Mês: fevereiro 2015



CAOA Consórcios comemora alta na venda de cotas de caminhões

 Imagem 143 - baixa

  • Com aumento de 173% no número de cotas comercializadas, CAOA Consórcios comemora alta no ticket médio e no volume de crédito
  • Em 2014, a CAOA verificou crescimento no número de consorciados ativos

 São Paulo, 27 de fevereiro de 2015 – O CAOA Consórcios fechou o ano de 2014 com um espetacular crescimento no volume de créditos referente às cotas comercializadas no segmento de Caminhões. Durante o ano foram comercializados R$ 39,3 milhões em créditos para consórcio de caminhões, totalizando um aumento de mais 1.467% sobre o crédito disponibilizado em 2013.

O ótimo resultado deve-se ao crescimento no número de cotas comercializadas, de 67 em 2013 para 183 em 2014, e, também ao considerável aumento no ticket médio que passou de R$ 37,4 mil, no ano anterior, para R$ 215 mil no ano passado.

A quantidade de consorciados ativos também apontou alta no período, passando de 11.765 participantes, em 2013, para 17.425 em 2014, um crescimento de 48,11%.

Em janeiro de 2015, ainda sem o aquecimento de mercado desejado, o crédito comercializado para o segmento de Caminhões foi de R$ 2.171.509,90, representando fatia de 11,5% das vendas totais da CAOA Consórcios que ainda tem como seu principal produto o consórcio de automóveis, com 69,5% dos créditos, seguido de imóveis, com 18,87%.

Segundo Bruno Espínola, diretor Comercial de Serviços Financeiros e Consórcio da CAOA, a modalidade consórcio tem sido bem aproveitada no segmento de Caminhões, para o planejamento na reposição de frotas. “O consórcio, além de ajudar principalmente o pequeno transportador a planejar a reposição da frota, é uma maneira prática e viável de adquirir produtos sem dispor das altas taxas de juros cobradas nos financiamentos”, explica o executivo.

Perfil

A faixa etária destes compradores de consórcios está, principalmente, entre 25 e 55 anos, sendo ainda dividida em 45% para o público feminino e 55% para o masculino.

Regionalmente, os créditos comercializados pelo CAOA Consórcios (automóveis, imóveis, caminhões, serviços e motos) estão distribuídos da seguinte forma: Sudeste, 53%; Sul, 21%; Nordeste, 19%; Centro-Oeste, 6% e a região Norte, com menos de 1%.

Fonte: Departamento de Comunicação – CAOA

Anderson Cavalcante – Gerson Almeida – Maira Nascimento – DéborahEncarnato      

Sites: www.caoaconsorcios.com.br e www.caoa.com.br

CAOA Consórcios
Há 27 anos no mercado, o CAOA Consórcios consolidou mais uma etapa do Plano de Expansão 2014 ao investir na ampliação dos negócios com foco na inovação, visando atender com mais excelência os consorciados, parceiros, representantes e toda rede de Concessionárias Hyundai, Ford e Subaru. Em novembro de 2013 foi inaugurado mais um amplo e moderno centro de trabalho na capital paulista e novas unidades de relacionamento em Florianópolis, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Cuiabá.
O CAOA Consórcios tem ajudado muitas pessoas a conquistar objetivos e realizar projetos, pois com os consórcios também é possível fazer cirurgias de saúde ou plásticas, procedimentos odontológicos, viagens, cursos de graduação, entre outros serviços.
Com profissionais altamente qualificados, as equipes comercial e administrativa garantem atendimento personalizado.

 

CAOA Montadora de Veículos – Hyundai

A CAOA é a importadora exclusiva da marca Hyundai no Brasil desde 2.000. Com um trabalho exemplar de reposicionamento da marca e investimentos maciços em pós-vendas, em poucos anos, a CAOA conquistou excelentes níveis de participação no mercado brasileiro. Esses surpreendentes resultados motivaram o empresário Carlos Alberto de Oliveira Andrade a construir uma montadora com capital 100% próprio. Em abril de 2007 é inaugurada a CAOA Montadora de Veículos – Hyundai, na cidade de Anápolis (GO), e começa a produção da camioneta HR. Em 2010, a planta passou a fabricar o Tucson com exclusividade em todo o mundo. A marca ampliou a participação no mercado de caminhões, dando início a fabricação e a venda do comercial leve HD78 em 2011. Em setembro de 2013, a fábrica de Anápolis iniciou a produção de mais um modelo, o utilitário esportivo ix35 Flex. A CAOA acumulou 114.826 mil unidades vendidas no Brasil no ano de 2013. Durante dois anos consecutivos, a CAOA Montadora – Hyundai recebeu o título de distribuidor do ano entre os 179 distribuidores Hyundai do Planeta. Entre os itens avaliados estão: o extremo cuidado com o Pós-vendas e a satisfação absoluta de seus clientes. Prova desse comprometimento, o Brasil conquistou a 1ª colocação na pesquisa de satisfação dos clientes em 2013 (Hyundai Global Satisfaction Index), ficando na frente de todos os países da América Latina e Caribe. Esse ano, a Hyundai CAOA também conquistou o maior índice de satisfação com o processo de vendas em pesquisa realizada pelo conceituado instituto J.D. Power. Saiba mais sobre a CAOA e seus produtos no site www.caoa.com.br.

