Rally dos Sertões



Após o título no Rally dos Sertões, Fontoura e Minae encaram, neste sábado, a Mitsubishi Cup

Bicampeã na Super Production na maior prova off-road do Brasil, equipe FD Rally disputa em Indaiatuba (SP), a quinta etapa do campeonato, onde ocupa a vice-liderança da L200 Triton ER

12 de setembro de 2014 – A dupla Glauber Fontoura e Minae Miyauti retornou da 22ª edição do Rally dos Sertões com o título de Campeã da categoria Super Production, repetindo o feito do ano passado. A Equipe FD Rally Team liderou do Prólogo até a sétima e última etapa (23 a 30/8) e cruzou a rampa de chegada, comemorando o bicampeonato na categoria, a bordo uma Mitsubishi L200 Triton ERS. Missão cumprida e, agora, a dupla volta a acelerar na Mitsubishi Cup, neste sábado, 13, em Indaiatuba, no interior de São Paulo.

Antes da vitória no Rally dos Sertões, em julho, Fontoura e Minae venceram a última etapa do campeonato monomarca de rali de velocidade cross country, em Pirassununga (SP), e passaram a ocupar a vice-liderança na categoria L200 Triton ER. A disputa promete ser acirrada neste fim de semana e a dupla está preparada para brigar novamente pelo pódio nesta quinta etapa.

“É muito bom retornar a Cup depois de conquistar o título no Sertões. Foi sensacional vencer pelo segundo ano consecutivo na Super Production. Estamos muito felizes com o resultado e o empenho da equipe Mitsubishi Ralliart”, ressalta Fontoura, que completou 12 participações na competição, sendo os dois últimos anos como piloto, um desafio que se propôs a fazer, após uma década na navegação.

A navegadora também comemora a fase de bons resultados e enfatiza que o aprendizado no ano passado foi essencial para mais esta conquista. “Amadurecemos a nossa comunicação, temos mais confiança um no outro, e isso, certamente beneficiou nosso resultado também. O primeiro ano na Cup foi muito importante para minha evolução como navegadora”, explica Minae que apesar de anos de off-road, estreou no Rally Cross Country em 2013, ao lado do amigo Fontoura.

Nesta quinta etapa, a dupla terá de usar novamente o restritor de velocidade, porque conforme o novo regulamento do campeonato, as três melhores duplas de cada etapa são obrigadas a correr com o restritor na etapa seguinte. “Faltam três etapas para o final do campeonato e estamos focados para buscar mais um bom resultado, não podemos vacilar porque a competitividade é grande”, diz Fontoura. “Muita coisa pode acontecer por isto não podemos aliviar é pé no porão para ganharmos mais alguns pontos e chegar no Feltre”, completa Minae, se referindo ao líder da categoria.

O palco será a fazenda Pimenta, onde as duplas vão encarar três provas de 34 quilômetros, em meio a plantações de cana-de-açúcar, muita poeira e velocidade. Participam da 15ª edição da Mitsubishi Cup cinco categorias: Pajero TR4 R, Pajero TR4 ER, Pajero TR4 ER Master, L200 Triton ER e L200 Triton RS.

Para acompanhar as notícias da dupla Glauber Fontoura e Minae Miyauti no Facebook: http://migre.me/iWCqX. A Equipe FD Rally Team conta com patrocínio da Fontoura Dias Stands

A FD Rally Team, equipe da região de Alphaville (SP), conta com patrocínio da Fontoura Dias Stands.

Programação da 5ª Etapa da Mitsubishi Cup – Indaiatuba (SP)
13 de setembro – sábado

8h30 – Largada da primeira prova
11h – Largada prevista da segunda prova
13h30 – Largada prevista da terceira prova
17h – Início previsto da premiação da etapa
Local: Fazenda Pimenta – Antiga Av Um – Bairro Pimenta – Indaiatuba / SP. Acesso 30m antes da portaria do condomínio “Vale das Laranjeiras”

Resultado Mitsubishi Cup – Classificação Categoria L200 Triton ER
1) Ricardo Feltre/Andre Lucas Munhoz – 279 Pontos
2) Glauber Fontoura/Minae Miyauti – 260 Pontos
3) Fabricio Bianchini/Caio Santos – 255 Pontos
4) Carlos Henrique Scheffer Junior/Rafael Malucelli – 253 Pontos
5) Cleber Rodrigues Rosa/João Victor Ribeiro – 193 Pontos

Fonte: Assessoria de Imprensa – Equipe FD Rally Team
Contatos com Mércia Suzuki

Fotos: Victor Eleuterio/Webventure, Sanderson Pereira/Photo-S, Angelo Savastano, Magnus Torquato/Webventure e Jonne Roriz/Webventure

Comente aqui


Parceria de sucesso: Edu Piano e Solon Mendes os hexacampeões, nos Caminhões, do Rally dos Sertões

 

Com trajetórias diferentes no off-road, Piano é um dos recordistas de títulos nos Caminhões, enquanto Mendes é o cearense com mais títulos na prova

