino, em Ímola. A homenagem será feita no circuito de Thruxton, em Hampshire, onde Senna conquistou seu primeiro pódio na Fórmula Ford, durante a prova do Campeonato Dunlop MSA de Fórmula Ford da Grã-Bretanha.

Ayrton foi para a Grã-Bretanha em 1981, aos 20 anos de idade, para dar continuidade à sua carreira de piloto, depois de fazer sucesso no kart no Brasil. Como muitos pilotos estreantes, ele decidiu que a Fórmula Ford era a categoria ideal para aprimorar a arte das corridas em monoposto.

Senna estreou no volante de seu Fórmula Ford 1600 em Brands Hatch, no início de março de 1981, e impressionou com um quinto lugar. Uma semana depois chegou em terceiro lugar em Thruxton e, na semana seguinte, comemorou a primeira vitória em Brands Hatch debaixo de chuva.

Ayrton venceu 12 das 19 corridas daquela temporada e foi campeão absoluto do Campeonato Britânico RAC de Fórmula Ford, e também do Campeonato Townsend Thoreson de Fórmula Ford.

Carreira brilhante

Há algumas ligações entre a Fórmula Ford do início dos anos 80 e a atual era dos motores EcoBoost, mais notadamente com Alan Cornock, então responsável pelo chassi de sucesso da Fórmula Ford, fabricado pela Royale, e hoje representante da Mygale, principal fornecedora da Fórmula Ford.

Senna foi um rival implacável do piloto principal da Royale, Rick Morris, como lembra Alan. “Ayrton corria pela Van Diemen e foi de longe o nosso concorrente número um. Ele era muito jovem quando chegou, mas totalmente dedicada ao que fazia – tudo o que ele queria era vencer. Lembro que nós o vencemos várias vezes com Rick, que era muito mais velho e não se dava muito bem com o Ayrton. Rick era um piloto experiente e talentoso, mas um homem casado e amador, enquanto Ayrton era o jovem ascendente e profissional que não gostava de ser derrotado por ele. Este era o seu perfil.”

“Acho que ninguém naquele momento realmente pensou que Senna seria tão notável como se tornou. Havia um monte de jovens rápidos sul-americanos chegando e ele foi certamente um dos melhores, mas acho que ninguém o reconheceu na época como um futuro campeão mundial. Conforme o tempo passou e ele foi subindo de categoria, tornou-se mais evidente era excepcional”, diz Cornock.

Depois do sucesso inicial, Senna voltou à Grã-Bretanha em 1982 e correu na Fórmula Ford 2000. Mais uma vez, ganhou os dois campeonatos mais importantes, o Pace British FF2000 e o Campeonato Europeu FF2000, e na temporada seguinte conquistou o título britânico de Fórmula 3.

A carreira de Senna na Fórmula 1 começou na equipe Toleman, apenas três temporadas depois de sua estreia na Formula Ford, e ele conquistou suas primeiras vitórias em Grandes Prêmios com a Lotus, em 1985. O primeiro de seus três títulos mundiais veio com a McLaren, em 1988, e sua última vitória em um Grande Prêmio ??foi em 1993, no volante de uma McLaren com motor Ford.

“Senna tinha essa extraordinária capacidade de tirar até a última gota de desempenho de um carro”, diz Gerard Quinn, chefe da Ford Racing na Europa. “Lembro-me de vê-lo vencer o Grande Prêmio da Europa de 1993, debaixo de uma chuva torrencial em Donington Park – ele estava de tirar o fôlego naquele dia, pilotando o McLaren-Ford. Nós, da Ford Racing, somos tremendamente orgulhosos dessa associação com Senna no início de sua carreira como piloto na Fórmula Ford.”

Exposição

Para marcar o 30º aniversário da estreia e os 20 anos do legado de Ayrton Senna, considerado o maior piloto de corridas do mundo, a Proud Galleries, de Londres, apresenta uma exposição oficial até o dia 4 de maio, em parceria com a Sutton Images e o Instituto Ayrton Senna.