 

Comente aqui


Engemix leiloa caminhões no dia 06/03

foto_1424458490_63034_01_00_00

Veículos estão avaliados em R$ 1milhão; lances podem ser feitos pelo site da Superbid

São Paulo, 2015 – A Engemix, empresa do grupo Votorantim, realiza no dia 06/03 um leilão online de caminhões. São, ao todo, 32 lotes localizados na cidade de São Paulo.

Entre os destaques estão diversos modelos da Ford Cargo, Mercedes-Benz e Volkswagen. Os valores iniciais variam de R$ 10.250 a R$ 31.500.

Veja lista completa

Os lances podem ser feitos online, por meio do site  www.superbid.net, ou na sede da Superbid, empresa que organiza a venda (Alameda Lorena, 800, 2º andar, Jardim Paulista – São Paulo/SP). O resultado é processado eletronicamente. Para participar, pessoas físicas ou jurídicas devem se cadastrar no site e solicitar habilitação.

Os interessados em visitar os ativos devem entrar em contato com a Central de Atendimento da Superbid: 11 2163-7800 / [email protected].

SERVIÇO:
Leilão Engemix

Quando: até 06/03, a partir das 14h

Onde: página do leilão na internet ou, no dia e hora do encerramento, na sede da Superbid (Alameda Lorena, 800, 2º andar, Jardim Paulista – São Paulo/SP)

Sobre a Superbid

A Superbid é especializada na gestão da venda de ativos através de leilão eletrônico e presencial simultâneo. Os serviços oferecidos pela Superbid vão desde a avaliação dos bens, identificação do mercado comprador, gestão da venda e a liquidação financeira.  É a empresa líder em seu segmento, com escritórios no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e Estados Unidos. Possui entre seus clientes algumas das maiores empresas nacionais e multinacionais como Vale, Grupo Votorantim, Walmart, Klabin, Volkswagen, Rhodia, Embraer, Braskem, Louis Dreyfus, White Martins, Schincariol e Duratex entre outras.

Fonte: MISASI COMUNICAÇÃO
Dayane Tapi 

 

EVENTOS , , ,
Comente aqui


Traxx inicia produção da TSS 250, em Manaus

traxxtss

A primeira geração da família TSS começou a ser produzida hoje (26/02), na fábrica da Traxx, em Manaus. A fabricante revelou a nova linha TSS, com motos de 250, 160 e 150 cc, no final do ano passado. De acordo com engenheiros da empresa, esses projetos foram concebidos pela Jialing e receberam especial atenção para se adequarem ao mercado nacional e principalmente ao gosto do brasileiro.

Chamada de TSS 250, o primeiro modelo da família TSS a entrar na linha de produção é voltada ao uso urbano com detalhes como lanternas e piscas em LED. O painel possui misto de digital e analógico. Vem equipada com um motor monocilíndrico alimentado por injeção eletrônica e arrefecido a óleo, freio a disco nas duas rodas e painel digital, com conta-giros analógico. O preço sugerido não foi definido pela empresa mas será compatível com o valor de modelos de 250 da marca.

Sobre a Traxx 

A Moto Traxx da Amazônia faz parte do China South Industries Group (CSIG), um dos maiores fabricantes mundiais de motocicletas e uma das maiores multinacionais do planeta. Com sede em Pequim, o grupo reúne mais de 70 empresas que atuam em vários segmentos na produção de equipamentos especiais, fotoeletricidade, aço especial, medicina, nova energia, máquina de petróleo, aparelho de combate a incêndio, na produção e venda de miniveículos, de automóveis, de motocicletas (neste segmento é líder de mercado), além de ser atuante na área de pesquisa para o desenvolvimento da indústria da China.

A Traxx aportou no Brasil muito antes da fábrica, em 2000. Inicialmente, investiu em pesquisas e análises de mercado, a fim de desenvolver estratégias para atender o público brasileiro. Em novembro de 2006, instala-se na sede administrativa, em Fortaleza, capital do estado do Ceará. No dia 31 de dezembro de 2007 inaugura fábrica, em Manaus.