São Paulo, 11 de setembro de 2014 – Desde que o piloto Edu Piano e o navegador Solon Mendes formaram dupla há sete anos subiram ao pódio em todas as edições, entre 2007 e 2014, na principal prova off-road do Brasil. A parceria entre o paulista e o cearense, na Equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport, deu tão certo que foram campeões do Rally dos Sertões, em seis edições, sendo o mais recente título conquistado há 12 dias. Piano é heptacampeão porque, antes de faturar os seis títulos nos Caminhões foi campeão na Geral dos Carros em 2005, já Mendes, com seis vitórias, é de longe o cearense com mais títulos na competição.
Após liderar a 22ª edição da competição, de ponta a ponta, e vencer com mais de 1h1min de vantagem no acumulado, o trio Edu Piano, Solon Mendes e Carlos Sales cruzou a rampa de chegada, em Belo Horizonte (MG), com mais um troféu nas mãos A prova aconteceu de 23 a 30 de agosto, entre os estados de Goiás e Minas Gerais, e teve aproximadamente 2.600 quilômetros de percurso, disputado em sete etapas. O gosto da vitória ainda é comemorado na sede da equipe, em Tatuí, interior paulista, porque o oitavo título consecutivo da equipe oficial da Ford Caminhões na competição veio com um sabor diferente. Os campeões da categoria Caminhões só tiveram a confirmação que iriam disputar a prova dias antes da largada, devido à dificuldade em captar patrocínio que atingiu a equipe nesta temporada.
“Terminamos o rali com o dever cumprido mas conquistamos este título mesmo foi na raça e pela paixão que temos pelo rali! Fomos com uma equipe reduzidíssima com apenas seis pessoas e não tínhamos nem peças de reposição. Para se ter uma ideia, o caminhão terminou com oito amortecedores estourados, talvez se fossem dez dias, correríamos o risco de perder esse título”, confidencia Piano, veterano na prova com 19 participações consecutivas.
Com uma trajetória de 16 participações na competição, dos quais nove dedicados à Equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport, o experiente navegador reúne seis troféus de campeão nos Caminhões. “Estou feliz por fazer parte deste time e poder cruzar a linha de chegada mais uma vez em primeiro lugar. Este ano foi o mais difícil para a equipe, mas isto só serviu de estímulo, pois foram as dificuldades que nos deram forças para mais esta vitória. Como bom cearense o humor superou qualquer obstáculo”, afirma Mendes. “Mas nada disso seria possível se não fosse a permissão de Deus. Quero agradecer à equipe e nossas famílias que sempre estiveram ao nosso lado mesmo nas horas ruins”, completa.
“Edu e eu temos um entrosamento muito forte, nos entendemos muito bem um ao outro e isto é importante para a conquista de bons resultados”, diz o navegador. Piano não poupa elogios: “A parceria com Solon é sensacional. Ele é uma pessoa amiga, do bem, divertido e, principalmente, comprometido com o que faz.”
Ao invés de dez etapas, a edição 2014 teve sete, sendo que os três primeiros dias somaram pontos para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country. Como a equipe venceu as etapas obteve uma pontuação considerável e, agora, avalia possibilidade de competir mais algumas provas. “Estamos avaliando se vamos disputar outras provas do calendário até o final da temporada, mas certamente vontade e garra, depois de mais este título, não faltam à equipe”, finaliza Piano.
Para conhecer como foi o dia-a-dia da equipe durante a 22ª edição do Rally dos Sertões acessem o site www.territoriomotorsport.com.br/rally ou a página da equipe no Facebook http://migre.me/l4b7p
A equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport, que tem sede em Tatuí, no interior de São Paulo, tem parceria com: Ford Caminhões, Cummins, Garrett, Tortuga, Termicom, Truckvan, SuperCooler, Platodiesel, Fix, Território 4×4 Comercial e Casa Domingues de Pianos.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Ford Racing Trucks/Território Motorsport

Mércia Suzuki

Fotos: Marcelo Machado/Webventure e Divulgação

 

 

Comente aqui


Após vitória no Rally dos Sertões, Edu Piano visita fábrica da Cummins Brasil


Piloto da Ford Racing Trucks/Território Motorsport apresentou o caminhão e distribuiu autógrafos aos funcionários, além de conhecer a linha de produção

São Paulo, 9 de setembro de 2014 – Após a conquista do título da 22ª edição do Rally dos Sertões, na categoria Caminhões, o heptacampeão Edu Piano, piloto da Ford Racing Trucks/Território Motorsport, participou na última sexta-feira, 5, de uma ação com os funcionários da Cummins Brasil, em Guarulhos (SP), e também visitou a linha de produção do parceiro da equipe.
Além de apresentar o F4000 Território 4×4, equipado com motor Cummins, Piano distribuiu autógrafos e adesivos com fotos do caminhão e aprovou a oportunidade de poder interagir com os funcionários. “É sempre muito gratificante ter contato com as pessoas que trabalham na linha de montagem dos produtos que equipam o caminhão. Na maioria das vezes, nunca tiveram contato com um veículo de competição e ficam extasiados em poder tocar, entrar no caminhão e, principalmente, conhecer neste caso, o motor que fez a diferença também para nossa vitória”, explica Piano, que conquistou seu sétimo título na maior competição off-road do Brasil e completou 19 participações consecutivas.
Durante a visita,o piloto ainda conheceu ISF 2.8 que está equipando os novos caminhões da Série F, da Ford Caminhões, lançados em agosto. “Foi interessante conhecer a planta e a linha de produção de motores. Espero que no ano que vem o nosso caminhão possa utilizar toda essa tecnologia do novo motor que certamente será tão confiável e até mais rápido do que usamos atualmente”, elogia. “Aproveito para agradecer a parceira da Cummins em mais um Sertões e aos funcionários e a diretoria que me receberam tão bem na sede da empresa”, finaliza Piano.
Na semana passada, Piano, o navegador Solon Mendes e do co-piloto/mecânico Carlos Sales faturaram o título de Campeões da categoria Caminhões, após liderarem de ponta a ponta a competição, que aconteceu entre os dias 23 e 30 de agosto, entre os estados de Goiás e Minas Gerais. Este foi o oitavo título consecutivo da equipe oficial da Ford Caminhões e o sétimo de Piano no Rally dos Sertões.
Para conhecer como foi o dia-a-dia da equipe durante a 22ª edição do Rally dos Sertões acessem o site www.territoriomotorsport.com.br/rally ou a página da equipe no Facebook http://migre.me/l4b7p
A equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport, que tem sede em Tatuí, no interior de São Paulo, tem parceria com: Ford Caminhões, Cummins, Garrett, Tortuga, Termicom, Truckvan, SuperCooler, Platodiesel, Fix, Território 4×4 Comercial e Casa Domingues de Pianos.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Ford Racing Trucks/Território Motorsport

Mércia Suzuki

Fotos: Cummins Brasil, Ricardo Leizer/Webventure e Divulgação

 

Comente aqui


Rodrigo e Michel Terpins fazem balanço positivo da participação da equipe no Rally dos Sertões

Após o bom resultado na competição, duplas da Bull Sertões Rally Team podem disputar outras provas até o final da temporada
São Paulo, 9 de setembro de 2014 – Passada uma semana do final da 22ª edição do Rally dos Sertões, a rotina dos competidores volta ao normal, mas as lembranças e histórias vivenciadas durante a disputa continuam presentes, ainda mais para aqueles que subiram ao pódio. A equipe paulista Bull Sertões Rally dos Sertões fechou a participação com êxito na categoria Protótipos T1. A dupla Rodrigo Terpins e Fabrício Bianchini finalizou em terceiro lugar e faturou a oitava classificação na Geral, enquanto Michel Terpins e Sven von Borries ficaram em quatro, e em 13º na Geral. A dobradinha no pódio da categoria rendeu muitas emoções e a certeza de que terminaram a maior prova off-road do Brasil, com dever cumprido.

