Fusion Hybrid

Ford apresenta Fusion Hybrid de pesquisa com tecnologias de direção autônoma

A Ford apresentou um Fusion Hybrid com tecnologias avançadas de sensores e assistência ao motorista. Ele usa as mesmas tecnologias já disponíveis no modelo hoje, com a inclusão de quatro sensores de luz infravermelha – chamados LiDAR (“Light Detection and Ranging”) – que escaneiam a pista 2,5 milhões de vezes por segundo. O sistema usa as luzes da mesma forma que os morcegos e golfinhos aplicam as ondas sonoras, destacando tudo que se encontra num raio de 61 metros para gerar um mapa 3D do ambiente em tempo real.

Os sensores podem detectar qualquer coisa com densidade suficiente para refletir luz – desde objetos imóveis a veículos, pedestres ou bicicletas em movimento. Sua sensibilidade é suficiente para distinguir a diferença entre um saco de papel e um pequeno animal a uma distância equivalente a um campo de futebol.

Desenvolvido pela Ford em parceria com a Universidade de Michigan e a empresa State Farm para a pesquisa da direção autônoma, o projeto tem como objetivo incluir esses equipamentos na próxima geração de veículos da marca.

“O Fusion Hybrid automatizado representa um passo vital dentro da nossa visão para o futuro da mobilidade”, diz Bill Ford, presidente do Conselho Mundial da Ford. “Vemos um futuro de carros conectados que podem se comunicar entre si e com o mundo ao redor para tornar a direção mais segura, reduzir os congestionamentos e preservar o meio ambiente. Com isso, a Ford se prepara para ter um impacto maior no próximo século do que tivemos nos nossos primeiros 100 anos.”

Os veículos atuais da Ford já contam com tecnologias que permitem estacionar sozinhos, entender comandos de voz do motorista, detectar situações perigosas de direção e receber assistência em frenagens de emergência. Essas e outras tecnologias sempre permitem que o motorista assuma o controle do carro, se necessário.

“No futuro, a direção autônoma poderá nos ajudar a melhorar a segurança e reduzir os congestionamentos, embora ainda existam muitas questões a responder e explorar no longo prazo”, afirma Raj Nair, vice-presidente de Desenvolvimento do Produto Global. “Com esse projeto de pesquisa do Fusion Hybrid nosso objetivo é testar os limites do carro totalmente autônomo e determinar os níveis apropriados para sua implantação a curto e médio prazo.”

O Fusion Hybrid automatizado serve como plataforma de pesquisa para o desenvolvimento de potenciais soluções para as questões sociais, legais e tecnológicas levantadas pelos futuros veículos autônomos. Ele utiliza as pesquisas desenvolvidas no simulador de direção VIRTTEX da Ford para criar uma experiência integrada, combinando a capacidade dos motoristas humanos e automatizados.

Tecnologia do futuro, hoje

O Ford Fusion Hybrid foi escolhido como plataforma de teste desse projeto por suas tecnologias avançadas de assistência ao motorista, como sistema de alerta de pontos cegos, estacionamento automático e alerta de manutenção na faixa.

Desenvolver a infraestrutura necessária para um ecosistema de transporte sustentável vai exigir a colaboração de vários parceiros de diferentes setores industriais. O time de pesquisa em robótica e automação da State Farm e da Universidade de Michigan é vital na criação desse projeto.

A Ford é responsável pelo desenvolvimento de componentes que permitem ao veículo funcionar com alto nível de automação. A Universidade de Michigan lidera o desenvolvimento da tecnologia baseada em sensores, que ajudam na tomada de decisão para que o veículo entenda o ambiente ao seu redor.

Os pesquisadores da universidade estão processando trilhões de bytes de dados coletados pelos sensores do veículo para a tomada de decisões apropriadas e seguras.

A State Farm tem trabalhado com a Ford para avaliar o impacto das tecnologias de assistência ao motorista e determinar o seu potencial de redução de colisões traseiras. No ano passado, os acidentes de trânsito causaram quase 34.000 mortes nos EUA e 28.000 na Europa. Desenvolvendo veículos inteligentes, a Ford ajuda a criar motoristas mais seguros.