• Mais informações no site oficial da Traxx (www.traxx.com.br)

Fonte: Assessoria de Imprensa da Moto Traxx da Amazônia

Jaqueline Dal Bello

Comente aqui


Maratona Aquática: Samir Barel nada na Argentina de olho em desafios históricos

O brasileiro vai a Santa Fé antes de encarar a nado Ilhabela, a maior ilha do Estado de São Paulo.

Samir Barel se prepara para dois desafios. Neste domingo (1º), o nadador encara os 57 quilômetros da maratona aquática Santa Fé-Coronda, uma das mais tradicionais travessias da Argentina. Além das dificuldades da prova de longa distância, o percurso será um pré-teste para um trajeto novo e ousado. O atleta de 31 anos irá dar a volta em Ilhabela (SP) nadando. Serão cinco dias para percorrer 110 quilômetros nas águas abertas do Litoral Norte Paulista.
“Serão aproximadamente seis horas nadando por dia, então é preciso uma boa preparação física e psicológica para superar os obstáculos, algo que na Argentina certamente não faltará por conta do alto nível da prova”, explica o atleta, que em 2014 pegou uma virose no rio Coronda e infelizmente não fez um bom resultado. “Será bom para tirar o gosto ‘amargo’, mas também estou muito confiante, pois tenho me sentido muito bem nos treinos e nas duas provas que fiz este ano”.
O contorno à Ilhabela será entre os dias 10 e 15 de março e Samir Barel terá a companhia do colega Marcos Campos. Na temporada passada a dupla deu início ao chamado “Desafio Aquaman”, projeto com a proposta de explorar lugares inusitados e divulgar novos percursos, como o da ilha paulista, contribuindo assim para o crescimento do cenário da Maratona Aquática em todo o País.
“Espero cumprir com êxito mais este desafio e mostrar para as pessoas que nossos sonhos podem ser realizados e o resultado só depende do esforço aplicado em cada segundo de nossas vidas”, finaliza o nadador.
Outra meta de Samir Barel será fazer o Canal da Mancha, desafio marcado para agosto entre a França e a Inglaterra.
Samir Barel é natural de São José dos Campos (SP), mas reside em Campinas (SP), onde mantém sua base de treinamento na ELO Academia. Praticante de maratona aquática desde 2007, Barel já foi campeão e recordista brasileiro nas provas 50 e 100 m livre e 200 m medley no final da década de 1990. É o atual campeão da I Copa Brasil de Maratona Aquática e em 2014 também foi o vencedor da famosa Volta na Ilha de Manhattan, tradicional percurso de 45 quilômetros pelos rios East e Hudson, nos Estados Unidos.
Fonte:
Flávio Perez e Andressa Rufino
www.onboardsports.com.br

Fotos: Flávio Perez/Onboardsports e Rômulo Cruz

Comente aqui


Sea-Doo Weekend garante diversão a bordo de motos aquáticas

Com segurança e atrações imperdíveis, evento movimenta São José, ao lado de Florianópolis (SC), neste final de semana

