Jeep



NOVO JEEP® CHEROKEE 2019

INSCREVA-SE NO MEU CANAL NO YOUTUBE

CAMINHAR E PENSAR É SÓ COMEÇAR

https://www.youtube.com/c/Caminharepensarésócomeçar

Auburn Hills (EUA) – Apresentamos o novo Jeep® Cherokee 2019. O SUV mais capaz de sua categoria oferece um novo design, autêntico e mais premium, com opções de motorização ainda mais eficientes. Imagens adicionais e a informação completa do veículo estarão disponíveis em 16 de janeiro, no Salão do Automóvel de Detroit, nos Estados Unidos.

FCA PRESS

Comente aqui


Novo Jeep® Wrangler: o SUV mais capaz de todos os tempos

INSCREVA-SE NO MEU CANAL NO YOUTUBE

CAMINHAR E PENSAR É SÓ COMEÇAR

https://www.youtube.com/c/Caminharepensarésócomeçar

 

Ainda mais capacidade 4×4, design moderno que permanece fiel às origens, conjuntos mecânicos avançados e eficientes, maior uso de alumínio, mais opções para dirigir ao ar livre e muitos elementos de segurança e tecnologia

Los Angeles (EUA) — O novo Jeep® Wrangler 2018, o veículo mais capaz e reconhecido do mundo, combina sua história lendária com uma inigualável combinação de capacidade off-road, design autêntico da Jeep, liberdade ao ar livre , motorizações avançadas e eficientes, comportamento dinâmico superior no asfalto e uma série de recursos inovadores de tecnologia de segurança e tecnologia.

“A Jeep sempre representou a excelência em capacidade off-road e na condução ao ar livre. Nosso novo Wrangler 2018 mantém esse legado importante e o leva ao futuro, diz Mike Manley, chefe global da Jeep. “O novo Wrangler é instantaneamente reconhecível como um Jeep, mantendo-se fiel ao original, mas é melhor em todos os sentidos – oferecendo capacidade ainda mais robusta, mais conforto de rodagem, mais eficiência de combustível graças a várias opções avançadas de powertrain, mais conforto interno, mais segurança e mais tecnologia”.

Produzido na fábrica original da Jeep, em Toledo, Ohio (EUA), o Jeep Wrangler 2018 de duas portas está disponível a partir de janeiro na América do Norte em três versões diferentes: Sport, Sport S e Rubicon. Com a carroceria de quatro portas existe também a versão Sahara.

Para ir a qualquer lugar

O novo Jeep Wrangler 2018 oferece uma capacidade off-road lendária graças a dois sistemas 4×4 avançados e, pela primeira vez na história do Wrangler, uma caixa de transferência de duas velocidades com tração integral permanente e uma relação reduzida de 2,72:1 disponível para a versão Sahara. Chamada de Selec-Trac, essa nova caixa de transferência é intuitiva e permite que o condutor o configure e esqueça, enquanto a força é constantemente entregue às rodas dianteiras e traseiras.

No sistema Command-Trac 4×4, a caixa de reduzida tem relação de 2,72:1, e eixos dianteiros e traseiros Dana de última geração e relação no eixo traseiro de 3,45:1. No Wrangler Rubicon, o sistema Rock-Trac 4×4 tem eixos Dana 44 de última geração e alto desempenho com relação reduzida de 4:1. A relação 4,1 do eixo dianteiro e traseiro é padrão, assim como os diferenciais de bloqueio eletrônico Tru-Lok.

As versões do Wrangler Rubicon oferecem evoluções em articulação e curso de suspensão em comparação à geração anterior com a ajuda de uma barra estabilizadora eletronicamente desconectável. Com a transmissão manual padrão de seis marchas, o Wrangler Rubicon possui uma impressionante e aprimorada crawl ratio de 84,2:1 (77,2:1 nos modelos com o novo câmbio automático de oito marchas) – permitindo superar facilmente qualquer obstáculo por mais complicado que pareça.

Ambos os sistemas Command-Trac e Rock-Trac oferecem gerenciamento de torque em tempo integral, ideal para condições de baixa tração. É possível ainda equipar o Wrangler com o Trac-Lok, um diferencial traseiro de deslizamento limitado que oferece torque e aderência extras durante situações escorregadias e de baixa tração, como a condução sobre areia, cascalho, grama molhada, lama fina, neve ou gelo.

Cada veículo Wrangler recebe um emblema de Trail Rated graças à lendária capacidade 4×4 que inclui recursos como os já citados e ainda outros destaques: números que são referência na categoria, a exemplo dos ângulos de 44° (entrada), 37° (saída) e 27,8° (rampa), distância do solo de 27,7 cm, 76 cm de capacidade de submersão, pneus de 33 polegadas nas versões Rubicon e capacidade de rebocar 1.587 kg. Além disso há placas de proteção sob a carroceria e ganchos de reboque dianteiros e traseiros.

Versão moderna de um design autêntico

O novo Wrangler 2018 é baseado em um desenho imediatamente reconhecível graças a detalhes de estilo tradicionais da Jeep. O novo design exterior do Wrangler é ousado e rústico, com linha de cintura mais baixa e janelas maiores para melhor visibilidade externa, especialmente nas trilhas.

A equipe de design do Jeep deu à lendária grade de sete fendas um olhar atualizado que agora mostra as duas fendas nas pontas se cruzando com os faróis, homenageando os Jeep CJ (como o CJ-5 feito no Brasil entre as décadas de 1950 e 1980). A parte superior da grade foi suavemente inclinada para melhorar a aerodinâmica.

Nas versões Sahara e Rubicon, os faróis de LED e as luzes de neblina disponíveis oferecem luz branca e aumentam a distinção do Wrangler. Estes modelos apresentam luzes diurnas que agora formam um aura em torno do perímetro exterior dos faróis e os setas de direção em LED estão posicionados na frente dos para-lamas trapezoidais. Atrás, as tradicionais lanternas quadradas podem ser de LED.

Dezenas de diferentes combinações de porta, capota e para-brisas permitem infinitas possibilidades de configuração. Um novo design de meia porta estará disponível a partir de 2019.