A edição 2014 veio com novidades. O rali foi mais curto em relação aos anos anteriores e percorreu apenas dois estados, Goiás e Minas Gerais. Foram mais de 2.600 quilômetros de percurso percorridos e sete cidades-sede, com largada em Goiânia e chegada, pela primeira vez, em Belo Horizonte e aconteceu entre 23 e 30 de agosto. A prova contou com cerca de 200 competidores das categorias Carros, Motos, Quadriciclos, Caminhões e UTV´s.

Entre as várias participações na competição, os resultados obtidos neste ano foram os melhores alcançados, até agora, pelos irmãos Rodrigo (41 anos) e Michel (37 anos) Terpins na categoria Carros, que pilotaram pela primeira vez o T-Rex, desenvolvido pela equipe MEM.

“Nosso resultado superou as minhas expectativas foi muito bom. A parceria com o Fabrício foi ótima e tivemos um carro bem competitivo, sem falar da equipe que fez um trabalho exemplar”, ressalta Rodrigo, piloto do carro #326, que teve como navegador Bianchini, estreante na categoria Carros, porém com 11 participações anteriores nas Motos no currículo.

Rodrigo também aprovou a nova configuração da prova: “Não foi uma das edições mais difíceis, mas achei um Sertões mais prazeroso e gostei muito do roteiro. Com o rali mais curto foi mais fácil de conciliar com nossa vida e compromissos profissionais.”

Já a dupla do carro #322, Michel e Borries, superou um capotamento logo no primeira etapa, que custou uma penalização de 1 hora por não completar a Especial (trecho cronometrado). Mas a partir da segunda etapa mostrou garra e determinação ao fazer uma corrida de recuperação a cada dia, até chegar ao quarto lugar no pódio. Com trajetórias diferentes na competição – Michel já se aventurou na categoria Motos e Borries foi campeão na Geral, aos 14 anos em 1995, quando navegou pela primeira vez para o pai – piloto e navegador completaram o quarto ano da dupla.

“Sven e eu estivemos sempre focados e concentrados no que tínhamos para fazer a cada dia. No final a equipe foi muito bem, com os dois carros no pódio da Protótipos T1”, afirma Michel que elogia também o trabalho dos mecânicos. “Grande parte deste mérito também fica com a equipe mecânica, que construiu um T-Rex praticamente às vésperas do rali, que ficou espetacular e não teve nenhum problema sério durante a prova”, completa.

Após os resultados promissores obtidos no Rally dos Sertões a equipe se anima. “Ainda não planejamos nada em definitivo, mas provavelmente faremos mais alguma prova até o final da temporada”, finaliza Michel se referindo as etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country e ao Sertões Series.

Mais informações sobre a participação da equipe Bull Sertões Rally Team durante o rali acesse também a página no Facebook: http://migre.me/l0mjN

A equipe Bull Sertões Rally Team conta com patrocínio da Bull Sertões, 100% Eventos, Xarla e apoio da equipe MEM.

Patrocínio

Fonte: Assessoria de Imprensa – Equipe Bull Sertões Rally Team
Mércia Suzuki

Fotos: Marcelo Machado/Webventure, Vinícius Branca/Webventure, Magnus Torquato/Webventure e Victor Eleutério/Webventure

Comente aqui


Can-Am é destaque nas disputas e nos bastidores do Rally dos Sertões

Tânia Mara, do projeto Ideia Fixa, conta com o patrocínio da Can-Am para realizar ações sociais Crédito: Divulgação/Ideia Fixa

Tânia Mara, do projeto Ideia Fixa, conta com o patrocínio da Can-Am para realizar ações sociais
Crédito: Divulgação/Ideia Fixa

