Alunos escrevem o que gostariam de ler no jornal

Em Marialva, os alunos do quinto ano da rede municipal de ensino recebem o Diário em sala de aula para a realização de atividades. A professora, Amélia Watanabe Horita desenvolve o projeto na Escola Municipal Dr Milton Tavares Paes.

“Quando o jornal chega em sala, proponho aos estudantes que realizem a leitura do material, e em seguida, discutimos os assuntos das notícias publicadas”, conta a educadora.

Amélia percebeu, em algumas conversas, que parte deles não estavam satisfeitos com aquilo que liam, então teve a ideia de dar voz aos alunos. “Pedi que desenvolvessem uma produção textual relatando o que gostariam de ler nas notícias do impresso”.

Cansada de ver tantas notícias ruins, Isabella Querois Cruz, do 5º ano A, desenvolveu um texto opinativo sobre o que gostaria de ler no jornal, desde preocupações ambientais a questões que envolvem drogas e violência.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.