Fonte: (18/12/2013) Imprensa Ford

 

Comente aqui

Ford lidera vendas no mercado de luxo no País e prepara lançamento do Fusion Hybrid

A Ford liderou o mercado de veículos de luxo no Brasil  com o Novo Fusion durante o primeiro semestre de 2013. O sedã representou mais de 50% do segmento no período, com número crescente de vendas, mostrando o sucesso da nova plataforma global que combina design com tecnologias de ponta. A novidade para o segundo semestre será o Fusion Hybrid, que traz motores elétrico e de combustão para melhor economia.

“O Novo Ford Fusion no mês de junho obteve o seu segundo melhor resultado do ano, com 66% de participação nos emplacamentos entre os sedãs grandes de luxo. Esse número confirma a aceitação da nova geração do modelo que mantém a sua liderança desde a versão anterior. Estamos agora preparando o lançamento da versão híbrida de grande sucesso nos Estados Unidos”, afirma Oswaldo Ramos, gerente geral de Marketing da Ford.

Linha Novo Fusion

A Ford lançou o Novo Fusion no Brasil no início do ano. Para o mercado brasileiro, foi lançado um modelo exclusivo com a primeira e única versão Flex do mundo, o 2.5 L. Este é o primeiro bicombustível do segmento, com bloco e cabeçote de alumínio e comando variável de válvulas, que desenvolve 175/167 cv com etanol e gasolina.

No segmento de veículos de altíssimo luxo, a marca oferece o modelo com o inovador motor EcoBoost 2.0. Essa versão conta com turbocompressor, injeção direta e duplo comando de válvulas independente variável (Ti-VCT) para gerar 240 cv.

Ainda este ano, a Ford vai aumentar as opções da linha Novo Fusion com um modelo híbrido, ou seja, que combina um motor elétrico e outro a gasolina para tracionar as rodas e recarregar as baterias. Nos testes realizados pelo INMETRO/CONPET, que classifica a eficiência energética dos veículos, o Fusion Hybrid aparece como o mais econômico do mercado brasileiro.

Os modelos EcoBoost e Flex contam com transmissão automática de seis velocidades, direção elétrica, 8 airbags, freios ABS, controle eletrônico de estabilidade e tração, câmera de ré e assistente de partida em rampa. Sistema de conectividade SYNC com GPS e comandos de voz em português, bancos de couro com ajuste elétrico e memória, ar-condicionado digital, acendimento automático de faróis e abertura das portas por teclas são outros itens de série.

A versão 2.0 EcoBoost Titanium conta ainda com tração integral inteligente 4WD e requintes como sistema de estacionamento automático, piloto automático adaptativo, assistência de permanência em faixa, sistema de monitoramento de pontos cegos com alerta de tráfego cruzado, som premium com 12 alto-falantes e rodas de liga leve de 18 polegadas.

“A liderança do Novo Fusion é um reconhecimento do conteúdo único de tecnologia e inovação que o carro oferece, somada à melhor proposta de preço dentro da categoria”, destaca Kátia Ribeiro, supervisora de Produto da Ford.

Fonte: (10/07/2013) Imprensa Ford

 

Comente aqui

Ford: lançamentos globais são eleitos os melhores do ano


O Novo EcoSport, a Nova Ranger, o Novo Fusion, o Fusion Hybrid e o motor Ford 3.2 Diesel foram eleitos os principais lançamentos do ano em eleição com jornalistas realizada pela Revista Autoesporte, da Editora Globo. Os veículos foram eleitos respectivamente nas categorias: Utilitário do Ano, Picape do Ano, Carro Premium do Ano, Carro Verde do Ano e Motor do Ano. A Ford foi o grande destaque da premiação, com vitória em cinco das oito categorias.

“É uma grande honra ver todos os nossos lançamentos globais serem reconhecidos com o prêmio de Carro do Ano. Isso prova que ouvir o que o consumidor quer e entregar o que ele precisa em cada segmento do mercado são os segredos do sucesso”, disse Steven Armstrong, presidente da Ford Brasil, ao receber os troféus no evento realizado ontem em São Paulo.