São Paulo (SP) – O Rally dos Sertões 2014, o desafio mais duro do calendário nacional off-road, destacou a Can-Am dentro e fora das trilhas. Além de vencer a categoria para UTVs com o Can-Am Maverick de Vinícius Mota e Rafael Shimuk, a marca canadense faturou o título da categoria QDA dos quadriciclos com o Can-Am Renegade de Gabriel Varela, terceiro mais rápido da classificação geral. O balanço ficou ainda mais positivo com os resultados das ações sociais realizadas paralelamente ao evento pela equipe do projeto Ideia Fixa, patrocinado pela Can-Am, que beneficiou diretamente mil crianças e adultos carentes.
A 22ª edição do Rally dos Sertões teve fim no último sábado, em Belo Horizonte (MG), após mais de 2.500 quilômetros desafios, sendo que a largada foi uma semana antes, no dia 23 de agosto, em Goiânia (GO). A Can-Am comprovou a qualidade de seus produtos na competição e ainda reforçou a preocupação com o aspecto social – motivos de sobra para muita comemoração. “O balanço é muito positivo em todos os sentidos, conquistamos resultados consistentes e importantes para a marca”, comentou Adilson Greco Gaspar, do marketing da Can-Am no Brasil.
Na equilibrada disputa dos UTVs, o Can-Am Maverick assegurou o segundo título consecutivo do Rally dos Sertões. A categoria foi criada em 2012 e Carlo Collet e o navegador Marcos Lara foram os campeões no ano passado, a bordo do veículo. “Pudemos conferir um número maior de pilotos que competiram com o Maverick, comparado ao ano passado. As disputas foram de alto nível esportivo e as mudanças na classificação ocorreram a cada dia. Outro ponto muito positivo, que valorizou ainda mais a conquista, foi que tivemos a vitória de Vinícius Mota e Rafael Shimuk, ambos estreantes no Sertões, e com um Maverick praticamente original – mesmo diante de tantos competidores experientes e consagrados na categoria”, lembrou.
O percurso da prova foi um desafio extremo de resistência para os veículos e participantes, com grande variedade de terrenos. Houve passagens por montanhas, travessias de rios, lombas, mata-burros e muita pedra, além de trechos de altas velocidades e outros completamente travados. “A prova é extenuante para os participantes e seus veículos, porém podemos dizer que os problemas técnicos da Can-Am foram mínimos e a maioria dos casos em que não tivemos uma boa classificação foi por causa externa. Mesmo com as alterações necessárias para a prova, com peso adicional e mais tempo em uso, os Maverick geralmente lideraram a classificação a cada dia de Sertões”, explicou Gaspar, ressaltando que as disputas ainda somaram pontos para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country.
Ações que fazem diferença – A Can-Am também saiu vitoriosa por meio das ações sociais desenvolvidas pelo Ideia Fixa em cidades que fizeram parte do roteiro da prova. O projeto beneficiou durante o 22º Rally dos Sertões cerca de mil adultos e crianças por meio de doações. A iniciativa teve início em Pirenópolis (GO), no PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil), e passou ainda por Paracatu (MG), na Escola Municipal Professora Ada Santana Ribeiro, pela escola da zona rural de São Francisco (MG) e pelo Distrito do Guinda, em Diamantina (MG).
As doações incluíram itens como kits de beleza e higiene pessoal, produtos de higiene bucal, folhas de atividades, livros infantis e jogos de coletes, apitos e bolas para montagem de times do projeto “Dando Bola Pro Sertão”, além de chocolates, quebra-cabeças e revistas. “Aprendi mais uma vez que fazendo pequenos gestos de solidariedade podemos juntos acreditar sim em dias melhores, em pessoas melhores. E unidos construir um mundo melhor, uma vida mais digna, mais humana, ou pelo menos mais alegre”, comentou Tânia Mara Carvalho, presidente do Ideia Fixa, que ainda diverte a criançada na pele da Gata Táta.
Adilson Greco Gaspar ressaltou a satisfação pela Can-Am fazer parte do projeto. “Temos a filosofia de apoiar iniciativas sociais e as ações sempre superam as nossas expectativas. Por mais que tenhamos ideia do impacto nas comunidades locais, a cada relato da Tânia Mara ficamos arrepiados e muito felizes em poder fazer parte dessas ações. Essa é uma condição indiscutível em nossas ações esportivas, seja em competições ou nos passeios para os proprietários de produtos BRP (o Can-Am Adventure Tours no fora-de-estrada; o Y-Ride com o roadster Spyder; e Jet Tours com as motos aquáticas Sea-Doo), nos quais os participantes fazem doações.”
Tânia Mara acrescentou: “Agradeço imensamente aos parceiros do projeto, por tudo que proporcionaram a todos os envolvidos nas ações e pela confiança em mim depositada para a realização do trabalho. O rali se faz da força e da união de pessoas e de diversos fatores, e podemos dizer hoje que somos vencedores de mais esta etapa.” Em 12 anos de atuação, o Ideia Fixa beneficiou em torno de 125 mil pessoas em 14 Estados, por meio de 193 toneladas de doações e cerca de 145 mil livros para alunos de diversas escolas.
Sobre a BRP – A Bombardier Recreational Products Inc (BRP) é uma empresa privada, líder mundial em projeto, desenvolvimento, fabricação, distribuição e marketing de veículos recreativos motorizados. Seu portfólio de marcas e produtos inclui: snowmobiles Ski-Doo e Lynx, motos aquáticas Sea Doo, motores de popa Evinrude, veículos ATV, Side-by-Side e roadsters Can-Am e também motores Rotax. Os produtos da BRP são distribuídos em mais de 100 países.
www.brp.com
Sea-Doo, Ski-Doo, Lynx, Evinrude, Can-Am, Rotax e o logotipo BRP são marcas comerciais da Bombardier Recreational Products Inc. ou de suas afiliadas. Todas as outras marcas comerciais pertencem a seus respectivos titulares.

Fonte: Ângela Monteiro

Mundo Press Jornalismo Estratégico

www.mundopress.com.br

 

Comente aqui


Luiz Facco e Humberto Ribeiro sobem ao pódio ao final do Rally dos Sertões

Equipe Acelera Siriema venceu o Prólogo e mais três etapas na categoria, chegou a ficar entre as cinco duplas mais velozes do rali na Geral e terminou em terceiro na Pró Brasil

1º de setembro de 2014 – Após completar um roteiro de sete etapas, com aproximadamente 2.600 quilômetros entre os estados de Goiás e Minas Gerais, a maior prova off-road do Brasil terminou no último sábado (30), em Belo Horizonte. Pela 11ª vez, a equipe paulista Acelera Siriema cruzou a rampa de chegada com o dever cumprido e Luiz Facco e Humberto Ribeiro subiram ao pódio ao final de mais um desafio. Desta vez, a dupla garantiu o terceiro lugar na Pró Brasil da 22ª edição do Rally dos Sertões.

A bordo da Mitsubishi L200 Triton SR a dupla abriu o rali vencendo o Prólogo – disputado em linha e em percurso de 10 quilômetros – e depois foi a mais rápida em três etapas, incluindo o dia da temida Maratona que não permite apoio mecânico. Chegou a se destacar entre os cinco duplas mais velozes na geral da categoria Carros, em meio as máquinas importadas da competição. Apesar do desempenho exemplar durante a competição, uma penalização logo na primeira etapa, devido a quebra de um sensor do motor, dificultou os atuais Campeões Brasileiros de Rally Cross Country da Pró Brasil de brigar pelo título do Sertões 2014. Facco e Ribeiro foram guerreiros e imprimiram um ritmo forte durante toda a competição, tanto que haviam vencido também a sétima e última etapa (seria o quinto dia de vitória), porém um acidente com um competidor mudou o resultado final – organização resolveu cancelar a parte da Especial, após o trecho deste acidente.