São Paulo (SP) 26/2/2015 O Sea-Doo Weekend é atração imperdível neste final de semana em São José, na Grande Florianópolis, Santa Catarina. O evento promete muita diversão aos proprietários de motos aquáticas com o Desafio Spark (às 11h de domingo) e o test drive Sea-Doo na programação.
O ponto de encontro será a Marina Mega Jet, que é concessionária dos produtos BRP e organizadora local do evento. “Convidamos os nossos clientes e amigos para o Sea-Doo Weekend, esperamos grande movimentação. O objetivo é que todos se divirtam e conheçam um pouco mais os modelos da Sea-Doo, principalmente o Spark”, comentou Luis Gilberto Vargas Martins, o Betinho, da Mega Jet.
Considerada a moto aquática com a melhor relação entre custo e benefício do mercado, o Sea-Doo Spark terá grande destaque na programação. Além do test drive, o público poderá participar do Desafio Spark, uma competição que reúne pilotos habilitados com o objetivo de percorrer um circuito de boias no menor tempo. “O Desafio Spark tem um formato que agrada muito e ainda faz com que todos possam experimentar as qualidades do produto e se divertir. Sem dúvidas o modelo chegou para ficar e tem sido sucesso de vendas no verão, principalmente pelo preço”, concluiu Betinho.
Os test drives com os modelos da Sea-Doo serão realizados no sábado e no domingo: das 10h às 14h com o Spark e das 14h às 18h com o GTI. O Desafio Spark agita a programação no domingo, das 11h às 14h. Os interessados em participar do evento devem procurar a equipe da Mega Jet no telefone (48) 3246-4546.
A organização do Sea-Doo Weekend exige o uso dos equipamentos de segurança e a apresentação da habilitação náutica por parte dos pilotos. A Sea-Doo patrocina a campanha Navegue Seguro, da Marinha do Brasil, a qual trabalha a conscientização sobre o uso responsável das motos aquáticas. A marca também disponibiliza um site com importantes informações sobre segurança na água: www.navegueseadoo.com.br .
Sobre a BRP – A BRP (TSX: DOO) é líder global em projeto, desenvolvimento, fabricação, distribuição e comercialização de veículos esportivos e sistemas de propulsão. Seu portfólio inclui os veículos para neve Ski-Doo e Lynx, a moto aquática Sea-Doo, os veículos side-by-side e quadriciclos Can-Am, os roadsters Can-Am Spyder e os sistemas de propulsão marítima Evinrude e Rotaxwell, além dos motores Rotax para karts, motocicletas e aeronaves recreativas. A BRP dá suporte a sua linha de produtos com peças, acessórios e vestuário dedicados. Com uma renda anual com vendas de mais de CA$ 3 bilhões em 105 países, a empresa conta com cerca de 7.100 funcionários no mundo.
www.brp.com
@BRPnews
Ski-Doo, Lynx, Sea-Doo, Evinrude, Rotax, Can-Am, Spyder, Commander, Maverick, X e o logotipo da BRP são marcas comerciais da Bombardier Recreational Products Inc. ou de suas afiliadas. Todas as outras marcas comerciais são propriedade de seus respectivos donos.

Fonte: Mundo Press Jornalismo Estratégico

Crédito das Fotos: Divulgação/Sea-Doo

 

Comente aqui


No Paraná, feras da motovelocidade se reúnem em edição inédita das 500 Milhas

Categoria 500 Milhas na 500 Milhas Motovelocidade de Interlagos 2014 Crédito: Donini Produções/VIPCOMM

Categoria 500 Milhas na 500 Milhas Motovelocidade de Interlagos 2014
Crédito: Donini Produções/VIPCOMM

Tradicional prova brasileira de endurance acontece de sexta (27/02) a domingo (01/03), no Autódromo Internacional de Curitiba