A coleção de fotografias, tiradas por Keith Sutton, retrata a carreira brilhante de Senna desde seu início na Fórmula Ford até o domínio da Fórmula 1. Todas as imagens têm direitos autorais de Keith Sutton/Sutton Images. Mais detalhes da exposição estão disponíveis em www.proud.co.uk.

Fonte: Imprensa Ford (30/04/2014)

Comente aqui


Ford vende 1.250 EcoSport para a frota da Localiza Rent a Car

EcoSport SE 01b

A Ford vendeu 1.250 unidades do EcoSport para a Localiza Rent a Car, a maior rede de aluguel de carros da América  do Sul, com mais de 530 agências nas principais cidades e aeroportos de nove países. O lote, formado pelo modelo EcoSport 1.6 SE, será usado na renovação da frota da locadora, com entregas programadas durante o ano.

Líder do segmento de utilitários esportivos, o Ford EcoSport foi o primeiro carro fabricado no Brasil a receber a nota máxima de segurança – 5 estrelas – do Latin NCAP. A escolha da Localiza Rent a Car levou em conta também fatores como a qualidade e valor de venda após o uso no aluguel, alinhados com a demanda dos clientes e necessidades operacionais da locadora, que mantém um portfólio com carros de diferentes segmentos. A depreciação real do veículo é um custo relevante no negócio de aluguel e é decisivo na escolha do modelo a ser adquirido.

“Já trabalhamos com o EcoSport na nossa frota há um bom tempo. Essa experiência mostra que ele tem um bom valor residual e bom custo de manutenção, que atendem os requisitos da nossa operação”, afirma Rosino Biagioni Rezende Gomes, gerente de Administração de Compras de Carros da Localiza.

A versão SE do EcoSport vem equipada com itens como rodas de liga leve, sistema multimídia SYNC com comandos de voz para celular e outros dispositivos digitais, freios ABS, airbag duplo, faróis de neblina, direção elétrica, ar-condicionado, vidros, travas e espelhos elétricos e faróis com LEDs. O motor Sigma 1.6 Flex, com bloco, cabeçote, cárter e mancais de alumínio e 16 válvulas, é um dos mais avançados da categoria. Ele gera a potência de 115/110 cv com etanol e gasolina e tem a classificação A de economia de combustível no ranking do INMETRO/CONPET.

Localiza

Fundada no Brasil em 1973, a Localiza hoje está presente também na Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai. Desde então, passou por um processo contínuo de expansão e capitalização que a transformou na maior do setor na América do Sul. Foi a primeira no Brasil a atuar no segmento de terceirização de frotas, para o qual criou a Localiza Gestão de Frotas.

Em 1990, a empresa inovou com a adoção da estratégia de vender seus veículos seminovos desativados do aluguel de carros e de frotas diretamente para os consumidores finais, por meio da Seminovos Localiza, gerando mais caixa para a renovação da frota. Em 2005 o grupo abriu o seu capital com a oferta pública de ações e hoje conta com uma frota total de cerca de 110.000 carros.

Fonte: Imprensa Ford (30/04/2014)

Comente aqui


Raízen e Sapore se unem para formar empresa de restaurantes para postos em rodovias

 

Expectativa é abrir cerca de 100 restaurantes e lojas nas estradas brasileiras nos próximos cinco anos. Primeira unidade deverá ser inaugurada no segundo semestre

São Paulo, 30 de abril de 2014 – A Raízen, licenciada da marca Shell no país, e a Sapore, uma das maiores empresas brasileira de refeições coletivas, anunciam nesta data o acordo para a criação da Sabor Raiz, uma joint-venture entre as duas companhias para criar uma operação de alimentação e conveniência em postos de rodovia com a marca Shell. A primeira loja deverá ser inaugurada ainda no segundo semestre deste ano.