“O rali como um todo teve um contexto diferente das edições anteriores, além de mais curto, teve uma exigência menor de competidores e equipamentos. Mas foi uma prova legal e tivemos importantes vitórias como nas duas etapas que foram maratona e o terceiro lugar foi um excelente resultado, diante do incidente que tivemos no início e nos foi acrescido 2h30 no nosso tempo”, ressalta Facco, piloto bicampeão do Rally dos Sertões, em 2009 e 2010, na categoria Super Production.

Segundo o piloto, a avaliação da participação da equipe nesta edição foi positiva, pois mostrou também que o carro evoluiu muito no último ano e que a equipe está cada vez mais estruturada. “Nosso carro está bem competitivo tanto que terminamos posicionados entre os melhores carros brasileiros do grid. Temos uma equipe muito focada e competente e todo este trabalho está refletindo nas nossas conquistas”, explica.

Para Ribeiro, que é de Teresina (Piauí), e completa a segunda temporada na equipe todo o rali deixa um aprendizado. “Infelizmente esta penalização engoliu nossas chances de buscar o título, mas estabelecemos uma meta de sermos agressivos e tentar vencer as demais etapas e tirar parte deste tempo acrescido e, conseguimos, vencemos no final, quarto dias. A equipe é muito profissional e o saldo foi positivo, pois o carro está cada vez mais potente”, afirma o navegador.

Com o fim do Rally dos Sertões, cujas três primeiras etapas somaram pontos para o ranking nacional, a dupla volta a focar no Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country, onde é uma das ponteiras. Os vencedores da 22ª edição foi a dupla Guiga Spinelli/ Youssef Haddad, na categoria Carros, mas também participaram da competição as categorias Motos, Quadriciclos, UTV´s e Caminhões que totalizaram quase 200 competidores.

Conheçam também a página da equipe no Facebook:http://migre.me/jaI3x e também conheçam o novo site da equipe www.acelerasiriema.com.br

A Equipe Acelera Siriema, com sede na região de Alphaville (SP), conta com o patrocínio da Gonçalves S/A Indústria Gráfica, Yokohama e apoio da Fontoura Dias Stands e Acelera Siriema Rally.

Resultado da 7ª e última etapa do Rally dos Sertões
Resultado Categoria Pró Brasil (Três primeiros)

1 #356 JORLEY JR./MAYKEL JUSTO (MEM MOTORSPORT) 00h58min03s
2 #310 LUIZ FACCO/HUMBERTO PIAUÍ (ACELERA SIRIEMA) 00h59min21s
3 #304 ROBERTO CORREIA/FLAVIO FRANCA (PROMACCHINA RALLY) 01h04min07s

Carros – Geral (resultado dos 10 melhores da sétima etapa)
1 #308 REINALDO VARELA/GUSTAVO GUGELMIN (DIVINO FOGO RALLY TEAM) 00h52min49s
2 #316 CRISTIAN BAUMGART/BECO ANDREOTTI (X RALLY TEAM / NWM) 00h53min04s
3 #302 GUIGA SPINELLI/YOUSSEF HADDAD (MITSUBISHI PETROBRAS) 00h54min07s
4 #303 MARCOS BAUMGART/KLEBER CINCEA (X RALLY TEAM / NWM) 00h55min03s
5 #356 JORLEY JR./MAYKEL JUSTO (MEM MOTORSPORT) 00h58min03s
6#320 SYLVIO BARROS/EDUARDO BAMPI (MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 00h58min20s
7 #364 ROMEU FRANCIOSI/ROGERIO DE ALMEIDA (MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 00h58min26s
8 #310 LUIZ FACCO/HUMBERTO PIAUÍ (ACELERA SIRIEMA) 00h59min21s
9 #360 JOÃO FRANCIOSI/RAFAEL CAPOANI (MITSUBISHI PETROBRAS) 00h59min58s
10 #322 MICHEL TERPINS/SVEN VON BORRIES (MEM – BULL SERTOES) 01h01min17s

Resultado final Rally dos Sertões 2014 – Categoria Pró Brasil (Três primeiros)
1 #356 JORLEY JR./MAYKEL JUSTO (MEM MOTORSPORT) 18h54min09s
2 #304 ROBERTO CORREIA/FLAVIO FRANCA (PROMACCHINA RALLY) 20h30min32s
3 #310 LUIS FACCO/HUMBERTO PIAUI (ACELERA SIRIEMA) 21h24min40s

Fonte: Assessoria de Imprensa – Equipe Acelera Siriema
Mércia Suzuki

Fotos: Sanderson Pereira/Photo-S, Magnus Torquato/Webventure, DFotos e David Santos Jr/Webventure

Comente aqui


Rally dos Sertões: Quinta vitória consecutiva da Ford Racing Trucks/ Território Motorsport


Edu Piano/Solon Mendes/Carlos Sales são os mais rápidos na etapa Maratona e abrem mais de 1 hora de vantagem. Penúltima etapa será nesta sexta