Curitiba (PR) 26/02/2015 É hora de acelerar. Depois de muita expectativa, a 18ª edição das 500 Milhas de Motovelocidade começa nesta sexta-feira (27) e vai até domingo (1º), no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR). Pela primeira vez em sua história, a tradicional prova de endurance deixa a cidade de São Paulo, que recebia o evento desde 1970, e parte para o Paraná.
Os três dias de atividades na pista paranaense de 3.695 metros de extensão contarão com as seguintes categorias: as 500 Milhas, principal do evento, para motos de 1.000cc e 600cc; as 100 Milhas, para motos de 500cc, 300cc e 250cc; e Motors Company, categoria-escola.
Na corrida das 500 Milhas, marcado para domingo, a partir das 12 horas, e que terá 217 voltas, em uma disputa que envolve velocidade, regularidade, superação, preparo físico e mental e trabalho em equipe, grandes nomes do motociclismo brasileiro e até feras de outros países estarão presentes.
Atual bicampeã, a PRT Bardahl desponta como favorita, com os brasileiros Alan Douglas e Nick Iatauro e o argentino Luciano Ribodino. A Tecfil Racing Team conta com Danilo Lewis, Matheus Oliveira e Diego Viveiro; a Zangrossi Racing Motorcycle, com Fabio Rodrigo Tradil, Paulo Navarro Junior e Herbert Zangrossi (Herbão); Mg Bikes Yamaha Racing, com André Verissimo, Pedro Sampaio e os argentinos Sebastian Martinez e Sergio Fasci; DRT Competition, com Diego Pretel e Ricardo Levy; Motors Company, com o jornalista Leandro Mello e Fernando Souza; entre outras.
Uma das equipes estreantes é a RF Racing, dos pilotos da casa Ademilson Peixer, Rafael Nunes e Bernardo (Bado) Kochen. “É sempre bom correr em Curitiba, principalmente por eu já conhecer a pista, conhecer os caminhos para o acerto da moto e por causa da torcida. Com certeza, terei um apoio grande aqui e espero chegar ao pódio”, conta Peixer.
Ingressos
No sábado, o setor arquibancada terá entrada gratuita. Quem quiser visitar o box e conhecer a estrutura das equipes, o Paddock custa R$ 30. Para domingo, o público tem opção de adquirir ticket de arquibancada, no valor de R$ 15, e Paddock, a R$ 50. O Lounge, um lugar com atrativos exclusivos, incluindo serviço de buffet completo e visitação ao box, custa R$ 150. A comercialização dos ingressos é feita pelo site www.ticket360.com.br e pela bilheteria do evento.
Ação social
A organização realiza mais uma vez campanha para arrecadação de alimentos, que irá beneficiar à AFAN (Associação Feminina de Amparo ao Deficiente e ao Recém-Nascido), de Curitiba (PR). Para ajudar nesta ação solidária, basta levar no sábado e/ou domingo um quilo de alimento não perecível e entregá-lo na entrada do evento.
As 500 Milhas de Motovelocidade 2015 têm organização da integer/OutPromo e desenvolvimento da Llacuna. Patrocínio: Michelin. Agência de turismo oficial do evento: Levitatur. Apoio de mídia: Revista Auto Esporte, Revista Moto Adventure, Duas Rodas News, Moto.com.br, Revista Pró Moto e www.fabiomelosports.com.
Programação:
Sexta-feira (27/02)
8h às 12h – categoria Motors Company
12h45 às 13h55: 1º treino livre 500 Milhas
14h05 às 15h: 1º treino livre 100 Milhas
15h10 às 16h: 1º treino categoria-escola Motors Company
16h10 às 17h10: 2º treino livre 500 Milhas
17h20 às 18h: 2º treino categoria-escola Motors Company
Sábado (28/02)
8h às 8h35: 2º treino livre 100 Milhas
8h45 às 9h20: 3º treino categoria-escola Motors Company
9h30 às 10h30: 3º treino livre 500 Milhas
10h40 às 11h30: 4º treino categoria-escola Motors Company
11h40 às 12h30: briefing obrigatório pilotos e chefes de equipe
13h20 às 14h35: 1º treino classificatório 500 Milhas
14h45 às 15h35: 1º treino classificatório 100 Milhas
15h45 às 16h20: 5º treino categoria-escola Motors Company
16h30 às 17h10: 2º treino classificatório 500 Milhas
17h20 às 18h: 2º treino classificatório 100 Milhas
Domingo (01/03)
7h: abertura dos portões (público)
8h30 às 9h15: categoria-escola Motors Company
9h25: warm-up 100 Milhas (10 minutos)
9h40: warm-up 500 Milhas (10 minutos)
10h10: corrida 100 Milhas (43 voltas)
10h40: Pódio 100 Milhas
12h: largada das 500 Milhas (217 voltas)
Premiação ao término das 500 Milhas
Serviço:
500 Milhas de Motovelocidade 2015
Datas: 27, 28 de fevereiro e 1º de março
Cidade: Pinhais (PR)
Local: Autódromo Internacional de Curitiba
Endereço: Avenida Iraí, nº16
Ingressos: www.ticket360.com.br
Site oficial: www.500milhasbrasil.com.br
Fonte: VIPCOMM
Assessoria de imprensa 500 Milhas de Motovelocidade

 

 

Comente aqui


MOTIVO PARA COMEMORAR

Alta Roda nº 825 — Fernando Calmon — 24/02/15

O Carnaval este ano foi marcado por menos acidentes, mortos e feridos do que o mesmo período carnavalesco do ano passado nas estradas federais do País. Ainda é difícil saber se indica uma tendência, mas a Polícia Rodoviária Federal (PRF) fez um balanço baseado em seus registros e estatísticas. Nesta comparação, por cada milhão de veículos registrados no Renavam, o número de mortos caiu 28%, o de feridos 18% e os acidentes 22%.

Morrer 120 pessoas (incluídos os atropelamentos) em quatro dias e meio ainda assusta e muito. Mas é inegável que a PRF se preparou para este período sempre problemático com ações diversas. No total foram fiscalizados 234.038 veículos, recolheram-se 1.901 carteiras de motoristas e 48.754 pessoas participaram de ações de educação para o trânsito. Uma das providências que mais surtiu efeito foram os testes de alcoolemia. Pelo bafômetro passaram 85.677 motoristas, dos quais 2.006 foram autuados e 372, presos.

A referência a comemorar aparece quando se comparam as fatalidades nas rodovias federais no Carnaval de 2007 com o de 2015. Em oito anos, as mortes por milhão de veículos registrados baixaram nada menos de 56%: de 3,2 para 1,4. No entanto, a relação com outros países ainda não pode ser feita, pois a frota registrada é cerca de 30% maior do que a real. Afinal, como já comentado nessa Coluna, os carros no Brasil têm certidão de nascimento, mas não de óbito. Milhares de veículos viram sucata todos os anos, mas continuam no Renavam: poucos se habilitam a enfrentar a burocracia e os custos de cancelar a documentação.