A inclinação do para-brisa foi otimizada para melhorar a aerodinâmica e possui um novo design de quatro parafusos na parte superior da moldura do para-brisa para permitir que ele se dobre rápida e facilmente. Uma nova barra transversal dianteira agora conecta as colunas A e permanece no lugar mesmo quando o para-brisa é rebatido. Isso permite que o espelho retrovisor permaneça no lugar mesmo com o para-brisa dobrado.

As novas e mais leves portas de alumínio de alta resistência têm um detalhe extremamente funcional: está impresso na dobradiça o tamanho da ferramenta necessária para remover as portas. Como novidade, todos os Wranglers apresentam barras esportivas coloridas, que são soldadas ao corpo e possuem alças integradas. Único SUV 4×4 para uso ao ar livre, o Wrangler conta com uma inédita opção de capota elétrica, chamada de Sky One-Touch, que permite rebater completamente a cobertura de lona simplesmente pressionando um botão. Ela estará disponível a partir do segundo trimestre de 2018.

Motorizações avançadas e eficientes

O motor EcoDiesel V6 de 3 litros e o novo quatro-cilindros 2.0 com turbocompressor juntam-se à linha Wrangler, que mantém o comprovado Pentastar V6 de 3,6 litros, que teve melhorias significativas para 2018.

2.0 turbo

O novo motor turbo de 2 litros, 4 cilindros em linha e injeção direta oferece 270 cv de potência e 40 kgfm de torque, tornando-o o melhor da sua categoria. Juntamente com uma transmissão automática de 8 velocidades, seu torque supera o do motor V6 também oferecido no Wrangler 2018. O uso da nova tecnologia eTorque ajuda a melhorar a economia de combustível e as emissões, as arrancadas e o conforto nas operações do sistema Stop/Start.

As funções do sistema híbrido eTorque incluem o Stop/Start, direção elétrica, corte prolongado da injeção de gasolina, gerenciamento das trocas de marchas, carregamento inteligente da bateria e frenagem regenerativa. Tanto o motor como o fluxo de combustível podem ser desligados não apenas durante as paradas como também quando se está desacelerando ou rodando “no embalo”.

Esse novo motor 2.0 possui um turbocompressor twin-scroll (fluxo duplo) de baixa inércia com um válvula waste-gate de atuação eletrônica para resposta e desempenho excepcionais, mesmo em terrenos difíceis. O turbo é montado diretamente no cabeçote para melhorar a durabilidade. Um circuito de refrigeração dedicado reduz a temperatura do ar de admissão, do corpo do acelerador e do turbo.

A injeção direta, juntamente ao turbo, permite uma combustão mais eficiente e um maior desempenho, com sistema common-rail de alta pressão (2.900 psi). Essas altas pressões produzem melhor pulverização do combustível e entrega de combustível mais precisa, dando mais desempenho e eficiência.

Motor 3.6-litros Pentastar V-6

O motor Pentastar V-6 de 3.6 litros da FCA oferece 285 cavalos de potência e 36 kgfm de torque e agora possui o motor Stop-Start (ESS) como equipamento padrão. Ele é projetado para fornecer uma ampla gama de torque com uma ênfase especial no torque a baixas rotações, aspecto crucial na direção extrema do off-road.

Uma transmissão manual de seis velocidades totalmente nova é padrão em todos os modelos Wrangler equipados com o Pentastar V-6 de 3.6 litros e uma transmissão automática de oito velocidades é oferecida como opção no Wrangler 2018.

Conhecido pelo seu refinamento, potência, eficiência e versatilidade, existem mais de cinco milhões de motores 3.6-litros V-6 Pentastar na estrada hoje. O Jeep Wrangler 2018 beneficia do torque de renome a baixas rotações deste motor, algo muito necessário nas rotas 4×4 ou quando as condições do terreno são muito exigentes.

Motor EcoDiesel V6

O motor EcoDiesel de 3 litros estará disponível a partir de 2019 nas versões de 4 portas do Wrangler, com 260 cv de potência e 61 kgfm de torque, bem como sistema Stop-Start (ESS) de série. Uma nova transmissão automática de 8 marchas também vem como padrão, retralhada para lidar com o aumento de torque. O EcoDiesel V6 implementará a nova tecnologia de turbocompressor com rolamento de baixa fricção projetado para funcionar em baixas velocidades e em situações de transição onde a resposta imediata é necessária.

Câmbio automático de 8 marchas

O novo Jeep Wrangler 2018, em todas as versões, oferece uma transmissão automática opcional de oito velocidades, que permite que os motores melhorem seu desempenho em trilhas off-road e forneçam energia de forma suave e eficiente às velocidades da rodovia. Um conjunto único de dois índices de overdrive melhoram a economia de combustível da rodovia e reduzem os níveis gerais de ruído, vibração e aspereza (NVH).

Câmbio manual de seis marchas

Todos os modelos Jeep Wrangler 2018 estão equipados, de série, com a nova transmissão manual de seis velocidades. Esta transmissão tem um design único que emprega novas relações de engrenagem, incluindo uma relação de rastreamento melhorada, um novo padrão de engrenagem e uma unidade de cabo que elimina a vibração da alavanca de mudança e promove o isolamento do som.

Uconnect de quarta geração

Pela primeira vez, o novo Jeep Wrangler 2018 oferece a quarta geração de sistemas Uconnect, com três versões (Uconnect 5, 7 e 8,4 NAV). Todos têm funções de comunicação, entretenimento e navegação que satisfazem os desejos de qualquer motorista ou passageiro, incluindo um painel de instrumentos de LED colorido. O novo Uconnect inclui recursos fáceis de usar, potência de processamento aprimorada, tempos de inicialização mais rápidos e telas sensíveis que exibem gráficos de alta resolução. Além da conectividade com os sistemas Apple Car Play e Android Auto para as opções 7 e 8,4 NAV.