28 de agosto de 2014A primeira parte da etapa Maratona, que não permite auxílio mecânico externo, disputada nesta quinta-feira entre São Francisco e Diamantina, em Minas Gerais, foi o dia mais long da 22ª edição do Rally dos Sertões com 645,44 quilômetros. Novamente Edu Piano, Solon Mendes e Carlos Sales da Equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport foram os mais rápidos entre os Caminhões e venceram a quinta etapa consecutiva. Invicto deste o Prólogo, o trio segue na liderança da categoria e amplia uma vantagem em mais de 1h11m do segundo colocado.
Mas a vitória desta vez deu um pouco mais de trabalho, pois tiveram de driblar uma Especial (trecho cronometrado) recheada de adversidades com vários tipos de piso, serra, trechos sinuosos com precipícios e barrancos, outros trechos rápidos, pedras, trial e estradas com eucaliptos. Além de driblar todos esses obstáculos, a equipe de Tatuí (SP) teve de poupar o equipamento, mas o valente F4000 Território 4×4 passou ileso pelo duro percurso e está pronto para largar para a penúltima etapa.
“Foi muito prazeroso de se pilotar, porque a Especial foi gostosa, completa e teve quebradeira do jeito que gostamos e, ainda, vários trechos de alta para acelerar” relata Piano, hexacampeão do Rally dos Sertões e um dos veteranos da prova com 19 participações consecutivas.
Há sete anos a dupla do paulista Piano e do cearense Mendes vem colecionando títulos, mas a experiência de ambos, aliada à tranquilidade e a paixão por off-road resultaram nesta parceria de sucesso. “Obviamente preferimos Especiais deste tipo, com muita quebradeira e longa porque quanto mais difícil, maior o prazer em transpor estes obstáculos e vencer. Andamos bem, mas na realidade o objetivo maior foi completar o dia e poupar o caminhão e tudo deu certo”, explica Mendes, que completou 16 participações na prova.
Piano ressalta que a manutenção preventiva da noite anterior foi primordial: “A equipe fez uma revisão minuciosa e foi trocada também a turbina, por uma nova que a Garrett nos enviou, o que melhorou muito o desempenho do caminhão e foi essencial para esta vitória.”
Nesta sexta-feira, a Especial será um “lanço”, com largada e chegada em Diamantina. O trecho total será de 204,29 quilômetros e uma Especial de 178 para os competidores encararem neste penúltimo dia de Rally dos Sertões, quando termina também a etapa Maratona. Sábado o rali termina em Belo Horizonte.
Mais informações no site www.territoriomotorsport.com.br/rally ou na página da equipe no Facebook http://migre.me/l4b7p
A equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport, que tem sede em Tatuí, no interior de São Paulo, tem parceria com: Ford Caminhões, Cummins, Garrett, Tortuga, Termicom, Truckvan, SuperCooler, Platodiesel, Fix, Território 4×4 Comercial e Casa Domingues de Pianos.
Resultado (extra-oficial) Caminhões – Etapa 5 – 28/7
1 #401 EDU PIANO/SOLON MENDES/CARLOS SALES (FORD RACING TRUCKS) 2h04min27s
2 #403 FELICIO BRAGANTE/EVANDRO BAUTZ/PACO CORDER (ASA ALUMÍNIO RALLY TEAM) 2h12min46s
3 #402 GUIDO SALVINI/FLAVIO BISI/FERNANDO CHWAIGERT (MOBIL DELVAC SALVINI RACING) 2h13min55s
Resultado (extra-oficial) Caminhões (após cinco etapas)
1 #401 EDU PIANO/SOLON MENDES/CARLOS SALES (FORD RACING TRUCKS) 10h35min29s
2 #403 FELICIO BRAGANTE/EVANDRO BAUTZ/PACO CORDER (ASA ALUMÍNIO RALLY TEAM) 11h46min00s
3 #402 GUIDO SALVINI/FLAVIO BISI/FERNANDO CHWAIGERT (MOBIL DELVAC SALVINI RACING) 13h38min05s
Programação da 22ª edição Rally dos Sertões:
29/08 – 6ª etapa – Diamantina (MG)/Diamantina (MG)
Deslocamento inicial: 0 km
Trecho especial: 178,87 km
Deslocamento final: 25,42 km
Total do dia: 204,29 km
30/08 – 7ª etapa – Diamantina (MG)/Belo Horizonte (MG)
Deslocamento inicial: 54,38 km
Trecho especial: 125,88 km
Deslocamento final: 151,96 km
Total do dia: 336,96 km
12h00 às 18h00: Chegada dos competidores
21h00: Cerimônia e Festa de Premiação
*Programação sujeita a alteração

Fonte:

  • Assessoria de Imprensa
    Ford Racing Trucks/Território Motorsport
  • Mércia Suzuki
  • Fotos: Jonne Roriz/Webventure e Divulgação
Comente aqui


Rally dos Sertões: Segunda vitória consecutiva de Luiz Facco e Humberto Ribeiro na Pró Brasil

 

Equipe Acelera Siriema fatura mais uma, desta vez, a 5ª Especial e a mais longa do rali, que chegou a Diamantina. A penúltima etapa será nesta sexta-feira e marca o final da Maratona

28 de agosto de 2014– Primeiro na Pró Brasil e sexto na Geral dos Carros. Este foi mais um resultado positivo obtido pela dupla Luiz Facco e Humbero Ribeiro, que nesta quinta-feira, venceu a quinta etapa do Rally dos Sertões. Foi a segunda vitória consecutiva da Equipe Acelera Siriema, que terminou ainda com sexto melhor tempo da Geral nos Carros, marcando 4h52m36s para completar o trecho cronometrado de 335,98 quilômetros, de um percurso total de 645,44 do dia mais longo da 22ª edição.
E não foi uma vitória qualquer, pois era dia da primeira fase da etapa Maratona, que não permite auxílio mecânico externo, onde os competidores precisam ao mesmo tempo buscar um bom resultado e, ainda, poupar o equipamento para a etapa seguinte. Mas isto não foi problema para a dupla do carro #310, que além de cravar o melhor tempo na categoria completou o trecho com êxito entre os 10 melhores da prova – são 43 carros na disputa.
“Esta foi uma prova digna de Sertões. Especial técnica, bastante travada, perigosa em vários trechos de serra, com quebradeira e uma prova gostosa com um grau de dificuldade que gostamos de enfrentar”, relata Facco. Mas a habilidade do piloto foi crucial para vencer a quinta etapa. “Como largamos com o tanque cheio, o carro estava pesado e tivemos problemas com o freio praticamente em 80% da prova, deu trabalho, sobretudo, nos trechos de serra, com pedras, onde o freio não funcionava, mas o importante é que deu tudo certo e vencemos mais uma”, explica o piloto, que completa 11 participações na competição e é bicampeão na categoria Super Production em 2009 e 2010.
O navegador também aprovou o percurso e fala da expectativa para esta sexta-feira, que marca também o final da etapa Maratona. “Vamos manter o mesmo ritmo de prova e ir em busca de mais um bom resultado, porque carro para isto temos”, diz Ribeiro.
A penúltima etapa do Rally dos Sertões tem largada e chegada em Diamantina (MG), será uma prova em laço com um percurso total de 204,29 km. Na reta final do rali, competidores das categorias Carros, Caminhões, Motos, Quadriciclos e UTVs se preparam para a chegada em Belo Horizonte, neste sábado, 30.
Para acompanhar as notícias da Equipe Acelera Siriema acesse a página no Facebook: http://migre.me/jaI3x e também conheçam o novo site da equipe www.acelerasiriema.com.br
A Equipe Acelera Siriema, com sede na região de Alphaville (SP), conta com o patrocínio da Gonçalves S/A Indústria Gráfica, Yokohama e apoio da Fontoura Dias Stands e Acelera Siriema Rally.
Resultado (extra-oficial) Etapa 5 – 28/08
Categoria Pró Brasil (três primeiros)