As estatísticas da PRF, no entanto, têm seu valor porque a mesma base, ainda que errada, serviu de critério em todo o período avaliado. Há alguns fatores importantes deixados de lado entre eles a densidade do tráfego. Não foi possível descobrir se menos veículos circularam neste Carnaval por razões econômicas: combustível mais caro, índice menor de confiança no futuro e o País em ambiente recessivo.

Esse dado é tão importante que nos EUA o balanço de acidentes, feridos e mortos leva em conta a frota real (lá bem controlada) e a média de distância percorrida anualmente por veículo. Com organização estatística pode-se medir por amostragem direta e indireta, por exemplo, pelos planos de manutenção nas oficinas.

No Brasil deve-se esperar uma melhoria constante na segurança à medida que mais automóveis entrarem em circulação com freios ABS e bolsas infláveis. Nada, no entanto, se equivale à qualidade das estradas como fator de menor risco.

São Paulo, o estado com as rodovias mais modernas e seguras do País, comprova isso. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, comparando o período carnavalesco de 2014 e de 2015, o número de mortos caiu de 40 para 21. Deve-se notar que a malha rodoviária federal em São Paulo é minúscula, enquanto a estadual representa mais de 40% do total de rodovias no Brasil, incluídas regionais, estaduais e federais.

Números paulistas, portanto, têm extraordinária relevância e se aproximam de países desenvolvidos por qualquer critério de comparação.

 

RODA VIVA

 

PARA quem costuma desdenhar das leis de mercado, basta ver o repasse do aumento do IPI não integral para todos os modelos. Alguns fabricantes oferecem acessórios sem aumento de preço ou subsidiam seu valor. Veículos mais caros que já não tinham IPI menor sofreram até redução nominal de preço. Tudo em razão do ambiente econômico e setorial recessivo.

ATUAL geração do Gol deve receber retoques só no início de 2016. Novidades para 2015 são motores turboflex 1,4 l (Golf, A3 sedã e Jetta nacionais) e o 3-cilindros, também turboflex, para o up! GT. Já o Gol G6, previsto para 2017, usaria a mesma arquitetura MQB do futuro Polo e seria modelo global, situado entre up! e Polo. Possivelmente mantendo o nome Gol em todos os mercados.

VERSÕES de topo do Etios sedã e hatch, batizadas de Platinum, superaram algumas críticas sobre interior pouco requintado. Visual melhorou, mas simplicidade excessiva ainda aparece nos detalhes. Exigiria um novo painel que certamente só virá na segunda geração. Mecanicamente o carro é muito bom e econômico (em especial o motor de 1,5 L), mas o de 1,3 vence por pouco os atuais 1,0 L de três cilindros.

RECENTE regulamentação de segurança sobre cintos de três pontos retráteis para todos os passageiros dos bancos de trás, com cronograma de aplicação até 2020, deixou uma falha inadmissível. Permite-se ainda vender um carro sem cintos retráteis para os dois passageiros das extremidades do banco. Eles têm que ser regulados manualmente: convite para deixar de usá-los.

FABRICANTES de rastreadores continuam a investir em produtos complementares para incrementar a segurança contra furtos e roubos de veículos. Agora é a vez da Pósitron de oferecer rastreamento associado ao seguro cujo preço pode ser até 50% menor do que as apólices convencionais. O seguro indeniza pela tabela FIPE cheia em caso de sinistro e obviamente sem franquia.

____________________________________________________

[email protected] e twitter.com/fernandocalmon

MERCADO ,
Comente aqui


Sense Bike oferece três modelos exclusivos de bicicletas elétricas

Com um conceito de facilitar a mobilidade urbana proporcionando conforto e bem estar, a Sense Bike oferece três modelos exclusivos de bicicletas elétricas.

A marca, que conta com um parque fabril no Pólo Industrial de Manaus, oferece produtos com grande autonomia e potência devido ao novo Conjunto Elétrico 36V. O conforto do sistema de Pedal Assistido (Pedelec) faz com que o ciclista possa escolher a intensidade do auxílio nas pedaladas sendo uma alternativa saudável para seus usuários.

Atingindo até 25km/h, as bicicletas são silenciosas e leves por serem construídas em alumínio, material que confere ao produto leveza e resistência. Sua bateria de lítio, 4x mais leve dos que as tradicionais encontradas no mercado, são recicláveis e podem ser descartadas no mesmo local onde se recolhem as de celulares e notebooks. O tempo de sua recarga é de aproximadamente 6 horas e possui autonomia que varia entre 18 e 35km dependendo das condições de relevo, potência x velocidade e peso do usuário.