A Raízen terá 60% do negócio, enquanto a Sapore responderá pelos outros 40% da nova empresa. Para constituir a nova empresa, será necessário aguardar a aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

Os planos de expansão da Sabor Raiz prevêem a abertura de até 100 lojas nos próximos cinco anos. A companhia começará suas operações por Rio de Janeiro e São Paulo, para em seguida expandir para o Sul, Minas Gerais, Bahia e Centro-Oeste.

“Essa parceria faz parte da nossa estratégia de expansão no segmento de varejo em rodovia. A escolha desse parceiro se deu à ampla estrutura de supply chain oferecida e sua reconhecida expertise no segmento de alimentação”, afirma o vice-presidente de Planejamento Estratégico, Leonardo Linden.

Até encontrar junto à Raízen o modelo ideal de negócio, a Sapore chegou a tentar algumas parcerias para entrar no varejo – algumas delas com grandes companhias de fora do Brasil. “Estamos nos preparando há 15 anos para dar um passo como esse, desde quando iniciamos as operações por meio do sistema Inteligência Operacional Sapore (IOS), responsável por trazer ao mercado soluções inovadoras de produtos processados, embalagens e novos sistemas de fornecimento de alimentos (cadeia fria, Sous Vide e Cook Chill)”, explica o presidente da Sapore, Daniel Mendez. “Estamos cada vez mais ligados ao varejo. Tanto que além da Sabor Raiz, viremos com mais novidades em breve, entre elas a abertura de uma distribuidora, que entregará produtos congelados, resfriados e secos”, completa.

Sobre a Raízen – A Raízen é líder em energia renovável no Brasil e primeiro player integrado do setor sucroenergético, com atuação em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia está entre as cinco maiores em faturamento do país e conta com cerca de 40 mil funcionários. Com 24 unidades, a Raízen produz 2 bilhões de litros de etanol por ano, 4 milhões de toneladas de açúcar e gera mais de 900 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 57 aeroportos, possui 58 terminais de distribuição e comercializa aproximadamente 22 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Na área de distribuição, a companhia conta com uma rede formada por cerca de 5.000 postos de serviço com a marca Shell e mais de 900 lojas de conveniência Shell Select. A Raízen foi formada em 2011 a partir da integração de parte dos negócios de Shell e Cosan.

Sobre a Sapore – Fundada em 1992, a Sapore é a primeira multinacional genuinamente brasileira de restaurantes corporativos. Atualmente, atende mais de 1100 restaurantes por todo o país. São mais de um milhão de refeições servidas diariamente. Para atender essa demanda, a Sapore trabalha com mais de 15 mil colaboradores. Em 2013, o faturamento da empresa foi de R$ 1,4 bilhão. Suainternacionalização ocorreu em 2007. Hoje, a empresa possui operações no México e Colômbia. Um dos grandes diferenciais da Sapore é maneira como é vista pelo mercado. Uma empresa inquieta, constantemente investindo na busca de soluções inovadoras.

Fontes:

Informações à imprensa – Raízen

Fernanda Doniani – Henrique Cavinatti – Juliane Silva

 Informações para a Imprensa – Sapore

Lucila Lopes – Joseph Dana – Talita Perna

Comente aqui


Brasileiro de Jet Ski – Grand Prix 2014: emoções em Boa Esperança começam nesta quinta-feira

Com expectativa de grande público, começam nesta quinta-feira e prossegue até domingo, em Boa Esperança (MG), a segunda e terceira etapas do Campeonato Brasileiro de Jet Ski - Grand Prix 2014 Foto: Ricardo Fuchs/Photojetski

Com expectativa de grande público, começam nesta quinta-feira e prossegue até domingo, em Boa Esperança (MG), a segunda e terceira etapas do Campeonato Brasileiro de Jet Ski – Grand Prix 2014
Foto: Ricardo Fuchs/Photojetski

 

As disputas da segunda etapa serão nesta quinta e sexta-feira, e as baterias da terceira acontecerão no sábado e domingo, na Represa de Furnas, no Sul de Minas Gerais