Mais de 75 itens de segurança

A segurança e proteção dos ocupantes tem sido primordial ao desenvolver o novo Jeep Wrangler 2018, que se reflete nos mais de 75 componentes de segurança ativos e passivos disponíveis. Estes incluem: monitoramento de ponto cego, controle de cruzamento traseiro, câmera traseira ParkView com linhas dinâmicas, controle eletrônico de estabilidade (ESC) com mitigação eletrônica de rolagem e quatro air bags de série.

Qualidade, confiabilidade e durabilidade

O novo Jeep Wrangler apresenta um interior robusto e refinado que permite que os clientes abordem qualquer tipo de terreno de forma confortável. Todos os Wrangler vêm de série com um interior lavável e durável e tem plugues de drenagem para fácil limpeza. Os serviços de design, engenharia e qualidade da Jeep se associaram para fornecer a melhor cabine do segmento com o uso extensivo de materiais duráveis ¿¿e qualidade superior. Aspectos como ajustes e acabamentos, a qualidade das superfícies, a variedade de materiais utilizados ou a qualidade do som de peças móveis, como portas e recipientes de armazenamento, foram submetidos a um rigoroso processo de testes. O interior do novo Wrangler foi projetado e concebido para definir um novo padrão de satisfação do cliente no setor.

O novo Wrangler foi testado ao longo de cerca de 4.000.000 km – um dos maiores totais de qualquer veículo americano da FCA. Os testes foram conduzidos em condições extremas em diferentes ambientes e climas, desde o calor escaldante do Arizona até o frio do Alasca. O modelo foi submetido a testes globais em vários países ao redor do mundo, como Brasil, China, Índia e Itália. Além disso, de todos os testes padrão e testes laboratoriais, o Wrangler visitou os pântanos do norte do Michigan, a trilha Rubicon e muitos outros lugares.

Fonte: FCA PRESS

Comente aqui


Jeep Renegade em números

imagem
Pouco mais de um ano após seu lançamento comercial no mercado nacional, em abril de 2015, o Jeep® Renegade continua colecionando números dos mais relevantes. Até agora, são mais de 65 mil Renegade emplacados, sendo mais de 25 mil neste ano. “São dados que comprovam a promessa de reinvenção do segmento dos SUVs compactos no Brasil, sobretudo pelo fato de que a configuração 2.0 turbodiesel 4×4, exclusiva na categoria, representa mais de 1/4 das vendas”, afirma Rogério Villaça, diretor da Jeep para a América Latina.

Confira alguns números curiosos sobre o desempenho de vendas do Jeep Renegade ao fim deste semestre:

78% dos compradores do Renegade estão migrando de outros segmentos, que não o de SUVs. A maioria vem dos sedãs (29%) e dos hatches (28%).

38% dos compradores são mulheres.

26% é a participação dos modelos com motor 2.0 diesel e tração 4×4 entre os emplacamentos do Renegade este ano.

31% é a participação da versão Longitude 1.8, a campeã no mix.

83% dos Renegade vendidos usam câmbio automático de seis ou de nove marchas

47% foi a participação da cor Branco Ambiente nas vendas deste semestre, de longe a preferida entre os compradores do Renegade.

80% dos clientes do Renegade efetuaram a compra após fazer o test-drive.

65 mil exemplares do Renegade foram vendidos no Brasil desde abril do ano passado.

6.976 unidades foram emplacadas em dezembro de 2015, estabelecendo o recorde mensal histórico de vendas para um SUV no Brasil.

25.700 emplacamentos foram feitos no primeiro semestre deste ano, o que coloca o Renegade na 10ª colocação no ranking geral de vendas de automóveis. Se consideradas apenas as vendas no varejo (sem vendas diretas), ele sobe para a 8ª colocação.

2,7% é a fatia do Renegade no mercado geral de automóveis em 2016.

13 são as unidades da Federação nas quais o Renegade é líder entre os SUVs: Minas Gerais, Paraná, Bahia, Distrito Federal, Pernambuco, Ceará, Mato Grosso, Paraíba, Rio Grande do Norte, Alagoas, Piauí, Tocantins e Amapá.

posição é a que ocupa a Jeep entre as marcas de automóveis mais vendidas, graças sobretudo ao sucesso do Renegade.

colocação conquistou a Jeep em sua estreia do estudo brasileiro do Índice de Satisfação de Vendas da J.D. Power, que avalia a experiência dos clientes na loja.

194 é a quantidade de lojas Jeep em operação no Brasil.

Fonte: FCA PRESS

Comente aqui


Um ano de Polo Automotivo Jeep

  • Um ano após sua inauguração, o Polo Automotivo Jeep, em Goiana, Pernambuco, continua em ritmo acelerado de evolução. Os investimentos da FCA avançam no desenvolvimento contínuo dos seus profissionais e na consolidação do Centro de Pesquisa, Desenvolvimento, Inovação e Engenharia Automotiva.
  • Os dois modelos produzidos no Polo, Jeep Renegade e Fiat Toro, são sucessos de vendas e referência em suas categorias
     
  • Jovens líderes assumem postos de destaque na fábrica pernambucana

Goiana, 28 de abril de 2016 – Um ano após sua inauguração, o Polo Automotivo Jeep, em Goiana, Pernambuco, continua em ritmo acelerado de evolução. Os investimentos da FCA avançam no desenvolvimento contínuo dos seus profissionais e na consolidação do Centro de Pesquisa, Desenvolvimento, Inovação e Engenharia Automotiva. A primeira pista do Campo de Provas localizado no perímetro do Polo Automotivo está em fase final de implantação e será fundamental para o desenvolvimento de novos veículos FCA em menor tempo e com maior precisão, sendo estratégica para o aprimoramento de novos modelos.

O mais moderno e eficiente complexo produtivo da FCA – Fiat Chrysler Automobiles também celebra a conquista de importantes resultados operacionais. No Polo são produzidos carros com altos índices de nacionalização de conteúdo e que são referências em qualidade e sucesso de vendas – o Jeep Renegade e o Fiat Toro. Além disso, a gestão de pessoas desenvolveu um programa modelo de formação de jovens líderes, que vão assumindo postos de comando na fábrica.