1 #310 LUIZ FACCO/HUMBERTO RIBEIRO (ACELERA SIRIEMA) 04h52min36s
2 #356 JORLEY JR./MAYKEL JUSTO (MEM MOTORSPORT) 04h58min22s
3 #303 JOSE NOGUEIRA/ALYSON ANTUNES (MANDACARU RALLY TEAM) 05h28min42s
Resultado Geral (extra-oficial) Carros – 28/08 (10 primeiros)
1 #308 REINALDO VARELA/GUSTAVO GUGELMIN (DIVINO FOGO RALLY TEAM) 04h25min11s
2 #316 CRISTIAN BAUMGART/BECO ANDREOTTI (X RALLY TEAM / NWM) 04h26min30s
3 #302 GUIGA SPINELLI/YOUSSEF HADDAD (MITSUBISHI PETROBRAS) 04h28min09s
4 #360 JOÃO FRANCIOSI/RAFAEL CAPOANI (MITSUBISHI PETROBRAS) 04h47min10s
5 #320 SYLVIO NETO/EDUARDO BAMPI (MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 04h49min56
6 #310 LUIZ FACCO/HUMBERTO RIBEIRO (ACELERA SIRIEMA) 04h52min36s
7 #322 MICHEL TERPINS/SVEN VON BORRIES (MEM – BULL SERTOES) 04h55min38s
8 #356 JORLEY JR./MAYKEL JUSTO (MEM MOTORSPORT) 04h58min22s
9 #331 GLAUBER FONTOURA/MINAE MIYAUTI(MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 05h04min09s
10 #364 ROMEU FRANCIOSI/ROGERIO ALMEIDA (MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 05h13min51s
Programação da 22ª edição Rally dos Sertões:
29/08 – 6ª etapa – Diamantina (MG)/Diamantina (MG)
Deslocamento inicial: 0 km
Trecho especial: 178,87 km
Deslocamento final: 25,42 km
Total do dia: 204,29 km
30/08 – 7ª etapa – Diamantina (MG)/Belo Horizonte (MG)
Deslocamento inicial: 54,38 km
Trecho especial: 125,88 km
Deslocamento final: 151,96 km
Total do dia: 336,96 km
12h00 às 18h00: Chegada dos competidores
21h00: Cerimônia e Festa de Premiação
*Programação sujeita a alteração

Fonte: Assessoria de Imprensa – Equipe Acelera Siriema
Mércia Suzuki

Fotos: Gustavo Epifânio/Webventure, Victor Eleutério/Webventure, Sanderson Pereira/ Photo-S, Dfotos e Ricardo Leizer/Webventure

Comente aqui


Rally dos Sertões: Duplas da Bull Sertões Rally Team concluem com êxito etapa Maratona

Michel Terpins/Sven von Borries finalizaram em 3º e Rodrigo Terpins/Fabrício Bianchini em 6º na Protótipos T1. No acumulado estão em 4ª e 3ª lugares e seguem, nesta sexta, para a penúltima etapa
28 de agosto de 2014 -O Rally dos Sertões está chegando à reta final e a Equipe Bull Sertões Rally Team sobe na classificação do ranking da Protótipos T1 a cada dia. Na quinta etapa disputada na quinta-feira entre São Francisco e Diamantina, em Minas Gerais, no dia mais longo da 22ª edição (645, 44 quilômetros e 335,98 de trechos cronometrados), as duplas concluíram com êxito a primeira parte da etapa Maratona, quando não é permitido auxílio mecânico externo.
A bordo do carro #322, Michel Terpins e Sven von Borries conquistaram o terceiro lugar na categoria, com o tempo de 4h55m38s. Além disto, terminaram o dia em sétimo na Geral dos Carros, entre os 43 que disputam a prova. Com o resultado subiram no acumulado e, após cinco etapas estão em quarto lugar na Protótipos T1. “Adorei a etapa, se tivesse mais 200 quilômetros pilotaria com prazer”, afirma Michel, referindo-se a Especial que contou com trechos de serra, com precipícios, pedras, trial, travessia de rio entre outros obstáculos apreciados pelos amantes do Rally Cross Country. “Concluímos o primeiro dia da etapa Maratona com um bom resultado e, ainda, o carro terminou inteiro, mesmo com tanta quebradeira”, completa o piloto.
A navegação também foi bastante exigida. “Andamos bem e forte, mas a prova teve muita navegação porque a alternância de pisos era intensa, com trechos sinuosos, rápidos, travados, de serra, mas foi a Especial mais completa desde que largamos em Goiânia. Agora é encarar o final da Maratona e concluir mais uma etapa”, afirma Borries.
Já Rodrigo Terpins e Fabrício Bianchini, dupla do carro #326, terminaram o duro percurso com o sexto tempo da categoria, 5h21m38s e o 13ª da Geral. Mas como a dupla vem evoluindo a cada etapa concluída, chegou a terceira colocação da Protótipos T1, no acumulado dos cinco dias de rali. “Fiquei impressionado como essa região de Minas tem belas paisagens e ainda tivemos uma Especial com tudo que tinha direito. Por isto, optamos por poupar o carro para largar bem nesta sexta-feira e também para não comprometer nosso resultado”, destaca o piloto Rodrigo.
Nesta sexta-feira, os competidores disputam o penúltimo dia da prova. Será um “laço”, com largada e chegada em Diamantina. Após dois longos dias seguidos, a sexta etapa será menor e terá o total de 204,29 km e 178,87 km de trecho cronometrado.
Os irmãos Rodrigo e Michel Terpins pilotam pela primeira vez um T-Rex na competição. Para acompanhar as notícias da equipe Bull Sertões Rally Team durante o rali acesse também a página no Facebook: http://migre.me/l0mjN
A equipe Bull Sertões Rally Team conta com patrocínio da Bull Sertões, 100% Eventos, Xarla e apoio da equipe MEM.
Resultado 5ª Etapa – 28/8 (extra-oficial):
Categoria – Protótipos T1