Começam nesta quinta-feira e prosseguem na sexta-feira, as disputas da segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Jet Ski – Grand Prix 2014. A terceira etapa está marcada para o sábado e domingo, na Represa de Furnas, em Boa Esperança no Sul de Minas Gerais. Os organizadores esperam um público de aproximadamente 35 mil pessoas, somados os quatro dias de evento. A competição, ao término das cinco etapas programadas também definirá os pilotos que disputarão o Mundial de 4 a 12 de outubro, em Lake Havasu, no Arizona (EUA).
A movimentação nesta quinta-feira do Campeonato Brasileiro de Jet Ski – Grand Prix 2014 começa às 11 horas, com treinos livres e as disputas das baterias acontecem a partir das 13 horas. Na sexta-feira as disputas têm início às 9 horas e no sábado às 13 horas. No domingo, a movimentação começa às 9 horas.
Devem participar da segunda e terceira etapas do Campeonato Brasileiro de Jet Ski – Grand Prix 2014, pilotos dos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Goiás, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Bahia, Paraná, Distrito Federal e convidados do Paraguai, Argentina, Uruguai e Bolívia.
A categoria Runabout Turbo GP é considerada a Fórmula 1 da modalidade e a expectativa é de disputas acirradas aconteçam em Boa Esperança. A liderança é do paranaense de Ivaiporã, radicado no Paraguai, Valdir Scremin. Na etapa de abertura, em Pereira Barreto (SP), venceu as duas baterias e sua expectativa é repetir a performance em Minas Gerais. Caso vença as duas etapas, ficaria em excelente situação na classificação geral e na briga pelo título. Scremin também lidera a categoria Super Course Turbo GP.
Outro destaque é o paulista Everson Camargo, de São José do Rio Preto, que ocupa a segunda colocação na Runabout Turbo GP. Ele treinou intensivamente nos últimos dias e tentará garantir a vitória nas duas etapas, para manter as chances de buscar o título.
Na terceira posição na categoria está o jovem Marcos Vinícius Mariano, de Goiânia (GO), considerado o piloto revelação de 2013. Ele anda forte e chega otimista para essas duas etapas do Campeonato Brasileiro de Jet Ski. O goiano lidera a categoria Runabout Turbo Limited e ocupa a vice liderança na Super Course Turbo GP,
Também figura na lista dos favoritos em Boa Esperança, o paulistano Jeferson Gomes, que lidera as categorias Runabout Turbo Stock, Super Course Turbo Stock e Super Course Turbo GP.  O gaúcho Israel Pereira, de Guaíba, vai estrear um novo equipamento e tentará vencer na categoria Runabout Turbo Limited, que está em terceiro.
Única mulher a participar da competição, Gisele Kimi Hattori, de Goiânia, fará sua estréia no campeonato, porque não disputou a etapa de abertura, em Pereira Barreto. Ela que foi vice-campeã brasileira em 2011, competirá nas categorias Runabout Aspirado Limited e Runabout Aspirado GP. A goianiense promete empenho para tentar garantir as vitórias, pois só assim terá condições de brigar por títulos.
O paraguaio Augusto Nahuel Wottrich, de Ciudad Del Este teve excelente performance na sua estreia na competição, em Pereira Barreto, vencendo na Runabout Turbo Estreante e Super Course Turbo Estreante. O jovem piloto mostrou que anda forte e está na lista dos favoritos na temporada.
A segunda e terceira etapas do CAMPEONATO BRASILEIRO DE JET SKI GRAND PRIX 2014 – Classificatória para o Mundial de 2014 é uma realização da BJSA – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE JET SKI, com homologação da IJSBA – INTERNATIONAL JET SPORTS BOATING ASSOCIATION. Produção – CPM7 FULL PROMOTION. Patrocínio – PREFEITURA DE BOA ESPERANÇA E CÂMARA MUNICIPAL.  Apoio: 51 ICE, X-FLOAT, SPETO IMPORT, CASARINI SEA-DOO / BRP, YAMAHA DO BRASIL, GLOBOJET / KAWASAKI, Site BOMBARCO, REVISTA BOAT SHOPPING, www.photojetski.com.br, FULLPOWER ENERGY, TOALHAS SÃO CARLOS, NEWPRESS VIDEO PRODUÇÕES E COPTERCAM. O evento conta com a supervisão da MARINHA DO BRASIL e CORPO DE BOMBEIROS.
Maiores informações no site www.bjsa.com.brwww.photojetski.com.br
Fonte: ROF – Renato Fabretti