Criado no Brasil para venda em mais de 100 mercados mundiais, o Ford EcoSport surpreendeu o mercado com a chegada da geração global, inovando no design, na tecnologia e acabamento. Além das versões 4×2, a linha está sendo ampliada com os modelos PowerShift Automático de dupla embreagem e 4WD.

A Ford Ranger veio completamente redesenhada e com nova engenharia. Vencedora de todos os comparativos da mídia, a picape também teve o seu motor turbodiesel Duratorq 3.2 20V premiado como Motor do Ano. Com turbo de geometria variável, cinco cilindros e 200 cv, ele é um dos responsáveis pelo desempenho superior do veículo.

Lançado no Brasil simultaneamente com os Estados Unidos, o Fusion 2.0 EcoBoost traz uma nova opção no segmento de luxo. Ele inova no design, na tecnologia de motor com turbo e recursos de segurança, além de equipamentos  que destacam o seu alto padrão de sofisticação e conforto.

O Ford Fusion Hybrid foi o primeiro carro a trazer para o Brasil a tecnologia híbrida total e avança ainda mais na eficiência, com uma nova bateria de íons de lítio, mais leve e eficiente, e outros aprimoramentos.

Fonte:

Imprensa Ford

 

Comente aqui

Fusion Hybrid e Focus Electric: Ford mostra nova geração de veículos econômicos em Detroit

A economia de combustível é, ao lado do design, a tônica dos novos modelos apresentados pela Ford no Salão de Detroit, que abre para o público de 14 a 22 de janeiro. Entre eles, estão as versões híbridas e EcoBoost do novo Fusion, o Focus Electric totalmente elétrico e os híbridos C-MAX, nas versões Hybrid e Energi plug-in.

Primeiro carro de passageiros totalmente elétrico da Ford, o novo Focus Electric é o primeiro do segmento a atingir um consumo equivalente de gasolina de 42,5 km/l e também o primeiro a contar com tecnologia de carga rápida. Suas baterias podem ser totalmente recarregadas em três a quatro horas – metade do tempo do Nissan Leaf -, o que permite duplicar sua autonomia de rodagem com múltiplas recargas.

Essa eficiência se traduz em economia para o consumidor. Para percorrer uma distância de 129 km (80 milhas), por exempo, o seu custo é de US$2,10 – considerando o preço médio do kWh nos Estados Unidos. O mesmo percurso em um veículo a gasolina que faz 12,7 km/l custaria US$8,80, tendo como base o preço de US$3,30 por galão.

Além disso, um novo equipamento de recarga econômica e operação simples, desenvolvido pela Microsoft, vai ajudar os consumidores dos Estados Unidos a recarregar o Focus Electric aproveitando as tarifas mais baratas de energia.

Eficiência e prazer de dirigir

O Focus Electric está comandando a transformação dos produtos da Ford: um terço das linhas da marca irá contar com uma versão na faixa de 17 km/l ou mais em 2012, mostrando o seu compromisso de dar poder de escolha para os consumidores que buscam economia de combustível.

A Ford iniciou a pré-venda do Focus Electric 2012 em novembro, em seus distribuidores certificados de veículos elétricos nos mercados da Califórnia e Nova York/Nova Jersey. Este ano, com o aumento da produção, a sua disponibilidade será expandida para outros 15 mercados.

O Focus Electric mostra o compromisso da Ford em oferecer consumo eficiente sem sacrificar o desempenho e o prazer de dirigir. Seu motor totalmente elétrico com transmissão de uma velocidade oferece resposta imediata e aceleração suave, com máxima de 136 km/h.

O seu avançado conjunto de baterias de íons de lítio conta com um sistema líquido ativo de resfriamento e aquecimento para regular a temperatura. A frenagem regenerativa ajuda a recarregar as baterias.

O Focus Electric oferece também tecnologias avançadas de informação e conectividade. Ele vem com uma versão especial do SYNC e MYFord Touch, desenvolvida para veículos elétricos. Além da carga da bateria, ela informa o consumo elétrico dos acessórios e tem um sistema de navegação que orienta as rotas de acordo com a autonomia do carro e sugere a opção mais econômica. A função EcoGuide do painel usa borboletas azuis para mostrar a autonomia disponível.