“Desde sua concepção, o Polo Automotivo Jeep é uma referência para a indústria automotiva e é parte fundamental da estratégica global da FCA”, afirma o presidente da FCA para a América Latina, Stefan Ketter. “Desenvolvemos pessoas e processos em tempo recorde, concebemos produtos que mudaram o mercado e conquistamos os melhores níveis de produtividade, eficiência e qualidade”, reforça.

Produtos de sucesso

Os modelos produzidos no Polo Automotivo Jeep são sucesso de vendas e quebraram diversos paradigmas de mercado. Após um ano de comercialização, o Jeep Renegade já acumula cerca de 60 mil unidades vendidas no País, distribuídas através de uma rede de 194 concessionárias no território nacional. Tal desempenho colocou a Jeep na nona posição do ranking de marcas de automóveis e comerciais leves no primeiro trimestre deste ano, com 2,91% de participação de mercado.

O Renegade quebrou ainda o recorde de vendas em um único mês para um SUV em dezembro do ano passado, quando foram emplacados 6.976 veículos. Nesse mesmo mês, o market share do Renegade alcançou 3,2% do mercado total brasileiro.

Já o Fiat Toro, em seu primeiro mês completo de vendas, alcançou a terceira posição entre as picapes mais vendidas no Brasil, com 3.080 unidades comercializadas em março. Até o momento, o Fiat Toro já se posiciona como segundo comercial leve mais vendido do Brasil, atrás apenas da Fiat Strada.

Desenvolvimento pessoal

Jovens gestores que foram capacitados dentro da planta Jeep e com média de idade de 28 anos já comandam a fábrica mais moderna e eficiente da FCA no mundo. O processo ágil de formação de novos gestores é fruto do Plano de Sucessão idealizado e implementado para o Polo Automotivo Jeep. Esses jovens talentos assumiram funções estratégicas – de gerentes de unidades produtivas, supervisores de áreas e líderes de equipes – em menos da metade do tempo registrado tradicionalmente no Grupo FCA.

Uma das histórias de desenvolvimento pessoal e profissional é a do pernambucano e engenheiro mecatrônico Renato Afonso, de 26 anos. Ele ingressou em novembro de 2013 no projeto. Passou pelo treinamento em fábricas de referência da FCA na Itália (Pomigliano e Melfi) e assumiu o cargo de especialista de manutenção da unidade de Funilaria da planta Jeep quando retornou a Pernambuco. Sua carreira evoluiu rapidamente e, por conta da experiência com o treinamento de pessoas, análise de desempenho de máquinas e equipamentos de última geração e a entrega de resultados, especialmente no aumento da eficiência nos processos, Renato alcançou um cargo estratégico na fábrica: coordenador de World Class Manufacturing (WCM), o sistema de produção desenvolvido e adotado em todas as plantas FCA no mundo. Sob sua responsabilidade está o acompanhamento da evolução contínua dos indicadores produtivos e o gerenciamento da expansão dessa cultura corporativa para todo o time FCA.

Thiego Oliveira, 31 anos, engenheiro de TI, é outro exemplo da jornada de desenvolvimento profissional implementada no Polo Automotivo Jeep. Ele coordena hoje uma área estratégica na fábrica de automóveis: sob sua responsabilidade está o funcionamento do New Plant Landscape (NPL), sistema integrado no qual o carro é mapeado em cada ponto da linha de produção, com a finalidade de reduzir a ocorrência de erros e funcionar como interface em tempo real entre profissionais e unidade produtiva. Thiego é da segunda turma de contratados do Polo Automotivo Jeep, tendo ingressado no Polo em fevereiro de 2013.

Após treinamentos em Betim (MG), teve a oportunidade de trabalhar na implantação do NPL na planta de Melfi, Itália. Aprendeu processos e a nova língua para assumir na fábrica italiana a função de multiplicador de conhecimentos para os novos funcionários de Melfi. Só então retornou a Goiana, em 2014, com toda essa experiência acumulada, para finalizar a implantação do NPL no Polo Automotivo Jeep e ascender a coordenador de TI, à frente de um time de 14 profissionais FCA.

Outro destaque é que, dentro do sistema WCM, o desenvolvimento de pessoas levou o Polo Automotivo Jeep a ser uma referência – primeiro na América Latina e, logo em seguida, no mundo. Os profissionais do Polo alcançaram os melhores níveis de aprendizado da metodologia WCM, de conhecimentos técnicos e de conteúdos de liderança.

São os team leaders, que lideram a célula básica de produção, formada por seis trabalhadores, e que comandam de perto o dia a dia da fábrica Jeep. Os líderes de equipe recebem qualificação específica para o desenvolvimento de suas competências. Eles participam de um projeto pioneiro no grupo FCA: a Academia de Líderes. Todos passam por 13 módulos de qualificação em liderança que abordam os processos internos da empresa de gestão de pessoas. O projeto, por conta dos bons resultados alcançados, será exportado para as demais plantas do grupo no mundo.

Resultados operacionais

Entre fevereiro de 2015, mês que marcou o início de sua produção comercial, e a primeira quinzena de abril de 2016, o Polo Automotivo Jeep fabricou cerca de 84 mil carros. Atualmente, o ritmo de produção é de 45 veículos por hora, o que representa entre 450 e 480 unidades por dia, sendo, em média, 50% de Jeep Renegade e 50% de Fiat Toro. O desempenho confirma na prática uma das principais premissas do Polo: a flexibilidade para produzir mais de um modelo simultaneamente.

Cada uma das áreas operacionais alcançou resultados expressivos no primeiro ano de operação. A área de  Prensas, coração da planta Jeep, na qual o aço ganha a forma dos veículos, registrou o maior índice de eficiência produtiva em linhas de estampagem do tipo HTL dentro do Grupo FCA. A Funilaria se tornou referência na América Latina em índices de qualidade de processos e hoje é uma das unidades-modelo do Grupo FCA. Os resultados foram alcançados em meio à escalada de produção de dois veículos diferentes.