Comente aqui


Rally do Velho Chico: largada é nesta quinta-feira em Maceió

O ponto de partida da terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country será na Praia de Pajuçara às 7h30, rumo a Traipu

30 de abril de 2014 – A terceira edição do Rally do Velho Chico já começou. Os boxes das equipes estão montados em Maceió, AL, na Av. Dr. Antonio Gouveia, na Praia de Pajuçara – em frente ao Hotel Brisa Mar. Hoje, os competidores realizam as vistorias técnicas e administrativas, e concluem os últimos detalhes que cercam a preparação dos veículos.
As expectativas são grandes para a prova de 2014, uma vez que o evento não passará mais pelo litoral. Depois de deixar Maceió, o roteiro ruma para o sertão. “Queremos apresentar um cartão postal diferente. O interior do Estado possui particularidades pouco exploradas e queremos apresentar esse turismo que poucas pessoas conhecem”, explicou o diretor geral da competição, Deco Muniz. “E ainda levar um percurso inédito para o rali cross country nacional, com obstáculos diferenciados, valorizando a técnica que os competidores gostam”, completou.
Serão três dias de provas, em um roteiro de 1 mil quilômetros, passando por Maceió, Traipu, Belo Monte, Delmiro Gouveia, Água Branca e Jaramataia. Ao longo do caminho haverá todo o tipo de terreno off-road: estradas largas, trilhas estreitas, piçarras, areia, trial, travessia de rios secos, subidas e descidas, trechos com muitas curvas e outros de pura velocidade, e muito mais.
Única piloto mulher no certame, a paulista Moara Sacilotti está ansiosa para ver o que o sertão tem a oferecer. “Isso é interessante, pois quanto mais duro for um rali, mais prazeroso ele é para se pilotar, e as disputas ficam ainda mais acirradas”, falou. E de fato, assim como ela, os demais participantes estão na contagem regressiva para essa jornada alagoana.
A movimentação é grande em Maceió, com pessoas de mais de dez estados brasileiros. A população está convidada a assistir de perto e vivenciar as emoções do Rally do Velho Chico. Para obter mais informações acesse: www.velhochico.net.br.
Programação – Rally do Velho Chico
30 de abril – quarta-feira
Vistorias técnicas e administrativas / encerramento das inscrições
01 de maio – quinta-feira
Provas especiais – total de 115 km
Maceió – Traipu – Belo Monte – Delmiro Gouveia
DI – 170 km
TE – 112 km
DF – 130 km
02 de maio – sexta-feira
Provas especiais – total de 125 km
Água Branca – Delmiro Gouveia
DI – 24 km
TE – 125 km
DF – 02 km
03 de maio – sábado
Provas especiais – total de 125 km
Delmiro Gouveia – Jaramataia – Traipu – Maceió
DI – 137 km
TE – 125 km
DF – 170 km
O Rally do VELHO CHICO tem apoio de: Atlântica Motos – Concessionária Honda, Trilha Maceió/Troller, Polaris/G2 Racing, Rotacar Locadora Rent a Car, Posto LIBERAL, Terraço Restaurante, Auto Posto Nossa Senhora do Rosário – Delmiro Gouveia.
Apoio institucional das Prefeituras Municipais de Traipu, Delmiro Gouveia e Água Branca.
Realização: RallySP / FAM – Federação Alagoana de Motociclismo

Crédito das Fotos: Fábio Davini/DFOTOS

Fonte:
Liberdade de Ideias
Isis Moretti

www.liberdadedeideias.com.br

Comente aqui