Outra novidade é o aplicativo MyFord Mobile, que permite ao proprietário se conectar remotamente com o carro usando um smartphone ou outra interface ligada à internet, para programar e monitorar sua recarga e outros dados.

Novo Fusion

O novo Ford Fusion conta com a maior oferta de motores do segmento: as opções híbrida e híbrida plug-in, dois motores EcoBoost de quatro cilindros e um motor naturalmente aspirado de quatro cilindros. Além disso, oferece o sistema automático “start-stop” que desliga o motor em ponto morto, versões com tração dianteira ou integral e transmissão automática ou manual de seis velocidades.

O EcoBoost 1.6 irá entregar a maior economia de combustível entre os motores de quatro cilindros não híbridos, de 11 km/l na cidade e 15,7 km/l na estrada. A versão de performance do Fusion, com motor EcoBoost 2.0 e transmissão automática SelectShift de seis velocidades, tem a opção de rodas de 19 polegadas e tração integral.

O Fusion Hybrid – Carro do Ano de 2010 na América do Norte – continua a inovar e evoluir, com novas baterias de íons de lítio que reduzem o peso e geram mais energia que as versões anteriores de níquel-metal, ao mesmo tempo em que aumenta a velocidade máxima com tração elétrica, de 75 km/h para 100 km/h.

O Fusion Hybrid também traz um novo motor 2.0 a gasolina de quatro cilindros de ciclo Atkinson, significativamente menor que o 2.5 anterior e com o mesmo padrão de desempenho. Ele projeta uma economia de 20 km/l na cidade e 18,7 km/l na estrada.

A economia de combustível do Fusion Hybrid deve superar a do Toyota Camry Hybrid 2012 em 1,7 km/l na cidade e 2,1 km/l na estrada e a do Hyundai Sonata Hybrid em 5,1 km/l e 1,7 km/l, respectivamente.

No topo do ranking de economia de combustível está o híbrido “plug-in” Fusion Energi, que deve ser o mais eficiente da categoria em todo o mundo. Com lançamento programado para o segundo semestre, ele projeta um consumo equivalente de gasolina de 42,5 km/l. Esse número é 3,4 km/l maior que o do Chevrolet Volt e 5,5 km/l maior que o consumo esperado do híbrido plug-in Toyota Prius.

O Fusion 1.6 de nova geração é o primeiro carro Ford com transmissão automática a contar com o sistema automático “start-stop”. Ele desliga o motor quando o carro para e o religa automaticamente quando o motorista tira o pé do freio, ajudando a reduzir o consumo de combustível em cerca de 3,5%.

C-MAX

Os modelos C-MAX Hybrid e C-MAX Energi são os primeiros veículos multiuso da Ford na América do Norte. O C-MAX Hybrid vai oferecer a maior economia de combustível da categoria, superando o Toyota Prius v tanto na cidade como em estrada, considerando o consumo equivalente de gasolina. E o C-MAX Energi deve oferecer uma economia superior à do Toyota Prius plug-in, com autonomia de mais de 800 km.

O C-MAX Hybrid e o C-MAX Energi são movidos pela combinação de um motor a gasolina e um motor elétrico alimentado a bateria. Seu motor a gasolina 2.0, de quatro cilindros e ciclo Atkinson, é potente, econômico e um dos mais avançados que a Ford já construiu sem a aplicação de turbo.

Os motores elétricos são alimentados por sistemas avançados de bateria de íons de lítio, mais eficientes que as de hidreto de níquel-metal (NiMH). Elas também são 25% a 30% menores e 50% mais leves que as baterias NiMH dos veículos híbridos atuais de primeira geração.

Os híbridos C-MAX trazem a arquitetura “powersplit” de nova geração da Ford, que permite a operação conjunta ou em separado dos motores elétrico e a gasolina para maximizar a eficiência. O motor a combustão pode operar independentemente da velocidade do veículo, carregando as baterias ou fornecendo tração para as rodas, conforme a necessidade. O motor elétrico pode tracionar sozinho as rodas em baixa velocidade ou trabalhar em conjunto com o motor a gasolina em velocidades mais altas.