Em apenas um ano, a área Pintura apresentou parâmetros de qualidade comparáveis às unidades semelhantes das melhores plantas FCA do mundo, que estão em operação há muito mais tempo. Além disso, na análise dos consumidores do Jeep Renegade, a pintura dos veículos foi o item melhor avaliado. Com o conceito de ciclo compacto e sistema Primerless, o Polo Automotivo Jeep entrega ao cliente o melhor resultado com menos emissões, menos consumo de energia e redução no uso da água. Na área de Montagem, o principal avanço foi o aumento de 30% na produtividade nos últimos doze meses. A evolução ocorreu também em um momento crucial, com a produção simultânea de dois modelos.

Quanto aos índices de Qualidade, o Polo Automotivo Jeep alcançou os melhores resultados para lançamento de um novo veículo – o Renegade – na história da FCA.  Não à toa, o modelo foi eleito Carro do Ano 2016 e registrou, por duas vezes, a maior pontuação no Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe (Latin NCAP), que avalia a segurança oferecida pelo veículo a seus ocupantes. E o Fiat Toro, em três meses de produção apenas, caminha para atingir os mesmos índices internos do Renegade, com o diferencial de ser um modelo completamente novo na gama de veículos da FCA.

Referência em integração com os fornecedores

Além de estar no mesmo perímetro industrial, o Parque de Fornecedores do Polo Automotivo Jeep conta com um modelo de gestão que amplia a sinergia entre as empresas e a troca de experiências, soluções e parceria para resolução de problemas. Dessa forma, além de alcançar índices de nacionalização inéditos para complexos produtivos com apenas um ano de operação – de 80%, sendo 40% oriundos do Parque de Fornecedores – esse novo modelo de gestão garante maior qualidade para os veículos produzidos.

Conhecido como SIM (Suppliers Integration Model), o modelo será exportado para outras plantas FCA no mundo, com implantação já iniciada na fábrica Fiat de Betim (MG). A próxima fábrica a receber o SIM será unidade de Córdoba, na Argentina.

O FCA está focada em atrair para seu entorno fornecedores estratégicos, aumentando a “pernambucanização” de sua cadeia produtiva. As operações do Polo Automotivo Jeep geraram condições para a criação de condomínios industriais, logísticos, comerciais e de serviços na região. Dois parques de fornecedores externos, que serão instalados em um raio de até 20 quilômetros do Polo, já atraíram 18 empresas que integram a cadeia automotiva.  Cada uma delas negociará diretamente com os empreendedores dos condomínios, buscando as melhores condições para seu negócio.

Gestão ambiental

O Polo Automotivo Jeep nasceu com as mais avançadas políticas de gestão ambiental. Com menos de um ano de operação, as práticas de baixo impacto ambiental e de resgate da biodiversidade local já são reconhecidas internacionalmente, através da conquista do selo ISO 14001 em Sistema de Gestão Ambiental (SGA). Tal certificação comprova que todo o processo produtivo é realizado com grande respeito às questões ambientais. A avaliação levou em consideração a totalidade dos conceitos sustentáveis adotados pelo Polo.

Um projeto inovador é o Programa de Biodiversidade Nosso Verde. Em desenvolvimento desde junho de 2014, envolve quatro etapas: pesquisa histórica sobre a flora secular da Zona da Mata Norte pernambucana, promovendo o resgate da biodiversidade local; levantamento técnico da fauna e flora existentes nos dias atuais e compatível para plantio; execução do paisagismo do Polo Automotivo; e construção de um viveiro com capacidade de produção de 22 mil mudas a cada três meses.

Ao todo, serão plantadas 208 mil mudas de mais de 250 espécies nativas da Mata Atlântica, das quais 25 ameaçadas de extinção, em 440 hectares de área verde. No primeiro ano já foram plantadas mais de 38 mil mudas, com destaque para a Apeiba albiflora (Pau-de-jangada), Caesalpinia (Pau-ferro) e Parkia pendula (Visgueiro). Atualmente, o viveiro de mudas conta com mais de 40 mil unidades.

Para dar uma destinação realmente sustentável aos resíduos gerados pelas áreas industrial e administrativa, o Polo Automotivo Jeep implantou uma Ilha Ecológica, cuja operação foi fundamental para a conquista neste primeiro ano de operações de um objetivo ousado:  o Aterro Zero, que significa reciclabilidade e reaproveitamento total dos resíduos e nada de descarte no Polo. Para tanto, foram formados e contratados 21 fornecedores locais que recebem os materiais e agregam valor a partir do reaproveitamento.

A Ilha Ecológica ocupa uma área de 3 mil metros quadrados, na qual se promove a identificação e segregação final de todos os resíduos. A unidade é dividida em áreas exclusivas para papel/papelão, plástico, metal, isopor, entre outros. Todo o processo inclui pesagem, triagem e armazenagem correta dos materiais classificados como recicláveis, reutilizáveis e perigosos.

No uso eficiente de recursos hídricos, a operação da Estação de Tratamento de Efluentes (ETE) é destaque, com capacidade para promover o recírculo de 98% da água em um sistema próprio. São utilizadas duas tecnologias: Membranas (MBR) e Osmose Reversa. É o maior complexo de tratamento de efluentes líquidos em capacidade e tecnologia do Nordeste.

Construção de legados

A FCA, Prefeitura de Igarassu, Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação (ICE) e Instituto Qualidade no Ensino (IQE) têm  firmado  o compromisso de trabalharem em conjunto para melhorar o ensino público do município e contribuir para a criação de novas perspectivas de vida para as crianças e jovens de Igarassu. O termo de cooperação técnica assinado em dezembro de 2014 prevê a atuação focada em duas frentes: qualificação dos docentes e gestores e implantação do modelo de Ensino em Tempo Integral.

O primeiro programa, o Qualiescola, em parceria com o IQE, já promoveu a capacitação de cerca de 220 gestores e professores, focando nos conteúdos de matemática e português. A meta é qualificar cerca de 700 profissionais da rede municipal de ensino. Ao todo, quase 7 mil alunos de 43 escolas do município são beneficiados a cada ano pelo programa. Com relação ao desempenho, 72% das escolas de 3º ao 5º ano do Ensino Fundamental apresentaram melhoria no desempenho: as médias gerais registraram um crescimento de 12% em 2015, na comparação com as médias anteriores à implantação do programa.