1 #360 JOÃO FRANCIOSI/RAFAEL CAPOANI (MITSUBISHI PETROBRAS) 04h47min10s
2 #320 SYLVIO BARROS NETO/EDUARDO BAMPI (MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 04h49min56
3 #322 MICHEL TERPINS/SVEN VON BORRIES (MEM – BULL SERTOES) 04h55min38s
4 #364 ROMEU FRANCIOSI/ROGERIO ALMEIDA (MITSUBISHI RALLIART BRASIL) 05h13min51s
5# 305 ROBERTO REIJERS/FAUSTO DALLAPE (FORD) 05h16m182
6 # 326 RODRIGO TERPINS/ FABRÍCIO BIANCHINI 05h24m02s
Categoria Protótipos T1 – Acumulado, após cinco etapas (cinco primeiros):
1 JOÃO FRANCIOSI/RAFAEL CAPOANI 14h37m08
2 ROMEU FRANCIOSI/ROGEIRO ALMEIDA 15h06m23s
3 RODRIGO TERPINS/ FABRÍCIO BIANCHINI 16h15m58s
4 MICHEL TERPINS/SVEN VON BORRIES 17h43m52s
5 SYLVIO BARROS NETO/EDUARDO BAMPI 18h09m20s
Programação da 22ª edição Rally dos Sertões:
29/08 – 6ª etapa – Diamantina (MG)/Diamantina (MG)
Deslocamento inicial: 0 km
Trecho especial: 178,87 km
Deslocamento final: 25,42 km
Total do dia: 204,29 km
30/08 – 7ª etapa – Diamantina (MG)/Belo Horizonte (MG)
Deslocamento inicial: 54,38 km
Trecho especial: 125,88 km
Deslocamento final: 151,96 km
Total do dia: 336,96 km
12h00 às 18h00: Chegada dos competidores
21h00: Cerimônia e Festa de Premiação

Patrocínio

Fonte: Assessoria de Imprensa: Equipe Bull Sertões Rally Team
Mércia Suzuki

Fotos: Ricardo Leizer/Webventure, Gustavo Epifânio/Webventure e Jonne Roriz/Webventure

Comente aqui


Piloto Helena Soares e a incrível experiência de ser a repórter do Rally dos Sertões

Uma rotina tão puxada quanto a de um competidor… A piloto Helena Soares trabalha dia e noite em busca das melhores entrevistas do Rally dos Sertões

29 de agosto de 2014 – Eleita em 2011 a Musa do Rally dos Sertões – título pelo qual a piloto ainda faz juz -, Helena Soares vive uma experiência inusitada e marcante em sua vida. Apesar de não estar disputando a 22ª edição do segundo maior rali do mundo, a beldade acompanha a competição e, mais do que isso, colabora para registrar as maiores emoções que o evento é capaz de proporcionar.
Com todo o conhecimento que possui do rali cross-country, Helena leva para o telespectador um olhar diferenciado na produção de matérias, explorando peculiaridades do esporte. O material que a piloto produz também é exibido diariamente pela ESPN. “Percebi que essa é uma oportunidade de mostrar o rali sob a ótica de quem o vive de fato. As pessoas que estou trabalhando, me dão liberdade de criar pautas, gostam das minhas sugestões e formatos. Estou extremamente feliz com essa experiência, que tem acrescido positivamente para a minha carreira como piloto e também como pessoa. Se eu já reconhecia os jornalistas, agora, valorizo ainda mais essa profissão”, declarou Helena.
A piloto conta que, para o resultado ser atingido, são necessárias muitas horas de dedicação. A equipe de reportagem se reúne diversas vezes ao dia para discutir as pautas que serão realizadas e, no decorrer das atividades, verificam se está acontecendo tudo da maneira planejada. Depois o material é editado e enviado às emissoras que estão divulgando o Rally dos Sertões.
“A minha correria continua a mesma, como se estivesse em prova”, disse Helena. “Por exemplo, na terceira etapa, que terminou em Paracatu, MG, depois de um dia inteiro produzindo, fomos para o hotel apenas para tomar um banho e, em duas horas, estávamos na estrada, rumo à São Francisco, MG, destino da quinta etapa. Viajamos a madrugada inteira e parte da manhã, para chegar no parque de apoio e recomeçar as entrevistas”, contou.
O Rally dos Sertões largou de Goiânia, GO, no último dia 24, e terminará amanhã, 30, em Belo Horizonte. O certame já passou por Caldas Novas (GO), Catalão (GO), Paracatu (MG), São Francisco (MG), e hoje está montado em Diamantina (MG).
Helena também garantiu que retornará as competições off-road na próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country.
Programação – 22º Rally dos Sertões
29/08 – 6ª etapa – Diamantina (MG)/Diamantina (MG)
Deslocamento inicial: 0 km
Trecho especial: 178,87 km
Deslocamento final: 25,42 km
Total do dia: 204,29 km
30/08 – 7ª etapa – Diamantina (MG)/Belo Horizonte (MG)
Trecho especial: 54,38 km
Deslocamento inicial: 125,88 km
Deslocamento final: 151,96 km
Total do dia: 336,96 km
Helena Soares conta com o patrocínio de Ball Service, Petrobol e Petrobol Racing

Fonte:

Liberdade de Ideias
Isis Moretti

www.liberdadedeideias.com.br

Fotos: Sanderson Pereira

Comente aqui