No C-MAX Hybrid, a bateria de íons de lítio é recarregada quando o motor a gasolina está em funcionamento e dispensa a conexão com a rede elétrica. Seu sistema de freios regenerativo recupera mais de 95% da energia de frenagem para recarregar a bateria. O C-MAX Energi é recarregado pela conexão a uma tomada padrão de 120 V, ou a uma estação de carga de 240 V.

Além de sete airbags, os híbridos C-MAX vêm com direção elétrica, controle de estabilidade AdvanceTrac, sistema de controle em curvas, controle vetorial de torque, assistência ativa de estacionamento, botão de partida e sistema de navegação com comando de voz.

Fonte:

Imprensa Ford

 

Comente aqui

Fusion Hybrid é a atração da Ford no Salão de Locação de Veículos

O Fusion Hybrid será uma das grandes atrações do Fórum e Salão Nacional da Indústria de Aluguel de Automóveis, que será realizado nos dias 9 e 10 de agosto no Expo Center Transamérica, em São Paulo. Primeiro veículo vendido no mercado brasileiro com tecnologia “híbrido total”, combinação de motor elétrico e a gasolina, o Fusion tem despertado grande interesse no mercado de locação de veículos de luxo.

“Queremos mostrar essa tecnologia para o segmento crescente de locação que busca um sedã de grande porte com alta eficiência e economia de combustível”, diz Marcello Paixão, gerente de Vendas Diretas da Ford. Além do Fusion Hybrid a Ford também mostrará o Focus Titanium para o segmento de médios e o Fiesta Rocam para os carros de entrada. “A nossa expectativa é crescer ainda mais as vendas para locadoras, oferecendo produtos e condições competitivas para os clientes desse segmento”, afirma Paixão.

Desde o ano passado, a Ford passou a investir de forma mais forte no segmento de locadoras, que responde por cerca de 10% do mercado nacional de automóveis. No primeiro semestre de 2011, as vendas da marca para o setor cresceram significativamente. “A Ford conta hoje com uma linha de veículos moderna e completa, que além de excelente custo-benefício e manutenção econômica têm uma das valorizações mais altas no mercado de usados, itens muito importantes para a operação das locadoras”, ressalta o executivo.

O evento, promovido a cada dois anos pela Associação Brasileira das Locadoras de Veículos (ABLA), é o maior do gênero no Brasil e, nesta edição, tem como tema principal a inovação. No estande da Ford, de 144 m², os visitantes poderão conhecer os veículos e tirar dúvidas com atendentes da área técnica e financeira.

Veículos modernos

O Fusion Hybrid oferece um padrão inédito de economia de combustível e emissões, junto com uma lista completa de itens de conforto, segurança e interatividade. Ele vem equipado com painel configurável, 7 air bags, ar-condicionado elétrico, sistema de monitoramento de pontos cegos, chave MyKey, câmera de ré, sensor de chuva e tomada de 110 volts na cabine, entre outros itens.

O Ford Focus, eleito o melhor carro médio pelas principais publicações automotivas, ganhou um requinte adicional com a versão Titanium. Disponível nas versões Hatch e Sedan, com motor 2.0 Flex, o modelo inclui faróis direcionais com acendimento automático, sensor de chuva, espelho retrovisor interno eletrocrômico, porta-luvas refrigerado e rodas de liga leve aro 16.

A linha Fiesta RoCam, nas versões Hatch e Sedan, campeã de vendas da Ford, é também a preferida da marca nas locadoras. Além do design moderno, ela é a única que vem equipada de série com travas elétricas e controle remoto para abertura das portas e do porta-malas, botão localizador, alarme perimétrico e travamento automático das portas a 15 km/h.

Fonte:

Imprensa Ford

 

 

Comente aqui

Ford comemora 92 anos no Brasil com o ingresso na era das plataformas globais

No Brasil rural de 1919, investir na montagem local de automóveis só poderia ser ideia de um louco ou visionário. Henry Ford provou que estava na segunda categoria. Esta semana, a Ford completou 92 anos de operação ininterrupta no Brasil, onde foi a primeira montadora a se instalar. Essa ousadia é uma das razões que mantém a marca à frente das tendências da tecnologia automotiva global, hoje guiada por seus quatro pilares: qualidade, segurança, sustentabilidade e criatividade.