Pioneiro na cidade de Igarassu, o programa de implementação de Ensino em Tempo Integral possui uma primeira escola em funcionamento, o Centro de Educação Integral de Igarassu Professora Cecília Maria Vaz Curado Ribeiro. O programa ainda é amparado por uma lei aprovada na Câmara de Vereadores, prevendo uma possível ampliação nos próximos anos. Para esse programa, a FCA formou parceria com o ICE.

Em 2015, a FCA empreendeu ainda uma oficina de capacitação para 10 grupos culturais da Zona da Mata Norte – maracatus, escolas de samba e caboclinhos. Foram três encontros com o objetivo principal de qualificá-los em gestão administrativa e contribuir para que eles se estruturem internamente e ampliem suas participações em editais de incentivo e contratações por órgãos públicos. Para 2016, estão programados outros dois workshops, voltados para capacitação jurídica e contábil.

As ações sociais do Polo Automotivo Jeep tiveram início ainda nas etapas de construção civil e na instalação de equipamentos e contaram com a participação de empresas prestadoras de serviços. Dentre as iniciativas empreendidas, destacam-se a construção de uma Casa de Passagem em Goiana, com capacidade para acolher até 40 crianças em situação de vulnerabilidade social. E a reforma completa da creche Projecarmo, que hoje atende outras 60 crianças na comunidade da Empoeira, também em Goiana.

Alguns números do Polo Automotivo Jeep:

:: 2,8 mil profissionais Jeep;

:: 4,3 mil no Parque de Fornecedores;

:: 8 mil trabalhadores em todo o Polo (incluindo funcionários das empresas prestadoras de serviço);

:: 84 mil veículos produzidos entre fevereiro de 2015 e a primeira quinzena de abril de 2016;

:: 45 carros por hora;

:: 80% de conteúdo nacional, sendo 40% das empresas que compõem o Parque de Fornecedores;

:: 700 robôs;

:: 28 anos é a média de idade dos gestores e líderes da fábrica Jeep;

:: 250 mil veículos é a capacidade anual de produção do Polo Automotivo Jeep;

:: 15 mil melhores práticas do Grupo FCA foram reunidas no Polo;

:: 260 mil metros quadrados de área construída na planta Jeep;

:: 270 mil metros quadrados de área construída no Parque de Fornecedores.

Fonte: FCA PRESS

Comente aqui


Jeep® Renegade faz um ano de mercado e ganha duas novas cores

No mês em que completa 12 meses de seu lançamento comercial no Brasil, o Jeep® Renegade recebeu mais duas opções para a cor da carroceria. Ambas metálicas, as novidades são o Cinza Antique e o Vermelho Tribal (de tonalidade vinho), que podem ser apreciadas no site monteseucarro.jeep.com.br

Elas se somam às pinturas sólidas Branco Ambiente, Verde Commando e Vermelho Colorado e aos outros tons metalizados Prata Melfi e Preto Carbon. Contando ainda com o Laranja Aurora, exclusividade da versão Trailhawk, e com o Preto Shadow (só para as configurações 1.8 e 1.8 Automático – esta para Pessoas com Deficiência), ao todo são nove cores para o consumidor escolher.

Além disso, as versões Sport (Flex e Diesel) do Renegade passaram a oferecer as barras longitudinais de teto na lista de opcionais. Antes, as peças eram compradas como acessórios. Vale dizer que essas barras estão entre os equipamentos de série a partir da configuração Longitude.

“Essa variedade de cores, aliada à autenticidade do desenho do Renegade e ao fato de ele não derivar de nenhum carro de passeio, reforça a sensação de ‘invasão’ do nosso SUV compacto nas ruas brasileiras”, afirma o Diretor de Brand Jeep, Rogério Villaça.

Balanço anual

Após um ano de mercado, o Jeep Renegade já acumula 55 mil unidades vendidas no país, distribuídas por uma rede de 194 concessionárias no território nacional. Tal desempenho colocou a Jeep na nona posição do ranking de marcas de automóveis e comerciais leves no primeiro trimestre deste ano, com 2,91% de participação de mercado.

Fonte: FCA PRESS

Comente aqui


Jeep lança comerciais com o Renegade do Batman

jeep-batman-v-superman-1

O grupo FCA e a Warner Bros. Pictures se uniram em uma parceria global para marcar a estreia de Batman vs Superman: A Origem da Justiça. No aguardado filme, que chega aos cinemas brasileiros em 24 de março, o Jeep® Renegade é o carro oficial da polícia de Metrópolis.

E para reforçar sua participação no duelo dos maiores super-heróis dos quadrinhos, a Jeep lançou dois filmes exclusivos, adaptados pela agência Leo Burnett Tailor Made.

Um deles apresenta recursos e características do Renegade ilustradas por momentos de ação entre os alter egos dos personagens Bruce Wayne e Clark Kent. Já o outro mostra o SUV compacto da Jeep enfrentando vários desafios na caótica Metrópolis, fazendo uma analogia com as cidades grandes brasileiras. Os filmes estão sendo exibidos em cinemas, TV paga e também na internet (links abaixo).

Nos Estados Unidos e na Europa, a parceria da FCA com a Warner Bros. gerou inclusive o Jeep Renegade Dawn of Justice, uma série especial – já à venda – do modelo com referência ao nome do filme em inglês. Os detalhes e as fotos do carro estão aqui: http://www.fcapress.com.br/pt/jeep/verRelease/1755.do

Vídeos:

https://www.youtube.com/watch?v=nKEvsStUsLM

https://www.youtube.com/watch?v=uAWD0CsZ_X4

Fonte: FCA PRESS

Comente aqui


Jeep e Mopar revelam sete conceitos construídos para o 50º Annual Easter Jeep Safari


Recheados de itens da linha Jeep Performance Parts, da Mopar, além de inúmeras eficientes e curiosas ideias, sete novos veículos conceituais da Jeep® vão conquistar as famosas e desafiadoras trilhas de Moab, no estado norte-americano de Utah, no Easter Jeep Safari, entre 19 e 27 de março.