A Sense Electric Bike deseja transformar todos os dias de seus usuários em finais de semana, sem deixar de lado o estilo e o conforto característicos da marca.

EASY

Easy

O modelo Easy é ideal para aqueles buscam versatilidade na hora de usar a bicicleta elétrica. Enorme sucesso de vendas em grandes centros urbanos, este modelo, o único dobrável, traz a praticidade de ser acomodada em qualquer lugar. Disponível na cor branca e preta

Preço Sugerido: R$ 3490,00 à vista

BREEZE

Breeze

O modelo Breeze conta com um design exclusivo que remete às bikes europeias. Perfeita para quem procura conforto, sem perder o charme de pedalar uma bicicleta arrojada. Disponível na cor branco pérola.

Preço Sugerido: R$ 3490,00 à vista

WIND

Wind

O modelo Wind é o mais robusto da linha. Seu quadro tem traços de uma bicicleta de Mountain Bike sem perder o estilo de uma City Bike. Ideal para quem procura um produto com visual moderno, sem abrir mão do conforto e da qualidade. Disponível na cor preto fosco e cinza chumbo, trazendo ainda mais beleza e estilo em comparação aos demais modelos do mercado.

Preço Sugerido: R$ 3490,00 à vista

* * *

Sobre a Sense Bike

A história da Sense Bike teve inicio em 2009, quando as primeiras ideias de se fabricar uma bicicleta elétrica foram idealizadas por um grupo tradicional, que atua a mais de 30 anos no segmento de duas rodas no Brasil. Esta sinergia entre as empresas, que hoje são lideres de mercado em seus respectivos ramos de atuação, abriu caminho para criação de uma marca sólida e que já nasce experiente por contar com uma estrutura completa de importação, estoque, distribuição, pós-venda e comercial.

Saiba mais

Para saber mais informações e conhecer as revendas autorizadas pelo Brasil acesse http://www.sensebike.com.br/, ligue 0800 737 3673 ou ainda envie um e-mail para  [email protected]

Fonte: Rafael – Index

AVENTURA, MOBILIDADE , , ,
1 Comentário


Brasileiros encaram feras internacionais no Mundial de Super Enduro

Pilotos Rinaldi representam o país em três categorias neste sábado, em Belo Horizonte (MG)

Bento Gonçalves (MG) 26/2/2015 A semifinal do Campeonato Mundial de Super Enduro para motocicletas será o centro das atenções neste sábado, no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte (MG). Os brasileiros estarão lado a lado com grandes feras da modalidade e os pilotos Rinaldi representam o país em três categorias. Rômulo Bottrel e Júlio Ferreira, do Zanol Team Rinaldi ASW, são os únicos a integrar a categoria principal, a Prestige. Vinícius Luis da Silva confirmou presença na Júnior, enquanto Ripi Galileu e João Victor Lima estarão na classe Nacional, destinada aos pilotos brasileiros.
Realizado em ambientes indoor, o Super Enduro impõe obstáculos que exigem muita habilidade dos pilotos e técnicas em trial, como troncos, pedras e carretéis. As disputas irão reunir os principais competidores da atualidade, como o polonês Taddy Blazusiak, o norte-americano Cody Webb e os britânicos Davi Knight e Jonny Walker. Por isso, o objetivo principal dos brasileiros é adquirir experiência.
“Quero aprender e me divertir bastante”, disse o mineiro Rômulo Bottrel, que disputou a etapa do Mundial no ano passado. “O público comparece em peso. O Super Enduro é uma modalidade totalmente diferente para nós, então a troca de ideias e de experiências é o que mais importa. Hoje mesmo recebemos o Davi Knight para almoçar e dar uma volta de moto, ficamos amigos no ano passado”, contou.
A etapa do Mundial de Super Enduro terá início às 13h deste sábado com os treinos livres, sendo que as sessões cronometradas estão marcadas para as 15h. As corridas serão realizadas a partir das 19h. Mais informações no site oficial do evento: www.mundialdesuperenduro.com.br.

Fonte: Mundo Press Jornalismo Estratégico

Crédito das Fotos: Mau Haas

 

Comente aqui


Falta um mês para o Rio Boat Show

 

Evento, que acontece de 26 a 31 de março, no pavilhão 3 do Riocentro, trará novidades do setor e 100 expositores

O Rio Boat Show, reconhecido como um dos mais importantes salões náuticos da América Latina, chega a sua 18ª edição de 26 a 31 de março, no pavilhão 3 do Riocentro, numa área total de 23 mil metros quadrados. Com mais de 100 expositores entre estaleiros, indústrias especializadas em motores e equipamentos, empresas fornecedoras de peças e tecnologia, além de outras áreas da cadeia produtiva do setor, estarão em exposição mais de 120 embarcações, de diversos tamanhos e estilos.