Duas datas marcam o pioneirismo da Ford no País: 24 de abril, quando Henry Ford propôs a criação da subsidiária brasileira, e 1º de maio, quando o presidente da República do Brasil, Epitácio Pessoa, autorizou a sua instalação. Hoje, o Brasil é o terceiro maior mercado mundial da Ford, atrás dos Estados Unidos e do Reino Unido, e responde por um dos cinco Centros de Desenvolvimento de Produto da marca em todo o mundo, equipado para atender não só a América do Sul mas também outros mercados globais.

O crescimento da Ford no Brasil tem sido impulsionado pela renovação da linha de produtos, que nunca foi tão rápida. Ela é uma das mais completas do País e entra agora em um novo patamar com a introdução de plataformas globais. Exemplos dessa estratégia são os recentes lançamentos do New Fiesta, no segmento dos compactos, e do Fusion Hybrid, o primeiro híbrido total no mercado brasileiro, combinando propulsão elétrica e a combustível.

A Ford acaba de renovar também a sua principal linha de caminhões. O Novo Cargo 2012, lançado este mês, teve o projeto desenvolvido pela engenharia local com cabine totalmente nova e moderna, incluindo a opção leito, interior remodelado e transmissões sincronizadas. A Série F completa a oferta de caminhões Ford no mercado nacional, junto com a Transit, com os modelos van de passageiros, furgão e chassi no segmento de comerciais leves.

Linha completa

A linha de automóveis Ford é uma das mais modernas do País. O Ka é o líder do segmento de compactos de três portas, com motorização 1.0 e 1.6 Flex. O Fiesta RoCam, nas versões Hatch e Sedan, com motor 1.0 e 1.6 Flex, é o campeão de vendas da marca. O Novo Focus, nas versões Hatch e Sedan e com motores Flex Sigma 1.6 e Duratec 2.0, vem crescendo nas vendas e é reconhecido pela mídia como o melhor carro médio do mercado.

No segmento de luxo, o Fusion, com as versões 2.5 e V6, também é líder de vendas, com a opção inédita do modelo híbrido. Nos utilitários esportivos, o EcoSport continua a ser a referência da categoria, nas versões 1.6 e 2.0 Flex, Automático e 4WD. O novo Edge é outro sucesso de vendas no segmento de crossovers de luxo, onde se diferencia pelo estilo, sofisticação e oferta de tecnologia. A Ford é a única montadora presente nos três segmentos de picapes, com a compacta Courier, a média Ranger e a grande F-250. E conta ainda com o utilitário Troller T4, da subsidiária Troller.

A marca iniciou recentemente a produção da moderna família de motores Sigma, na unidade de Taubaté. Com investimentos que somam R$4,5 bilhões até 2015, continua trabalhando em novos programas para dar sequência à renovação da linha de produtos.

 

Produtos desejados

“A Ford está caminhando de forma muito forte para uma integração mundial e o Brasil tem um papel importante dentro dessa estratégia, com oportunidades para assumir uma posição de destaque como criador e produtor de veículos globais”, diz Marcos de Oliveira, presidente da Ford Brasil e Mercosul. “Nosso objetivo é produzir veículos que os consumidores realmente desejam, com o melhor desempenho em qualidade, segurança, economia de combustível e design, oferecendo maior valor agregado e tecnologia por preço acessível.”

Outro ponto forte da Ford é a assistência pós-venda, com uma rede formada por mais de 400 distribuidores em todo o Brasil. A marca desenvolve um trabalho constante para aumentar a satisfação do cliente não só com o produto mas também com o pós-venda e foi pioneira no lançamento de tendências que hoje são seguidas pelo mercado, como o agendamento de serviços na oficina e as revisões com preço fixo.