Milhares de entusiastas do off-road são esperados no evento para celebrar o que será provavelmente o maior Jeep Safari da história, já que o 50º evento anual coincide com o 75º aniversário da marca Jeep. “Todo ano, a equipe da Jeep procura forçar os limites com veículos conceituais novos, excitantes e capazes para nossos entusiastas mais fiéis na Easter Jeep Safari em Moab, onde nós recebemos uma quantidade enorme de valiosos feedbacks,” disse Mike Manley, presidente mundial da marca Jeep.

A safra de conceitos do Easter Jeep Safari 2016 utiliza itens de produção – e alguns equipamentos experimentais – da linha Jeep Performance Parts. A marca Mopar é responsável pelo desenvolvimento e construção dessas peças, sempre com a garantia de que atendam às rigorosas especificações e capacidade 4×4. O objetivo é permitir que os proprietários de Jeep melhorem ainda mais seus veículos originais.

“Os sete veículos foram modificados com peças de desempenho da Mopar e da Jeep para encarar as trilhas mais difíceis, indo muito além de onde termina a estrada”, disse Pietro Gorlier, presidente mundial da Mopar. Os conceitos construídos para Moab este ano foram criados por uma equipe de dedicados e apaixonados engenheiros, designers e fornecedores. Desde 2012, já foram criados mais de 50 veículos conceituais para os entusiastas que frequentam a Easter Jeep Safari.

Os veículos conceituais da Easter Jeep Safari de 2016 são:

  • Jeep Chew Chief 715: uma saudação aos lendários veículos de serviço militar da Jeep, em especial o Kaiser M715. A base é do Wrangler Unlimited, o modelo de quatro portas do off-roader mais capaz do mundo. Os pneus de 40 polegadas têm o mesmo desenho da banda de rodagem do pioneiro Willys MB e o painel ganhou uma bússola de navegação.
  • Jeep Shortcut: o clássico CJ-5, o Jeep produzido no Brasil entre 1957 e 1982, foi a inspiração para este “mini-Wrangler”, para lidar com trilhas apertadas e sinuosas. O comprimento é 30 cm menor que o do Wrangler atual e os eixos são Dana 44.
  • Jeep Renegade Commander: ele representa como seria o Renegade ainda mais fora de estrada do que a versão Trailhawk. Alguns dos pontos altos são o kit de elevação de suspensão de 5 cm e os pneus de 29.5 polegadas.
  • Jeep Comanche: picape feita a partir do Renegade para ser um off-road com mais versatilidade graças à caçamba, que exigiu o alongamento de 15 cm da distância entre eixos. O motor é MultiJet II 2.0 turbodiesel, o mesmo oferecido no Brasil e na Europa.
  • Jeep FC 150: rica em história e capaz de enfrentar qualquer terreno, trata-se de uma carroceria original da picape feita de 1956 a 1965 (então baseada no CJ-5), mas sobre o chassi de um Wrangler 2005. Os pneus são de 33 polegadas.
  • Jeep Trailcat: um off-road com o motor Hellcat V8 de 717 cv capaz de “rastejar” sobre pedras ou andar em alta velocidade. Para lidar com tanta força, o chassi do Wrangler foi esticado em 30 cm. De fibra de carbono, os bancos são do Dodge Viper.
  • Jeep Trailstorm: é um Wrangler Unlimited ainda mais preparado para as trilhas, com as suspensões elevadas em 5 cm, pneus de 37 polegadas, eixos Dana 44 e amortecedores Fox do catálogo da Jeep Performance Parts.

Easter Jeep Safari

O Easter Jeep Safari consiste em passeios de fora de estrada, muitos com duração de um dia inteiro, na época da Páscoa, na região de Moab, no estado de Utah (EUA). O Jeep Safari foi iniciado em 1967 pela Câmara de Comércio de Moab como uma trilha de um dia. Ao longo dos anos, com o crescimento da participação, o Safari se expandiu até chegar ao formato atual de nove dias.

Fonte: FCA PRESS

Comente aqui


Jeep exibe edição especial Renegade Dawn of Justice no Salão de Genebra

 

A edição especial Jeep Renegade Dawn of Justice é a principal atração da marca no 86º Salão do Automóvel de Genebra, na Suíça. O evento abre as portas ao público entre os dias 3 e 13 de março. A série especial homenageia a estreia, este mês, do SUV compacto no filme Batman vs Superman: Dawn of Justice.

Com base na versão Longitude, a edição especial apresenta visual ainda mais arrojado, com uma chamativa pintura Granite Crystal, de tom chumbo escuro. Detalhes em preto polido dão um toque de esportividade nas rodas de liga leve (de 18 polegadas), no contorno da luz de neblina, no conjunto de luzes traseiras, na grade e no emblema da Jeep. Sob o capô, o motor é um 1.6 MultiJet II diesel, de 120 cv de potência, acoplado a uma transmissão automática de seis marchas.

A edição especial Jeep Renegade Dawn of Justice, fruto de uma parceria da FCA – Fiat Chrysler Automobiles com a Warner Bros. Studios, estará disponível nas lojas europeias a partir deste mês.

75 anos da marca Jeep

O estande da Jeep traz, além dos modelos atuais, uma celebração aos 75 anos de trajetória da marca norte-americana. A história da Jeep é repleta de modelos lendários, e três deles foram escolhidos para brilhar sob os holofotes no Salão de Genebra: o pioneiro Willys-Overland MB, de 1941, uma Willys Wagon 1946 e um Jeep Wagoneer 1963. Além disso, toda a gama atual traz edições comemorativas do 75º aniversário, com pinturas especiais, emblema comemorativo e interiores e equipamentos exclusivos.