Além de conferir os lançamentos e novidades no local, o público também poderá tirar suas dúvidas e identificar a melhor embarcação para seu estilo de vida e opção – lazer, moradia, deslocamento e esporte. A expectativa da organização é receber público superior a 30 mil pessoas.

“O Rio Boat Show volta ao Riocentro depois de 18 anos. É um centro de convenções de características internacionais, e localizado na região que mais cresce no Rio de Janeiro – tanto em residências, como em hotéis, shopping centers e escritórios comerciais. Estamos acompanhando assim a movimentação da cidade, que vem passando por grandes transformações. Nosso foco este ano está em trazer para nosso público a cadeia completa do segmento náutico e, claro, os grandes lançamentos e apostas do mercado”, indica Ernani Paciornik, idealizador do Rio Boat Show.

O Rio Boat Show tem apoio da Associação Brasileira dos Construtores de Barcos e seus Implementos (Acobar).

DESTAQUES

O Rio Boat Show traz embarcações de diversos tamanhos e finalidades. A maior lancha exposta será a Intermarine 65, e a menor a Primex 500, do SmartPier.

Além de modelos já consagrados no mercado, o salão vai apresentar algumas novidades em primeira mão.

A Real Power Boats apresenta a Real 520, projetada por Tony Castro. Com exclusivo sistema Hidrolift, para diminuir a resistência de casco na água, tem capacidade para até 20 pessoas para passeio e acomoda 10 passageiros para pernoite. Destaque também para ampla área envidraçada no salão e no costado.

A italiana Azimut terá como destaque a Azimut 42, fabricada com exclusividade pelo Grupo Azimut Benetti no Brasil. Com 13 metros de comprimento e duas suítes para dois casais, possui janelas grandes e curvas, possibilitando luminosidade natural e boa visão do exterior.

O destaque do estaleiro fluminense Coral será a Coral 46 HT, com solário de proa para duas pessoas e hard top, que garante conforto nos dias mais frios e chuvosos. Já a Venture Marine vai apresentar a V300 Cabin Confort, com capacidade para 11 pessoas em passeios diurnos e quatro em pernoite. O modelo faz parte da nova linha do estaleiro – Waterman – com grafismo especial e sistema de comando por joystick, entre outros diferenciais.

No segmento de veleiros, a francesa Fountaine Pajot traz o novo catamarã Saba 50. Com 15 metros de comprimento, tem amplo espaço interno e está disponível nas versões Maestro, com quatro suítes, e Quintet, com cinco cabines de casal, uma de tripulação e seis banheiros. O movimento a bordo foi pensado a não ter comunicação direta entra o camarote do piloto, o posto de comando e o longe, garantindo mais privacidade e segurança na circulação. Já a Dufour traz o 560 Grand Large, assinado pelo designer italiano Umberto Felci. Com mais de 16 metros de comprimento, esse veleiro se destaca pelo conforto na navegação.

No segmento de motores, a indústria realiza constantes pesquisas para o desenvolvimento de produtos mais sustentáveis e com menor impacto no meio ambiente. Entre as marcas presentes está a Mercury, que traz também o centro-rabeta Mercruiser 4.5, um motor V6 a gasolina com 250 hp de potência, reconhecido entre os quatro estrelas do grupo dos propulsores menos poluentes do mundo.

O evento também traz lançamentos no segmento de jets, infláveis e caiaques, inclusive apresentando opções com novos materiais e tecnologias. A Navetron traz como destaque uma linha completa de acessórios para lanchas e veleiros.

Serviço:

18º Rio Boat Show

Data: 26 a 31 de março de 2015

Horários:

Dia 26/03 (quinta-feira), de 15h às 22h

Dias 27/03 (sexta-feira) e 30/03

Dias 28/03 (sábado) e 29/03 (domingo), de 12h às 22h

Dia 30/03 (segunda-feira), de 13h às 22h

Dia 31/03 (terça-feira), de 13h às 20h

Local: Riocentro – Pavilhão 3

Endereço: Av. Salvador Allende 6555 – Barra da Tijuca

Preços: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (pessoas acima de 65 anos)

Crianças até 1m de altura: não pagam

Pessoas portadoras de necessidades especiais: R$ 1,00

Estacionamento: R$ 22,00 carro e moto – período de 12 horas

Fonte: In Press Porter Novelli

Renata Pacheco Jordão – Bianca Silveira – Ágata Cunha

Comente aqui