 

Fonte:

Imprensa Ford

 

2 Comentários

Ford apresenta novidades no Salão de Xangai

Ford lança o Mondeo com  motor EcoBoost e anuncia 15 novos modelos no Salão de Xangai 2011

A Ford e seus parceiros anunciaram no Salão de Xangai 2011 o plano de lançar 15 novos veículos na China até meados da década. O Mondeo 2011 com motor EcoBoost é a principal novidade da mostra que exibe também os elétricos e híbridos Focus Electric, C-MAX Energi e Fusion Hybrid, além do conceito Vertrek e do Edge V6.

“Estamos orgulhosos e satisfeitos de anunciar hoje nosso plano de expansão acelerada na China, com o lançamento de 15 veículos totalmente novos da geração One Ford até 2015″, disse Joe Hinrichs, presidente da Ford Ásia Pacífico e África e CEO da Ford China.      “Este plano reforça o nosso compromisso de oferecer uma gama completa de veículos aos novos consumidores de carros da China, o maior e mais atraente mercado automotivo do mundo. Os novos modelos vão fortalecer significativamente a presença da Ford nos segmentos onde já atua e dar um novo impulso ao seu crescimento em outros”, explicou Hinrichs.

Os 15 novos veículos fazem parte do plano da Ford de introduzir 50 novos produtos e motorizações na região da Ásia Pacífico e África nos próximos quatro anos. “Além do novo Ford Focus, o primeiro desses lançamentos, estamos anunciando a produção da nova geração do Ford Kuga na China”, completou o executivo. A Ford também planeja mais do que dobrar o número de distribuidores na China até o meio da década.

Futuro verde e brilhante

A Ford tem uma imagem ligada a produtos de alta qualidade, sustentáveis, seguros e criativos. Essas características ficarão mais fortes quando a marca apresentar suas novas tecnologias de energia em Xangai. Projetadas para oferecer uma alternativa real de economia de combustível no futuro, elas estão presentes no novo Focus Electric, primeiro carro elétrico de passageiros da Ford, no C-MAX Energi, primeiro híbrido elétrico “plug-in” da marca, e no novo Fusion Hybrid, já lançado no Brasil. Esses três veículos mostram as tendências tecnológicas que a Ford está desenvolvendo para transformar a sua linha de produtos.

Outra novidade da mostra é o Ford Vertrek, conceito com design inovador que traz uma visão futurista de utilitário esportivo compacto. “Com o crescimento acelerado do segmento de utilitários esportivos na China, estamos entusiasmados com a oportunidade de apresentar o conceito Vertrek em Xangai. Acreditamos que ele vá atrair muitos visitantes, blogueiros e repórteres, já que muitas de suas características serão incorporadas à nova geração de utilitários esportivos a ser produzida na China”, completou.

Com 17 modelos na mostra, a linha de produtos da Ford é uma das maiores já produzidas, revelando a importância do mercado automotivo chinês. Cerca de 700 mil pessoas são esperadas no evento, que será aberto de 21 a 28 de abril.

Novos veículos e tecnologias

O Mondeo 2011, lançado no salão, é o primeiro modelo equipado com o premiado motor EcoBoost a chegar ao mercado chinês. Além de gerar mais torque e potência com economia de combustível, ele também produz menos emissões. O novo utilitário esportivo Ford Edge é outro modelo que promete fazer sucesso entre o número crescente de fãs dessa categoria na China. Desde o seu lançamento em janeiro, o Edge 3.5 V6 Ti-VCT já venceu diversos prêmios e registra alta procura.

O Fiesta Sport+ também está no estande, com novas saias frontais e traseiras e a estreia da cor Blush. Linhas tradicionais, como o Ford Focus e o S-Max, são outros produtos de destaque em Xangai, trazendo tecnologias inovadoras de conectividade com o motorista, como o SYNC com MyFord Touch.

Diversas telas interativas de informação e entretenimento foram montadas para mostrar a qualidade, sustentabilidade, segurança e criatividade dos produtos da marca. Um miniteatro em 3D, um simulador de rali do Fiesta, um videogame de direção defensiva e um teatro montado dentro do Ford Edge são outras atrações preparadas para o público.

Fonte:

Imprensa Ford

 

1 Comentário