Fonte: FCA Press

Comente aqui


Marca Jeep é lançada na Índia

Jeep Wrangler Unlimited, Jeep Grand Cherokee e Grande Cherokee SRT estreiam no Salão do Automóvel de Nova Délhi

As vendas no segundo país mais populoso do planeta vão começar no meio do ano

Introdução vem logo após quarto recorde mundial de vendas seguido, reforçando a expansão global da Jeep

A crescente presença internacional da Jeep marcou uma nova etapa hoje, quando a marca foi lançada na Índia, no Salão do Automóvel de Nova Délhi. Com uma linha de três SUVs – Jeep Wrangler Unlimited, Jeep Grand Cherokee e o modelo de alto desempenho Jeep Grand Cherokee SRT –, as vendas vão começar em meados de 2016, ano em que se celebra o aniversário de 75 anos da marca.

“Nossa expansão agressiva nos mercados internacionais é uma das principais razões para nosso atual impulso de vendas global”, disse Mike Manley, presidente mundial da marca Jeep. “No ano passado, começamos a produção local no Brasil e na China, e hoje estamos lançando a marca Jeep no quinto maior mercado do mundo, a Índia, estabelecendo a base para nosso futuro crescimento nesse país”.

A Jeep chega à Índia em um momento de recordes de venda e expansão contínua em mercados fora do seu lar norte-americano. A marca registrou venda de mais de 1,2 milhão de unidades em todo o mundo em 2015 – maior em seus 75 anos de história – estabelecendo um recorde global pelo quarto ano consecutivo.

Além disso, para aprofundar as raízes na Índia, a Fiat Chrysler Automobiles (FCA) anunciou no ano passado sua intenção de investir aproximadamente US$ 280 milhões na joint venture da FCA India Automobiles Private Limited com a Tata Motors Limited. O investimento na instalação da fábrica em Ranjangaon vai apoiar a produção de um novo veículo Jeep, prevista para ser iniciada em 2017.

“A Jeep tem sido uma das marcas de SUV mais aguardadas na Índia e está entrando nesse mercado importante no mesmo ano em que celebra o seu 75º aniversário. O segmento de SUVs testemunha um crescimento robusto de 22% nos últimos cinco anos na Índia, e esperamos que ele cresça exponencialmente no futuro, criando um ambiente perfeito para a lendária marca Jeep”, disse Kevin Flynn, presidente da FCA India.

Os Jeep Wrangler Unlimited e Grand Cherokee serão vendidos com motores a diesel e a gasolina através de uma rede de concessionárias localizadas nos principais centros metropolitanos.

Sobre a marca Jeep

A Jeep é a marca verdadeiramente global do grupo FCA – Fiat Chrysler Automobiles e agora está mais presente do que nunca no Brasil, com o Polo Automotivo Jeep, em Goiana, Pernambuco. É essa moderníssima fábrica que produz para toda a América do Sul o Jeep Renegade, a nova referência em SUVs compactos. Baseada em uma herança lendária de 75 anos, a Jeep produz autênticos SUVs, que reúnem capacidade off-road, qualidade de fabricação e versatilidade líderes de seus segmentos, para pessoas que buscam jornadas extraordinárias. A marca Jeep é um convite aberto para viver a vida ao máximo, oferecendo uma linha completa de veículos que continuam a proporcionar a seus proprietários segurança para enfrentar qualquer viagem com plena confiança.

Fonte: FCA Press

Comente aqui


Jeep Renegade ganha nova versão de entrada

imagem

Muito bem equipada, opção mais em conta do modelo que está reinventando o segmento dos SUVs compactos tem controle de estabilidade, auxílio de partida em rampa, freios a disco e suspensão independente nas quatro rodas entre os itens de série

São Paulo, 4 de agosto de 2015 – A Jeep amplia a linha do Renegade com o lançamento de uma nova versão de base, 1.8 Flex, abaixo da Sport e disponível apenas com câmbio manual de cinco marchas. Essa opção reforça a relação custo-benefício ao manter o ótimo nível de equipamentos característico do Renegade, o primeiro veículo nacional a obter cinco estrelas para proteção de adultos e crianças nos testes do programa independente Latin NCAP. A nova configuração de entrada tem preço sugerido de R$ 68.900 e conta com ar-condicionado, direção elétrica, rádio com Bluetooth, porta USB e entrada auxiliar, freio de estacionamento eletrônico e vidros, travas e retrovisores elétricos entre os itens de série.

Além disso, o Jeep Renegade 1.8 Flex também tem controle eletrônico de estabilidade (ESC), auxílio de partida em rampa (HSA), freios a disco e suspensão independente nas quatro rodas, que atestam a modernidade e a sofisticação do projeto. Com tudo isso, o Renegade oferece o melhor compromisso entre estabilidade e conforto de rodagem sobre qualquer terreno, inclusive no asfalto castigado das cidades brasileiras. Outro destaque é a espaçosa e bem acabada cabine, premiada pela agência WardsAuto, dos Estados Unidos, como uma das 10 melhores de 2015.

Confira abaixo os preços da gama completa do Jeep Renegade*:

1.8 Flex MT5 – R$ 68.900

Sport 1.8 Flex MT5 – R$ 71.900

Sport 1.8 Flex AT6 – R$ 76.900

Longitude 1.8 Flex AT6 – R$ 82.900

Sport 2.0 Diesel AT9 4×4 – R$ 99.900

Longitude 2.0 Diesel AT9 4×4 – R$ 109.900

Trailhawk 2.0 Diesel AT9 4×4 – R$ 119.900

* Valores com frete

Sobre a marca Jeep

A Jeep é a marca verdadeiramente global do grupo FCA – Fiat Chrysler Automobiles e agora está mais presente do que nunca no Brasil, com o recém-inaugurado Polo Automotivo Jeep, em Goiana, Pernambuco. É essa moderníssima fábrica que produz para toda a América do Sul o Jeep Renegade, a nova referência em SUVs compactos.

Baseada em uma herança lendária de mais de 70 anos, a Jeep produz autênticos SUVs, que reúnem capacidade off-road, qualidade de fabricação e versatilidade líderes de seus segmentos, para pessoas que buscam jornadas extraordinárias. A marca Jeep é um convite aberto para viver a vida ao máximo, oferecendo uma linha completa de veículos que continuam a proporcionar a seus proprietários segurança para enfrentar qualquer viagem com plena confiança.

Fonte: FCA Press

Comente aqui